Total de visualizações de página

quarta-feira, dezembro 26, 2012

Governador faz a última entrega do ano do Cheque Moradia nesta quinta-feira



Nota Fiscal Cidadã distribuirá R$ 163 mil
em prêmios nesta quinta-feira
Será realizado nesta quinta-feira, 27, às 10h, o primeiro sorteio do programa Nota Fiscal Cidadã, no auditório da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefa), em Belém. Serão contemplados 2.148 bilhetes, no valor total de R$ 163.950,00. “No mesmo dia, assim que o sorteio for encerrado, os resultados serão disponibilizados no site do Programa”, informa o secretário da Fazenda, José Tostes Neto.
A premiação será distribuída da seguinte forma: um prêmio de R$ 20 mil; um prêmio de R$ 12 mil; um prêmio de R$ 5 mil; 10 prêmios de R$ 500,00; 38 prêmios de R$ 200,00; 190 prêmios de R$ 100,00; e 1.907 prêmios de R$ 50,00. A Loterpa vai auditar o sorteio, que será acompanhado pelos membros do Conselho Consultivo do Programa.
A entrega oficial da premiação será no dia 4 de janeiro, com a presença do governador Simão Jatene. Os valores dos prêmios serão depositados em conta corrente ou caderneta de poupança dos contemplados, pelo Banco do Estado do Pará (Banpará). A Sefa repassará à instituição financeira os dados com identificação dos valores dos prêmios e dos consumidores contemplados.
Para definição do montante global da premiação do programa, foi considerado o valor do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) recolhido no período de referência de cada sorteio, pelos estabelecimentos enquadrados no programa Nota Fiscal Cidadã.
SORTEIO
Para o sorteio, a Sefa vai utilizar software baseado em algoritmos matemáticos públicos. No site do programa, o consumidor, utilizando senha, pode acessar sua área e saber a quantidade e numeração dos bilhetes gerados para o sorteio. A Loteria do Estado do Pará (Loterpa) responsável pela auditoria, emitirá  Laudo de Inspeção Prévia atestando a conformidade dos sistemas, da infraestrutura tecnológica utilizada e dos procedimentos adotados.
“O sorteio será realizado de forma automatizada por software específico, que gerará um arquivo dos números de bilhetes premiados, sem a identificação do consumidor, em igual quantidade ao número de prêmios a serem distribuídos por faixa de premiação. A numeração dos bilhetes eletrônicos será atribuída de forma aleatória para cada consumidor. Em seguida haverá a associação do bilhete premiado ao CPF/CNPJ do consumidor contemplado”, explica Rutilene Garcia, coordenadora do Nota Fiscal Cidadã.

Texto:
Ana Márcia Pantoja-Sefa




NOVELA
Morena se entrega para Russo em
troca da liberdade de Junior

Por FAMOSIDADES

SÃO PAULO - Agora que 'Salve Jorge' tem conseguido elevar os índices de audiência, a trama poderá sofrer algumas mudanças não muito boas a partir dos próximos capítulos.
Isso porque alguns atores do folhetim das 21h teriam pedido para deixar a novela de Gloria Perez. O motivo? Pouco espaço na produção.
Segundo a colunista Keila Jimenez, do jornal 'Folha de S. Paulo', uma parte do elenco, formado por grandes estrelas, estaria incomodado por aparecer pouco nas cenas. Por essa razão, muitos desses artistas não estariam tencionando ir até o fim das gravações. Xiii...




"Salomé" é eleita um dos maiores
espetáculos do ano, segundo jornal
A montagem da ópera "Salomé", de Richard Strauss, apresentada na programação do XI Festival de Ópera do Theatro da Paz, foi eleita um dos maiores espetáculos apresentados este ano, em todo o país, pelo jornal “O Estado do São Paulo”. Na reportagem intitulada “Nossas Escolhas de 2012”, a publicação elencou na categoria concertos e óperas, ao lado da montagem paraense, outros nove espetáculos de grande expressão, como “Missa em Si Menor”, da Academia Bach de Leipzig, e o recital de Andras Schiff, com sonatas de Haydn, Beethoven e Schubert, ambos apresentados em São Paulo.
Inspirado em um trecho bíblico e concebido a partir da obra do dramaturgo Oscar Wilde, “Salomé” conta a história da protagonista homônima, que se apaixona pelo profeta João Batista. O libreto de Hedwig Lachmann traz a Salomé descrita no texto teatral de Wilde. O ápice da história acontece no palácio de Herodes, na noite de seu aniversário. O rei, apaixonado pela beleza e sensualidade de Salomé, pede que ela dance para ele. Se assim o fizesse, ela poderia lhe pedir o que quisesse. Herodíades, com ódio de João Batista, sugere à filha que dance e peça em troca a cabeça de João Batista.
Para o diretor artístico do Festival de Ópera, Gilberto Chaves, a escolha de “Salomé” - apontada como um dos maiores desafios do festival em seus mais de dez anos de existência -, reafirma a inserção do Estado no cenário cultural brasileiro. “Essa escolha nos encheu de orgulho e representa o êxito do festival, que passou a ser referência para todo o Brasil”, comemorou. Chaves também destacou o artigo escrito pelo jornalista João Luís Sampaio, do mesmo jornal, que se referiu ao espetáculo como o “começo de um novo momento de ousadia na programação do festival”.
Outro momento que ganhou repercussão na imprensa nacional foi o projeto musical “Quando o Jazz Encontra a Ópera”, idealizado por Paulo Chaves, titular da Secretaria de Estado de Cultura (Secult) e imediatamente aceito pelo maestro Nelson Neves, da Amazônia Jazz Band. Com arranjos especialmente adaptados para o espetáculo, a apresentação dos 21 componentes da big band paraense e das 60 vozes do Coro Lírico do Festival empolgou o público e foi destaque em rede nacional, no do Jornal do Globo.
Já com reconhecimento da crítica especializada, para Gilberto Chaves, o maior desafio, no entanto, ainda está por vir. Em 2013, quando será comemorado o bicentenário Richard Wagner e Giuseppe Verdi, considerados os dois maiores compositores de ópera do mundo, a direção do festival trabalhará para superar o êxito desta edição. Para isso, dois clássicos do teatro de ópera estão confirmados na programação: "Navio Fantasma", Wagner, e "Il Trovatore", de Verdi. “Diferentemente de Verdi, que já teve inúmeras apresentações, pela primeira vez na história do Estado será apresentada um obra de Wagner no Theatro da Paz. Nosso desafio agora é manter o nível de 'Salomé' nessas obras, em 2013”, avalia.

Texto:
Amanda Engelke-Secom




Espetáculo “Da cor do açaí” encerra
temporada 2012 do Pôr-do-Som
O grupo de Tradições Amazônicas Mapinguari encerra a temporada 2012 do projeto Pôr-do-Som na Estação das Docas. Danças folclóricas e as lendas são o foco do espetáculo. A apresentação intitulada “Da cor do açaí”, acontece nesta sexta-feira (28), a partir das 18h, na Orla do Armazém 3, com entrada gratuita.
O trabalho do grupo Mapinguari gira em torno das tradições folclóricas, onde são combinadas coreografias de danças essencialmente folclóricas com outras linguagens artísticas, como danças coreografadas. As canções de compositores da terra compõem o repertório do grupo. Entre eles, destacam-se nomes como: Alfredo Reis, Marcio Montoril, Nilson Chaves, Renato Brás e Waldemar Henrique.
Desde a inauguração da Estação das Docas, em 2000, todas as sextas-feiras, acontece o projeto Pôr-do-Som, visando a valorização da cultura tradicional do Pará. Nesta sexta, o espetáculo do grupo Mapinguari faz um passeio pelo folclore de raiz e o contemporâneo. “Apresentaremos várias danças coreografadas que unem a tradição com novas roupagens para os ritmos, como xote, maçarico, lundum, pretinha de angola e carimbó”, adianta a coordenadora do grupo Winélly Pinheiro.
Cerca de 30 pessoas, entre dançarinos e músicos se apresentarão no espetáculo, que prepara, ainda, a interpretação das lendas amazônicas, com destaque para a do “Tamba-Tajá”. As lendas do Boto, Iara e Cobra Grande também estão inclusas no roteiro da apresentação.
O projeto Pôr-do-Som é uma realização do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Cultura (Secult), através da Organização Social Pará 2000, que administra a Estação das Docas, que promove durante todo o ano, programações culturais gratuitas à população.

Texto:
Camila Barros-Pará 2000


Governador faz a última entrega do ano
do Cheque Moradia nesta quinta-feira



O governador Simão Jatene entrega nesta quinta-feira, 27, Cheque Moradia para pessoas com deficiência, pessoas atendidas pela ONG Pará Vida e famílias carentes, no auditório do Centro Integrado de Inclusão e Cidadania (CIIC), em Belém, a partir das 9h.
Além de famílias em situação de vulnerabilidade social, serão contempladas pessoas atendidas pela ONG Pará Vida e pessoas com deficiência, inscritas no CIIC, gerenciado pela Secretaria de Assistência Social (Seas).
Este ano, o programa Cheque Moradia já beneficiou mais de três mil famílias paraenses, garantindo a construção, melhoria ou ampliação de suas moradias e colaborando para a diminuição do déficit habitacional.
São R$ 22 milhões em recursos públicos destinados à habitação no ano de 2012. A Companhia de Habitação do Pará (Cohab), que coordena o programa, comemora o feito e promove a última entrega do benefício em 2012, com a participação do governador Simão Jatene.
                             

Obras em rodovias exigem
Atenção redobrada dos motoristas
A Secretaria de Estado de Transportes (Setran) desenvolve obras de recuperação nos principais corredores de tráfego das diversas regiões do Estado, a fim de cumprir a meta estabelecida na Agenda Mínima pelo governador Simão Jatene. A secretaria solicita a atenção redobrada dos condutores de veículos que estarão utilizando as rodovias no feriadão de fim de ano.
As obras de recuperação e reconstrução de rodovias seguem em andamento na Alça Viária, PA-150, PA-127, PA-279, PA-287, PA-275, PA-255 e PA-151, entre outras de grande fluxo.
O objetivo é avançar o quanto for possível antes da chegada das chuvas fortes que impedem a aplicação do asfalto.
Os motoristas devem redobrar a atenção ao se aproximar dessas áreas. “É prudente que o condutor observe a velocidade permitida na rodovia e reduza ainda mais nos trechos das obras para 20 km/h ou menos”, alerta o secretário de Transportes, Eduardo Carneiro. “Existem longos trechos que nós estamos retirando todo o pavimento estragado e refazendo a base com seixo ou piçarra e a pista fica escorregadia. Por isso, é obrigatório que o carro passe bem devagar”, explica Carneiro.
Por causa das obras, os viajantes vão encontrar, nos dias de semana, máquinas pesadas retirando o que restou do asfalto antigo, caçambas despejando piçarra e massa de asfalto quente, rolo compressor e outros equipamentos, além de dezenas de operários ocupando metade da pista em diversos trechos das rodovias.
ASFALTO NOVO
Em outros trechos, que já estão com nova pavimentação, também é necessário o motorista ter a consciência de não imprimir velocidade exagerada e causar acidentes. Em rodovias como a PA-287, na Alça Viária, de Redenção a Conceição do Araguaia; PA-275, que leva até Parauapebas; e PA-127, de acesso Maracanã, que estão com asfalto novo, fica fácil correr. Por isso, o motorista deve ter a responsabilidade com a vida dele e de outras pessoas que ele possa prejudicar ao abusar da velocidade.

Texto:
Dinan Laredo-Setran


Grupo de carimbó Os Canarinhos lança
seu primeiro CD na Estação Gasômetro
Com repertório totalmente regional, composto pelo legítimo carimbó de raiz, o grupo Os Canarinhos lança nesta sexta-feira, 28, às 20h, seu primeiro CD, no Teatro Estação Gasômetro, do Parque da Residência. O evento conta com apoio promocional da Companhia Paraense de Turismo (Paratur).
Formado em 2005, o grupo é originário de Curuçá, no nordeste paraense, considerado um dos berços do carimbó. Os moradores do município fazem da dança uma maneira de divulgar, resgatar e fortalecer a cultura marajoara, símbolo da cultura regional do povo paraense.
“Nosso objetivo é divulgar a cultura e tradição do nosso povo, como o carimbó de raiz”, explica o coordenador do grupo e professor de música Luis Eugênio Monteiro. Ele destaca que o show também terá um caráter social. “Além de lançar nosso primeiro CD, pretendemos arrecadar brinquedos para presentear as crianças carentes do nosso município”. Os ingressos custarão apenas R$ 2,00 mais um brinquedo.
Com um ritmo ímpar e envolvente, o carimbó encanta turistas de todos os lugares do Brasil. Os Canarinhos prometem uma noite divertida, com uma roda de carimbó que não vai deixar ninguém parado. O show contará com a participação com os grupos Sancari e Santo de Pau Oco, ambos de Belém.
O grupo Os Canarinhos foi criado com o objetivo de valorizar e reconhecer os mestres locais do carimbó. Os mestres paraenses Marcílio Garcia, Sandoval Soares, Moisés Barata e Luiz Eugênio Monteiro, compositores e intérpretes das músicas, são acompanhados por nove músicos e seis dançarinos, todos oriundos da vila de Araquaim, em Curuçá.
SERVIÇO
O grupo Os Canarinhos lança seu CD nesta sexta-feira, 28, às 20h, no Teatro Estação Gasômetro, do Parque da Residência (av. Governador Magalhães Barata, 830). Ingressos: R$ 2,00 mais um brinquedo. Informações: (91) 9111-0911 / 8043-2694.

Texto:
Carlos Gondim-Secom




Postar um comentário

REVISTAS MEDIUNIDADE

JESUS: "Choro por todos os que conhecem o Evangelho, mas não o praticam...”

Ofuscado pela grandeza do momento, começou a chorar. Viu, porém, que Jesus chorava também... E, Eurípedes, falou – Senhor, por que ch...