Total de visualizações de página

terça-feira, dezembro 08, 2015

Delegado Éder Mauro (PA) representa o Pará no impeachment



08/12/2015 18h44 - Atualizado em 08/12/2015 18h44
Veja os integrantes da chapa eleita para a comissão do impeachment
Integrantes de chapa avulsa foram eleitos em votação secreta no plenário.
Em meio à votação, houve confusão e deputados quebraram urnas.


Do G1, em Brasília
Em votação secreta, a Câmara dos Deputados elegeu nesta terça-feira (8), por 272 votos, a chapa alternativa integrada por deputados de oposição e dissidentes da base governista para a comissão especial do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff.
Veja os integrantes da chapa alternativa:
PMDB (8 vagas)
Osmar Terra (RS)
Lelo Coimbra (ES)
Carlos Marum (MS)
Lúcio Vieira lima (BA)
Manoel Junior (PB)
Mauro Mariani (SC)
Flaviano Melo (AC)
Osmar Serraglio (PR)
PSDB (6 vagas)
Carlos Sampaio (SP)
Bruno Covas (SP)
Shéridan (RR)
Rossini (PR)
Nilson leitão (MT)
Paulo Abi-Ackel (MG)
PSB (4 vagas)
Fernando Coelho Filho (PE)
Danilo Forte (CE)
Bebeto (BA)
Tadeu Alencar (PE)
PSD (4 vagas)
Sóstenes cavalgante (RJ)
Evandro Roman (PR)
João Rodrigues (SC)
Delegado Éder Mauro (PA)
PP (4 vagas)
Jerônimo Goergen (RS)
Jair Bolsonaro (RJ)
Luiz Carlos Heinze (RS)
Odelmo Leão (MG)
PTB (3 vagas)
Ronaldo Nogueira (RS)
Benito Gama (BA)
Sérgio Moraes (RS)
SD (2 vagas)
Fernando Francischini (PR)
Paulo Pereira da Silva (SP)
DEM (2 vagas)
Rodrigo Maia (RJ)
Mendonça Filho (PE)
PSC  (2 vagas)
Marco Feliciano (SP)
Eduardo Bolsonaro (SP)
PPS (1 vaga)
Alex Manente (SP)
PEN (1 vaga)
André Fufuca (MA)
PHS (1 vaga)
Kaio Maniçoba (PE)
PMB (1 vaga)
Major Olímpio (SP)
·          

Servidor do Estado recebe décimo terceiro salário a partir do dia 14
A partir da próxima segunda-feira, dia 14, o Governo do Pará começará a pagar o 13º salário dos servidores da administração direta e indireta do Estado. Mesmo diante da crise pela qual passa o País, com ameaças de atrasos em pagamentos e cortes orçamentários, o governo do Pará garantiu os benefícios nas datas certas. O custo total da folha com o salário extra chega a R$ 702.652 milhões, que beneficiarão 106.981 servidores ativos e 44 mil inativos e pensionistas.
O governo, por meio da Secretaria de Administração, anuncia ainda o calendário previsto para o pagamento dos salários de dezembro, que somam mais R$ 736.154 milhões, a serem pagos a partir do dia 23 de dezembro.
De acordo com Alice Viana, titular da Sead, o pagamento dos salários de dezembro e do décimo terceiro, sem atrasos, é fruto de uma gestão fiscal e financeira responsável ao longo do ano e representa um montante de R$ 1.438.806 bilhões injetados na economia do Estado. "Mesmo com a crise econômica instalada no País, que tem provocado queda de receita transferida pela União aos Estados e limitado a capacidade financeira para gastos com pessoal e outras despesas de custeio e investimento, o Estado tem conseguido cumprir os compromissos assumidos com seus servidores", explica a secretária. 
Confira o calendário de pagamento do 13º Salário:
Dia 14 (segunda-feira) - Inativos militares e pensionistas militares.
Dia 15 (terça-feira) - Inativos civis, pensionistas civis e pensionistas especiais da Sead.
Dia 16 (quarta-feira) - Auditoria Geral, Casa Civil, Casa Militar, Defensoria Pública, Gabinete da Vice-governadoria, Procuradoria Geral, Sedap, Sectet, Sead, Sefa, Seplan, Semas, Secult, Seel, Sedeme, Sejudh, Sedop, Sespa, Seaster, Setran, Secom, Setur e NAC.
Dia 17 (quinta-feira) - Corpo de Bombeiros, Polícia Civil, Polícia Militar, Segup, Adepará, Arcon, Asipag, Codec, Ceasa, Cohab, CPC Renato Chaves, Detran, EGPA, Emater, FCG, FCP, Fasepa, Funtelpa, Fapespa, Hospital de Clínicas, Hospital Ophir Loyola, Hemopa, Imetropará, Iasep, Igeprev, Imprensa Oficial do Estado, Iterpa, Jucepa, Prodepa, Santa Casa, Susipe, Uepa, Ideflor-Bio, CPH, NGTM, Fundação Pro Paz.  
Dia 18 (sexta-feira) – Seduc (capital e interior)
Confira também o calendário previsto para o pagamento dos salários de dezembro:
Dia 23 (quarta-feira) - Inativos militares e pensionistas militares / Inativos civis, pensionistas civis e pensionistas especiais da Sead.
Dia 28 (segunda-feira) - Auditoria Geral, Casa Civil, Casa Militar, Defensoria Pública, Gabinete da Vice-governadoria, Procuradoria Geral, Sedap, Sectet, Sead, Sefa, Seplan, Semas, Secult, Seel, Sedeme, Sejudh, Sedop, Sespa, Seaster, Setran, Secom, Setur e NAC.
Dia 29 (terça-feira) - Corpo de Bombeiros, Polícia Civil, Polícia Militar, Segup, Adepará, Arcon, Asipag, Codec, Ceasa, Cohab, CPC Renato Chaves, Detran, EGPA, Emater, FCG, FCP, Fasepa, Funtelpa, Fapespa, Hospital de Clínicas, Hospital Ophir Loyola, Hemopa, Imetropará, Iasep, Igeprev, Imprensa Oficial do Estado, Iterpa, Jucepa, Prodepa, Santa Casa, Susipe, Uepa, Ideflor-Bio, CPH, NGTM, Fundação Pro Paz.  
Dia 30 (quarta-feira) – Seduc (capital e interior).
Texto:
Bianca Teixeira


Caravana Pro Paz encerra passagem por Breves com quase cinco mil pessoas atendidas
Giovane Silva, 18 anos, é morador do município de Breves, no Marajó. Caçula de sete irmãos, ele planeja conquistar o primeiro emprego e buscou os serviços da Caravana Pro Paz para garantir sua primeira carteira de trabalho. Documento em mãos, ele comemorou os primeiros passos rumo ao futuro que pretende escrever. “Estou tentando uma vaga para atendente de farmácia. Já fiz um curso na área e só faltava no meu currículo a carteira, que hoje finalmente eu consegui obter por meio dessa ação.”
A mãe de Giovane é empregada doméstica e o pai se divide entre o emprego de vigilante e o ponto de açaí onde opera como batedor. Ele conta que pretende trabalhar para ajudar o pais no sustento da família. “Quero poder retribuir tudo que meus pais já fizeram por mim. Meu outro irmão já é casado e não mora mais em casa, então sou o mais velho agora. Moramos em uma casa muito pequena e simples, mas com esse emprego vou poder ajudar meu pai a reformá-la”, conta.
Com cerca de 98 mil habitantes, Breves é uma das cidade mais movimentadas do Marajó. A Caravana Pro Paz Cidadania chegou ao município no último sábado, 5, e encerrou sua atividades, concentradas na Escola Estadual Elizete Fona Nunes, nesta terça-feira, 8. Durante quatro dias de ação foram emitidas 1460 carteiras de identidade, 442 carteiras de trabalho, 580 certidões de nascimento, 1433 fotos 3x4, além de 286 orientações jurídicas. Os serviços médicos somaram mais de 600, com quase cinco mil pessoas atendidas.
Cleiciane Costa, 24 anos, aproveitou a ação para levar a filha Ana Julia, de 6 anos, para ser avaliada clinicamente. “Fiquei sabendo da ação pela rádio e aproveitei para consultar a minha filha. Gostei muito do atendimento, a equipe médica foi ótima. Nossa população precisa muito desse tipo de serviço e os projetos que o Pro Paz traz para o município são sempre muito bem vindos”, contou.
Disposta a por um fim nos transtornos constantes causados pela falta de um documento de identificação, Michelle Pereira, 19, procurou a Caravana para garantir a emissão do Registro Geral. “Já enfrentei muitas dificuldades por não ter minha carteira de identidade, agora me sinto uma cidadã de verdade. Nossa população precisa muito de projetos como esse, que reúnem vários serviços em um único lugar. Isso facilita bastante a nossa vida”, relatou.
A Caravana Pro Paz Cidadania já percorreu os municípios de Bagre, Curralinho, Portel e Breves e agora seguirá para Melgaço, onde permanecerá entre os dias 10 e 12 de dezembro. Ao todo, cerca de 14 mil pessoas já foram beneficiadas.
Texto:
Mayara Albuquerque







Postar um comentário

REVISTAS MEDIUNIDADE

JESUS: "Choro por todos os que conhecem o Evangelho, mas não o praticam...”

Ofuscado pela grandeza do momento, começou a chorar. Viu, porém, que Jesus chorava também... E, Eurípedes, falou – Senhor, por que ch...