Total de visualizações de página

segunda-feira, setembro 23, 2013

CASA DO CAMINHO RETOMADA DO SOPÃO





















A Associação Espírita Casa do Caminho (AECC), localizada no bairro de Batista Campos, retomou no domingo dia 22 de setembro, a distribuição do Sopão, que já acontece há dezesseis anos. A ação de caridade estava paralisada por três meses, por mudança do local onde fazer a sopa. O novo barracão fica agora no bairro de Nazaré (Alcindo Cacela entre Boaventura e Domingos Marreiros), na residência da irmã espírita Carmem Silva., que inclusive esteve de aniversário neste domingo.
Dois panelões (uma de 180 litros e outro de 100 litros) foram utilizados para fazer mais de 400 pratos de sopas, com produtos de doações especialmente dos Produtos Hiléia. É claro, o sopão estava bastante adubado, o que fez por várias vezes com que os moradores de rua repetisse as doses que eram servidas com pão. Cada dose de sopa era servida em vasilhames de garrafas pet que cortadas ao meio,  acompanhada de uma colher de plástico. Água mineral fluidificada era servido aos irmãos.
A Ação Social da Casa do Caminho também doou roupas e devido a necessidade, mais roupas deverão estar sendo distribuídas na próxima ação, o que acontecerá agora de quinze em quinze dias. Quem acompanhou o trabalho e que também é trabalhador da Casa do Caminho, foi o magistrado Leonan Cruz, que se disse feliz e bastante agradecido a Deus por tê-lo oportunizado a poder fazer essa ação pela primeira vez em sua vida. “Vim de Mosqueiro direto para ajudar e confesso que gostei e na próxima ação, trarei outros amigos para também ajudar”, prometeu ele.
A necessidade dos moradores de ruas é tamanha, onde eles pedem bastante lençol, roupas, querem conversar de suas necessidades, precisam de remédios, uma palavra de Deus os confortam bastante. Eles agradeceram em muito o apoio e todos os agradecimentos eram direcionados a Deus, que os irmãos espíritas que participaram, dentre os quais, o jornalista Jorge Mesquita, os direcionavam a agradecer diretamente a Deus, pois sem Ele nada poderiam fazer “e seria bom que se por pelo menos 10 pessoas que grandes possibilidades por semana praticassem esta ação, certamente esse retrato da vida seria modificado pra melhor, já que as necessidades são muitas”, complementou o jornalista.
Os locais visitados foram: Boaventura da Silva, ao lado do Hospital Beneficente Portuguesa, Rua Riachuelo, onde se concentra muitos moradores de ruas e senhoras da considerada ‘vida fácil’; Praça da Bandeira, Rua 7 de Setembro; Rua Manoel Barata; Rua Frutuoso Guimarães; Praça das Mercês; Rua Gaspar Viana, próximo ao  prédio do Jornal O LIBERAL; Praça Santo Antônio; Praça dos Estivadores; Rua 15 de Novembro; Oriental do Mercado; Ver-O-Peso, ao lado do Mercado; Feira do Açaí; Avenida 16 de Novembro com a João Alfredo, novamente Manoel Barata, na próximo ao antigo Buraco da Palmeiras; Avenida Presidente Vargas, em três pontos, onde se observou a grande a maior concentração de moradores de ruas e finalizando a distribuição, em frente a Básica de Nazaré e posteriormente retornando ao local de saída, na Casa da irmã Carmen, onde foi novamente rezado o Evangelho e cantado os parabéns para a sra. Carmen e também para airmã Bernardete, que contava idade nova.
A ação de caridade da Casa do Caminho teve o apoio espiritual, é claro, além de nosso Pai Maior, a do médico espírita dr. Bezerra de Menezes e a irmã Alzira Sandis e São Francisco de Assis. O coordenador geral da AECC, o irmão Antônio Martins ficou satisfeito com o resultado.
As fotos foram feitas pela REVISTA MEDIUNIDADE e servirão de exemplo para que quem quiser ajudar ainda mais a ação da CASA DO CAMINHO, devem procurar o Centro que fica na Avenida Engenheiro Fernando Guilhon, próximo a Padre Eutíquio, em Batista Campos, procurar a senhora Carmen Silva, a partir das 17 horas de terça a sábado. E que outras pessoas que queiram também ajudar os irmãos, se alternadamente nos finais de semanas, de 10 em 10,amigos se formam a em grupos e saíssem às ruas, iria amenizar em muito o povo de ruas.
Postar um comentário

REVISTAS MEDIUNIDADE

JESUS: "Choro por todos os que conhecem o Evangelho, mas não o praticam...”

Ofuscado pela grandeza do momento, começou a chorar. Viu, porém, que Jesus chorava também... E, Eurípedes, falou – Senhor, por que ch...