Total de visualizações de página

quinta-feira, outubro 04, 2012

NOTÍCIAS DESTA QUINTA, DIA 04



Dom Eliseu e Ulianópolis saem lista
de desmatamento do 
Ministério do Meio Ambiente
Os municípios paraenses de Dom Eliseu e Ulianópolis, integrantes do Programa Municípios Verdes (PMV), já estão oficialmente fora da lista dos que mais desmatam na Amazônia. A informação foi publicada no dia 28 de setembro pelo o Diário Oficial da União, por meio da Portaria Nº 324 do Ministério do Meio Ambiente (MMA). As duas localidades ao lado do município vizinho, Paragominas, fazem parte do grande corredor de grãos no Estado do Pará.
Agora, os municípios estão habilitados a receber os benefícios aprovados pelo Banco Central, que facilitam o acesso ao crédito rural para todos os produtores residentes nos municípios paraenses que estão fora da lista dos embargados pelo MMA.
Para sair da lista os dois municípios precisaram assinar o Termo de Compromisso com Ministério Público Estadual, o Pacto Contra o Desmatamento Local, alcançar a meta de 80% de área cadastrada no CAR (Cadastro Ambiental Rural) e apresentar um desmatamento menor do 40km², na área do município. Dom Eliseu e Ulianópolis alcançaram todas estas exigências e chegaram a cumprir quase 90% do CAR, como foi o caso de Dom Eliseu que apresentou 87% até o final de agosto deste ano.
Para o secretário de Estado de Meio Ambiente, Justiniano Netto, coordenador do Programa Municípios Verdes, a saída destes municípios representa é fruto de um grande esforço conjunto. “A saída dos municípios de Ulianópolis e Dom Eliseu da lista dos desmatadores é resultado de uma união de forças que atuam no junto ao Programa Municípios Verdes. Começa com atores locais, que decidem enfrentar o desmatamento, e depois com o apoio de ONG’s, Ministério Público Federal e Estadual, Governo do Estado e Ministério do Meio Ambiente, que ajudam no ordenamento ambiental do município”, afirma. “Agora, vem a fase decisiva, que é se manter fora da lista e permanecer firme contra o desmatamento, apoiado pelos benefícios que são concedidos aos produtores que possuem regularidade ambiental”, completa o secretário.
Monitoramento - Mesmo com a saída destes municípios, o PMV e os demais órgãos responsáveis continuam com o monitoramento frequente para o controle do desmate. Assim, possui mecanismos de controle, para reagir e conter uma eventual escalada do desmatamento na região. Para isso, o Programa Municípios Verdes, Ibama, Promotoria de Justiça, secretarias municipais de Meio Ambiente, produtores rurais, as ONGs Imazon (Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia) e TNC (The Nature Conservancy), Ministério Público Federal, Ministério Público Estadual, Sefa (Secretaria de Estado da Fazenda do Pará), Polícias Civil e Federal trabalham em parceria.
Expansão da Soja - A principal causa do desmatamento na região é a abertura de novas áreas para o plantio de soja, decorrente da seca ocorrida nos Estados Unidos que valorizou o preço do produto no Brasil. O Ibama responsabiliza os infratores e embarga as propriedades, que ficam impedidas de comercializar grãos, bem como denuncia os envolvidos ao Ministério Público Federal, a quem cabe processar os os envolvidos.

Texto:
Diego Andrade-Municípios Verdes

Secretário de Saúde faz visita
técnica às obras da Nova Santa Casa
 



O secretário de Estado de Saúde Pública, Hélio Franco, e a secretária adjunta da Sespa, Heloísa Guimarães, verificaram na tarde desta quarta-feira (3) o andamento das obras da Nova Santa Casa. O prédio, já em fase de acabamento, ganhará equipamentos de última geração. Mais de 400 operários se empenham diariamente para que, no início do próximo ano, o hospital seja entregue à população.
A Nova Santa Casa terá oito pavimentos, com 332 leitos e mais 64 unidades de berçário. “A obra já está em ritmo de acabamento e logo no inicio de 2013 a população já estará usando o novo equipamento de saúde, que terá Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto e neonatal, serviço de obstetrícia e salas cirúrgica e de curetagem, tudo isso com o mais alto padrão de tecnologia em equipamentos”, destacou Hélio Franco.
Heloísa Guimarães lembrou que foi preciso fazer um novo projeto, para ampliar o número de leitos em 70. As instalações elétricas, que, segundo a previsão, atenderiam apenas o novo prédio, agora alimentarão um complexo hospitalar, inclusive o prédio. A presidente da Santa Casa, Eunice Begot, informou ainda que será instalada na nova unidade um reservatório de águas pluviais, para abastecer a maternidade.
“Tivemos que fazer algumas readaptações na obra. Mudamos algumas coisas do projeto inicial, elaborado pela gestão passada, para poder oferecer um atendimento cada vez melhor e humanizado para a população”, finalizou.

Texto:
Alessandro Borges-Santa Casa

Governo recebe servidores
da Cohab para tratar de reivindicações
A titular da Secretaria de Estado de Administração (Sead), Alice Viana, e a presidente da Companhia de Habilitação do Pará (Cohab), Noêmia Jacob, receberam nesta quarta-feira (3) uma comissão de servidores da Cohab para discutir sobre reivindicações como a redução da jornada de trabalho de oito para seis horas diárias e o reajuste salarial de 8%.
Os servidores da Cohab foram recebidos após suspenderem, no último dia 25 de setembro, o estado de greve. A proposta apresentada pelo governo eleva o salário base da categoria em 6%. Sobre a jornada de trabalho, foi acordado que um estudo será feito nos próximos 120 dias para identificar quem, de fato, deve ou não ser contemplado com a redução de horário, sem causar prejuízo ao objetivo fim da Cohab, que é contribuir para a redução do déficit habitacional do Estado.
“A Cohab está numa situação difícil, com altos custos e muitas entregas de habitação a serem feitas. Não podemos presumir que a redução da jornada não prejudicará as metas. É preciso fazer um estudo para termos certeza de que a população não será prejudicada com a redução de horas trabalhadas”, frisou a secretária.
Alice Viana lembrou que, apesar da reivindicação da redução da jornada de trabalho, os servidores da Cohab recebem o referente a oito horas diárias trabalhadas, com direito a tíquete de alimentação no valor de R$ 600 – praticamente 50% a mais do que as outras categorias do Estado que cumprem seis horas. O salário para um empregado de nível superior na companhia chega a R$ 2.760.
Na ótica do interesse coletivo e de uma política de recuperação gradativa de salários, a secretária considera inviável ceder, no momento, a redução sem haver queda equalizada nos ordenados. “Se vocês não acham isso justo, tudo bem, mas o Estado, que é acionista majoritário desta empresa, não pode analisar a justiça própria do cada um, e sim a justiça social, enquanto a sociedade conta exatamente com essas oito horas trabalhadas”, ponderou Alice Viana.
“Antes de fazer o estudo da redução da jornada de trabalho, precisamos resgatar a Cohab, revitalizá-la e fazer as entregas que temos programadas”, completou Noêmia Jacob. Sobre os pontos perdidos durante o estado de greve da categoria, não haverá desconto nos salários, mas o governo propõe a reposição das horas. “Todos perdem com as greves”, disse Noêmia Jacob. As propostas apresentadas serão levadas a assembleia geral da categoria nesta quinta-feira (4).

Texto:
Renan Malato-Sead
Fone: (91) 3289-6219 / (91) 8883-2885

Menor de 14 anos dá à luz a uma menina na Santa Casa
A Santa Casa do Pará informa que a paciente J. B. G., de 14 anos, deu à luz a uma menina pesando 2.990 gramas e medindo 50 centímetros. Ela foi transportada de helicóptero de São Sebastião da Boa Vista, na ilha do Marajó, para Belém, com 36 semanas de gestação, e foi internada no hospital na tarde desta quarta-feira (3). A menor foi atendida pela equipe médica, fez exames e foi submetida a uma cesariana. Mãe e filha passam bem.


Estação das Docas recebe “Nazaré
em Todo Canto” a partir desta sexta-feira
Como parte das comemorações do Círio de Nazaré, a partir desta sexta-feira (05), inicia a programação cultural do projeto “Nazaré em Todo Canto”, com shows musicais e espetáculos teatrais. A programação do Governo do Pará, por meio da Secretaria Estadual de Cultura (Secult), é totalmente gratuita e segue até o dia 14 de outubro na Estação das Docas.
Na programação, uma mostra da cultura popular e tradicional, com as apresentações do grupo Frutos do Pará, Tamba Tajá, Grupo de Marapanim, Expressões Folclóricas Cheiro do Pará, Banda Sinfônica da Escola do Lauro Sodré, na orla do Armazém 3. Já no Teatro Maria Sylvia Nunes, a programação será aberta oficialmente, neste sábado (06), com a Orquestra de Rabecas de Bragança que faz show a partir das 20h. Até o dia 14, passarão pelo palco do teatro o músico Marco André acompanhado pelo CaBloco Muderno, a Associação Musical Antonio Malato e a Orquestra Jovem da Fundação Amazônia de Música.
As canções de romaria serão interpretadas pelo grupo de cantores formado por Luiz Pardal, Lucinha Bastos e Marianne Lima, na próxima sexta-feira (12), também no Teatro Maria Sylvia Nunes. No domingo do Círio, dia 14, a festa continua no teatro com a apresentação da Amazônia Jazz Band, com uma mostra da música instrumental paraense.
O "Nazaré em Todo Canto" é uma realização do Governo do Estado por meio da Secretaria de Estado de Cultura (Secult) através da Organização Social Pará 2000. A programação, que acontece de 5 de 14 de outubro na Estação das Docas, é gratuita. Outras informações através do site: www.estacaodasdocas.com.br.

Belém recebe roadshow da Soccerex
Belém é a primeira cidade do Brasil a receber o Roadshow (apresentação itinerante) da Soccerex, empresa responsável pela maior convenção de negócios e rede de relacionamentos de futebol no mundo, reunindo representantes de diversas seleções de futebol, na próxima sexta-feira (05), no Hangar – Centro de Convenções e Feiras da Amazônia. Oito delegações internacionais já estão confirmadas, além de diversas personalidades esportivas. O evento é uma realização da Soccerex e do Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel). 
O Roadshow tem como objetivo reunir Federações e Ligas de todo o mundo com as cidades candidatas a se tornarem Centros de Treinamento de Seleções. As principais atividades do evento incluem as palestras, debates e network. Já na quinta-feira (04), a organização oferecerá um jantar de boas-vindas às delegações e autoridades políticas e esportivas que comparecerão ao evento. A abertura contará com a presença do governador do Estado, Simão Jatene, e do presidente da Soccerex, Duncan Revie. No dia 06, as federações participarão de uma visita técnica e conhecerão a cidade de Belém, os pontos turísticos da capital paraense e o Estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão, que abrigará os treinamentos das seleções de futebol.
Este ano tem sido um marco na história da Soccerex, com a organização de cinco eventos em diferentes partes do mundo: o European Forum (Fórum Europeu), que aconteceu em Manchester, na Inglaterra, nos dias 28 e 29 de março e já tem data fehcada para 2013, nos dias 10 e 11 de abril; o African Forum (Fórum Africano), na cidade de Durban, na África do Sul, será nos dias 23 e 24 de outubro; o Soccerex Seminar Lagos (Seminário de Lagos) na Nigéria, ocorrido nos dias 27 e 28 de setembro; a edição inaugural do Soccerex Roadshow Brasil, que acontece nesta semana em Belém; e maior evento do calendário da Soccerex, a Global Convention (Convenção Global) Soccerex que será realizada no Rio de Janeiro, de 24 a 28 de novembro. 
Belém larga na frente - Após Belém de ter sido anunciada como uma das cidades aptas a ser Centro de Treinamento de Seleções (CTS) na Copa do Mundo de 2014, o evento também será uma a oportunidade das delegações conhecerem a cidade paraense. Segundo o titular da Seel, Marcos Eiró, o governo não medirá esforços para que alguma seleção mundial escolha Belém como Centro de Treinamento. Para isto, durante o evento, serão apresentadas as riquezas e os potenciais da cidade. 
O Supervisor Chefe de Comunicação, Relações Públicas e Estratégia da Soccerex, Ricardo Setyon, chegou à cidade na última terça-feira, 3. Para ele, Belém larga na frente na disputa por uma grande seleção. “A maioria das cidades estão fazendo contatos individuais. Algumas receberam a visita da Rússia, por exemplo. A cidade de Bento Gonçalves, no sul do país, recebeu a visita do Japão. São Paulo recebeu de Alemanha e Estados Unidos. Belém traz, de uma só vez, várias seleções para debater a Copa de 2014”, ressaltou Setyon, representante da empresa inglesa no Brasil.
Nesta semana, o secretário Marcos Eiró realizou a abertura da licitação, orçada em R$ 10 milhões, para a reforma do Estádio Colosso do Tapajós, em Santarém, no oeste do Estado. Marcos Eiró garantiu ainda a inscrição de Santarém, junto ao Comitê Organizador da Copa, para que a cidade também seja Centro de Treinamento. Até o final deste ano, sairá uma nova lista com outras cidades aptas para receber seleções. A expectativa é que Santarém seja inclusa nela. O Estádio Olímpico do Pará também passará por reformas na área do entorno. Será construído um complexo poliesportivo, incluindo um ginásio com capacidade para 12 mil pessoas. A idéia é que o espaço seja um dos Centros de Treinamento das Olimpíadas de 2016.
Soccerex - Fundada em 1995, a empresa é a provedora líder de eventos de negócios para a comunidade global do futebol. Reunindo os principais tomadores de decisão da indústria do futebol mundial, a Soccerex oferece um ambiente comercial único, onde os participantes podem se beneficiar de oportunidades de negócios exclusivas, networking e conteúdo de aprendizado focado para essa indústria que não para de crescer. Desde sua fundação há 17 anos, a Soccerex já realizou 29 eventos nos cinco continentes e seu portfólio inclui a Convenção Global Soccerex anual, complementada por fóruns regionais.

Texto:
Antenor Filho-Secom
Fone: (91) 3202-0912 /  (91) 8122-5456

Pro Paz Cidadania chega ao município de Marituba



 
Cerca de 600 detentos do polo penitenciário de Marituba, que possui três unidades prisionais, participaram nesta quarta-feira (03), do primeiro dia da Ação de Saúde e Cidadania, evento organizado pelo Pro Paz Cidadania Presença Viva em parceria com a Superintendência do Sistema Penitenciário do Pará (Susipe), secretarias de Estado de Saúde Pública (Sespa) e de Assistência Social (Seas), Polícia Civil e Defensoria Pública. A expectativa da ação é atender toda a população carcerária da Região Metropolitana.
Neste primeiro dia o atendimento foi feito no Presídio Estadual metropolitano I (PEM I), onde foram disponibilizados serviços de assistência médica e de emissão de documentos. A emissão do registro geral (RG) foi uma das mais procuradas. O detento Wellington Rocha dos Santos Neves, de 27 anos, aproveitou para tirar a segunda via da carteira de identidade. “Estou muito feliz por ter conseguido. Aproveitei e fiz uma bateria de exames. Foi fácil e rápido”, contou
As atividades no pólo de Marituba prosseguem até sexta-feira (5). Segundo a gerente do Grupo de Trabalho de Assistência ao Preso e Família da Susipe, Régia Sarmento, o objetivo é resgatar a cidadania com a emissão de documentos como carteira de identidade e certidão de nascimento. “A documentação é o primeiro passo para o cidadão ser reconhecido legalmente. De posse desses documentos os detentos poderão ser inseridos nos trabalhos de inserção social”, explicou.     
Na área da saúde, os detentos receberam atendimentos nas especialidades de clínica médica,  dermatologia, cardiologia, cirurgia geral, vacinações contra hepatite A e B, antitetânica, febre amarela e tríplice viral que serve no combate do sarampo, rubéola e caxumba, exames de glicemia, teste de HIV e distribuição de kits de higiene bucal. Os casos de saúde mais urgentes foram cadastrados no sistema de regulação para posterior acompanhamento médico especializado.
Só neste semestre, esta é a segunda ação que o Pro Paz Cidadania realiza na Susipe. A primeira foi em setembro no Polo de Santa Izabel, momento em que foram feitos mais de 6 mil atendimentos de saúde e cidadania. “Graças a essa parceria com os órgãos, podemos proporcionar um atendimento de qualidade aos privados de liberdade”, informou Ivone Rocha, gerente da Divisão de Saúde Prisional da Susipe.
Balanço da ação realizada no Polo de Santa Izabel no mês de setembro:
  • 2.068 consultas médicas;
  • 3.659 exames
  • 1.000 emissões de documentos.

Texto:
Nara Pessoa-Susipe
Fone: (91) 3239-4230 / (91) 8896-5319 / 8140-6282

Presos dois envolvidos no
assalto à empresa Norte Refrigeração
Policiais civis da Divisão de Investigações e Operações Especiais (Dioe) prenderam em flagrante nesta quarta-feira (3) cinco pessoas acusadas de fazer parte de uma quadrilha de assaltantes. Elas foram presas após cometerem roubo a uma farmácia no bairro do Umarizal, centro de Belém. Dois presos foram reconhecidos por envolvimento no assalto à empresa Norte Refrigeração, ocorrido em 17 de agosto deste ano.
Em poder dos acusados, cerca de 30 telefones celulares, bijuterias e um aparelho medidor de pressão arterial, roubados da farmácia, foram recuperados. Dois dos integrantes do bando reagiram no momento da prisão e foram baleados. Segundo o diretor da Dioe, delegado Neyvaldo Silva, a equipe policial já investigava o paradeiro de um dos envolvidos no roubo à empresa, Jardel Gomes Neves Filho, 20 anos, que está com mandado de prisão por participação no crime.
“Hoje recebemos a informação de que Jardel assaltaria uma farmácia no centro de Belém. Uma equipe chefiada pelo delegado Vanildo Oliveira foi até o local, na rua Dom Romualdo Coelho com avenida Senador Lemos, mas chegou após o assalto”, explicou. Diante disso, os policiais civis saíram em perseguição aos criminosos, que estavam em uma moto.
Os bandidos foram localizados no conjunto Cordeiro de Farias, bairro do Tapanã, onde, dois deles – Gilberto Luiz Silva Cardoso, 31 anos, conhecido por “Beto”, e Edilson André Aires Lobato, 26, de apelido “Homem-Aranha” – reagiram à prisão e foram baleados. Os dois foram levados ao Pronto-Socorro Municipal de Belém, onde foram medicados e liberados.
Em uma casa, naquele conjunto, foram recuperados os objetos roubados da farmácia. O travesti Romário Ferreira de Souza, 18 anos, conhecido por Cibele, e Camila Soares Monteiro da Silva, 20, namorada de “Beto”, que estavam no local, foram presos. A motocicleta usada na fuga foi apreendida em poder de Jardel, que acabou preso no local.
Na Dioe, Gilberto foi reconhecido por participação no assalto à empresaNorte Refrigeração. Com duas passagens pela polícia, ele é foragido do Sistema Penitenciário e tem um mandado de prisão decretado por crime de assalto, do tipo “saidinha” bancária. A motocicleta apreendida foi a mesma usada após o assalto à empresa. Nas imagens fornecidas pela farmácia, aparecem os assaltantes rendendo os funcionários e colocando os objetos dentro de uma mochila.
O assalto foi cometido por “Homem-Aranha”, enquanto Jardel deu apoio, do lado de fora do local, para a fuga. Os presos vão responder pelos crimes de formação de quadrilha e roubo qualificado. No dia do assalto à empresaNorte Refrigeração, um dos assaltantes, identificado como “Alemão”, foi morto ao reagir à voz de prisão dos policiais da Dioe.
No mesmo dia, um dos assaltantes, Luiz Eduardo Barbosa, 28 anos, conhecido por “Dudu”, foi preso no Terminal Rodoviário de Belém, no momento em que tentava fugir para Castanhal. Em poder deles, todo o dinheiro, celulares e computadores roubados da empresa foram recuperados. Com as prisões de Jardel e “Beto”, todos os integrantes da quadrilha de assaltou a Norte Refrigeração estão presos.

Texto:
Walrimar Santos-Polícia Civil

Cosanpa apresenta a moradores
da Pratinha solução para falta d'água
Diretores da Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa) esclareceram em reunião nesta quarta-feira (3), a uma comissão de moradores da Pratinha, os motivos que levaram à interdição do poço que abastece parte do bairro e quais as medidas adotadas para solucionar o problema. O poço atual tem 270 metros de profundidade e foi construído há 14 anos. Em 11 de setembro, começou a apresentar falhas técnicas que levaram à suspensão parcial do fornecimento de água.
“Presenciamos o trabalho da Cosanpa todos esses dias. Vimos o esforço para dar uma solução, mas precisávamos ouvir uma resposta final para essa questão”, disse Jorge Pamplona, morador do bairro. Técnicos da Cosanpa estiveram na Pratinha para avaliar a possibilidade de recuperação do poço, mas, após vistorias técnicas e filmagem da parte interna, a alternativa foi descartada.
“A solução definitiva será a construção de um novo poço. Estudos técnicos  comprovaram que esse é o procedimento correto a ser adotado para normalizar o abastecimento de água no bairro”, disse o diretor de Operações da Cosanpa, Antônio Crisóstomo.
O novo poço será construído em caráter de emergência e exigirá um investimento de R$ 400 mil. “A empresa já iniciou cotação de preços no mercado. A obra deve levar cerca de 60 dias para ser concluída, após a aprovação do orçamento”, completou o diretor. Na próxima segunda-feira (8), a empresa fará uma reunião no bairro para explicar aos moradores a solução encontrada. A partir desta quinta-feira (4), um carro-pipa vai abastecer a área abrangida pelo poço da Cosanpa.

Texto:
Daniela Damaso-Cosanpa

Campi da Uepa funcionam como sessões eleitorais
Em função das Eleições 2012, que acontecem no próximo domingo (7), de 08h às 17h em todo o Brasil, para votação aos cargos de vereador e prefeito municipal, alguns campi da Universidade do Estado do Pará (Uepa) terão suas atividades suspensas, pois servirão como sessões eleitorais.
Em Belém, o Campus I, onde funciona o Centro de Ciências Sociais e Educação (CCSE), as atividades serão suspensas na sexta-feira (5) e retomadas na segunda-feira (8). Já no Campus III, onde está localizado o Curso de Educação Física, as atividades foram paralisadas desta esta quarta-feira (3) e retornam somente na próxima terça-feira (9).
Os campi da Universidade em Marabá, Altamira, Igarapé-Açu, São Miguel do Guamá, Santarém, Conceição do Araguaia e Castanhal também serão sessões eleitorais. 

Texto:
Ize Sena-Uepa
Fone: (91) 3244-5201 (91) 3299-2221 / (91) 8112 0744

Fórum de Pesquisa da Uepa recebe inscrição de trabalhos
Termina domingo (7) a submissão de trabalhos de iniciação científica em apresentação oral ou pôster para o VII Fórum de Pesquisa, Ensino, Extensão e Pós-Graduação (Forpeexp) da Universidade do Estado do Pará (Uepa). Para se inscrever, basta acessar o site www.forpeexp.pa.gov.br/. Os trabalhos aprovados serão apresentados, de 17 a 21 deste mês, no Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS).
Os artigos devem abordar os seguintes: aproveitamento sustentável de recursos naturais da biodiversidade amazônica; arranjos produtivos prioritários no Pará; binômio saúde/ doença na Amazônia; competitividade em redes e cadeias; cultura e saberes na Amazônia; estudos interdisciplinares em educação, saúde, ciências, tecnologia e meio ambiente; formação de educadores e tecnologias da educação; motricidade humana, e esportes e lazer.
O fórum é uma das formas de mostrar para a comunidade os trabalhos desenvolvidos pela Uepa, abrindo caminho para expansão, qualificação docente e o fortalecimento dos grupos de pesquisa. A expectativa é que mais de mil projetos sejam apresentados. Este ano, o tema central é a “Universidade na sociedade do conhecimento: compromisso com  desenvolvimento sustentável e enfrentamento da pobreza”.
A programação terá palestras, conferências e mesas redondas. Os visitantes também poderão conhecer mais sobre os trabalhos desenvolvidos dentro do campus de educação, saúde e tecnologia e o jeito interativo de fazer ciência do Planetário, além de participar de momentos culturais com o Quarteto de Cordas da Uepa, Madrigal e o grupo Jazz Bens Enseble.
O fórum também integra a programação da V Feira Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, que ocorre de 15 a 21 de outubro, no ginásio do CCBS, na travessa Perebebuí, 2.623.

Texto:
Ize Sena-Uepa
Fone: (91) 3244-5201 (91) 3299-2221 / (91) 8112 0744

Sesma divulga esquema de
atendimento nas UMSs
durante as eleições


A Secretaria Municipal de Saúde (Sesma) informa que no domingo das eleições, 7, atenderá em regime de urgência e emergência nas unidades municipais de saúde, assim como os dois Hospitais de Pronto Socorro (Umarizal e Guamá), Hospital Municipal de Mosqueiro e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192).
Entretanto, as unidades responsáveis por atendimentos de caráter ambulatorial, que trabalham com consultas previamente marcadas e as Casas de Atendimento do Programa Saúde da Família retornam às suas atividades somente na segunda-feira, dia 8.
 Atendimento nas Unidades Municipais de Saúde Ambulatorial:
Águas Lindas, Baía do Sol (Mosqueiro), Cabanagem, Condor, Cremação, Curió I, Fátima,
Guamá, Jardim Sideral, Maracajá (Mosqueiro), Paraíso dos Pássaros, Pratinha, Providência, Satélite, Tavares Bastos, Terra Firme, Vila da Barca e Maguari.
 Urgência e Emergência:
Sacramenta, Telégrafo, Jurunas, Marambaia, Tapanã, Outeiro, Cotijuba, Icoaraci, Benguí e Carananduba (Mosqueiro).

Nazaré em Todo Canto e na Estação
das Docas a partir desta sexta (5)
Começa nesta sexta-feira (5) a programação cultural do projeto Nazaré em Todo Canto, que a Secretaria de Estado de Cultura (Secult) promove para homenagear a padroeira dos paraenses. Shows musicais e espetáculos teatrais estão entre os eventos gratuitos oferecidos ao público, até o dia 14 deste mês, na Estação das Docas.
Segundo o gerente de Artes Cênicas da Secult e coordenador do projeto, Nando Lima, a ideia é apresentar a cultura musical do Pará aos visitantes que vêm acompanhar a Festa de Nazaré. O teatro Maria Sylvia Nunes receberá bandas sinfônicas e orquestras, valorizando a sonoridade instrumental. Também na Estação haverá a apresentação de grupos folclóricos.
O grupo Frutos do Pará abre a programação nesta sexta (5), a partir das 18 horas, com a apresentação do espetáculo “Amazônia Lendária”. Sábado (6), o grupo Tamba Tajá é a atração. A orla da Estação recebe ainda apresentações dos grupos de Marapanim, dia 11, e Expressões Folclóricas Cheiro do Pará, dia 12, e da Banda Sinfônica da Escola do Lauro Sodré, dia 13.
No Teatro Maria Sylvia Nunes, a programação será aberta oficialmente sábado (6), a partir das 20 horas, com a Orquestra de Rabecas de Bragança. Dia 9, haverá show do músico Marco André e a estreia do Cabloco Muderno. No dia seguinte, é a vez da Associação Musical Antonio Malato. A Orquestra Jovem da Fundação Amazônia de Música se apresenta dia 11.
As canções de romaria serão interpretadas por um grupo composto por ilustres cantores paraenses, como Luiz Pardal, Lucinha Bastos e Marianne Lima, que deverá emocionar os fiéis que forem sexta-feira (12) ao Maria Sylvia Nunes. No domingo do Círio, a festa continua no teatro com a apresentação da Amazônia Jazz Band, com uma mostra da música instrumental paraense.
“Para esta edição, preparamos ainda a exposição Miriti das Águas, de 10 a 20 de outubro, também na Estação das Docas. As tradições culturais paraenses, em suas várias expressões artísticas, são o foco do Nazaré em Todo Canto”, explica Nando Lima.

Confira a programação do Nazaré em Todo Canto:

Dia 05/10 (sexta-feira)
18h – Frutos do Pará (Orla da Estação)
Dia 06/10 (sábado)
18h - Tamba Tajá (Orla da Estação)
20h - Orquestra de Rabecas de Bragança (Teatro Maria Sylvia Nunes)
Dia 09/10 (terça-feira)
21h - Show Musical – Marco André – Cabloco Muderno (Teatro Maria Sylvia Nunes)
Dia 10/10 (quarta-feira)
20h - Associação Musical Antonio Malato (Teatro Maria Sylvia Nunes)
Dia 11/10 (quinta-feira)
18h - Show de carimbó – Grupo de Marapanim (Orla da Estação)
20h - Orquestra Jovem da Fundação Amazônia de Música (Teatro Maria Sylvia Nunes)
Dia 12/10 (sexta-feira)
18h – Show de carimbó – Grupo de Expressões Folclóricas Cheiro do Pará (Orla da Estação)
21h - Show Musical - Canções em Romaria – Luis Pardal, Lucinha Bastos, Marianne Lima (Teatro Maria Sylvia Nunes)
Dia 13/10 (sábado)
12h - Banda Sinfônica da Escola do Lauro Sodré (Orla da Estação)
Dia 14/10 (domingo do Círio)
20h - Amazônia Jazzband (Teatro Maria Sylvia Nunes)
Serviço:
Projeto Nazaré em Todo Canto. De 5 a 14 deste mês, na Estação das Docas.
Informações: (91) 3212.5660 e www.estacaodasdocas.com.br. Entrada franca.

Texto:
Camila Barros-Pará 2000
Fone: (91) 3212-5660 / (91) 8896-4318

Círio 2012: Devisa fiscaliza

qualidade de hotéis

para receber turistas


O Departamento de Vigilância Sanitária (Devisa) da Secretaria Municipal de Saúde – Sesma realiza nesta quinta-feira, 4, fiscalizações em hotéis de Belém para avaliar se estes estabelecimentos estão de acordo com normas de higiene para prestar um serviço de qualidade aos turistas que chegam  na cidade para o Círio.  
A ação acontece todos os anos em parceira com o Programa de Orientação e Proteção ao Consumidor – Procon e avalia pontos como a alimentação servida no hotel, a estrutura do estabelecimento e se o local está em dia com as licenças municipais de funcionamento.
Os hotéis Íbis, Vila Rica, Faraó e Prime, localizados na Avenida Júlio Cesar, são os alvos desta ação. Se for encontrada alguma irregularidade, o hotel terá um prazo para se adequar à normas. Se a irregularidade for grave, o estabelecimento pode ser autuado e pagar multa. Em nível muito grave, o estabelecimento pode até ser interditado.

Governo vai contratar auditoria para cumprir o TAC da carne
Dentro do Programa de Redução da Pobreza e Gestão dos Recursos Naturais, da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), o Pará vai contratar consultoria para fazer auditoria independente visando o cumprimento dos termos de ajustamento de conduta firmados entre o Ministério Público Federal, frigoríficos, produtores de carne e governo do Estado. O recurso necessário ao empreendimento foi obtido junto ao Banco Internacional de Reconstrução e Desenvolvimento (Bird), o Banco Mundial.
O Núcleo de Gerenciamento do Programa Pará Rural publicou nesta quarta-feira (3), no Diário Oficial do Estado, o aviso de licitação para abrir a concorrência a empresas e instituições interessadas em fazer a consultoria. Será necessário apresentar portfólio com descrição de trabalhos similares, experiência e conhecimento apropriado ao trabalho. A seleção será de acordo com os procedimentos estipulados nas diretrizes do Bird.
Os interessados podem obter o Termo de Referência nº 10/ 2012 para o serviço e documentos necessários, entre outras informações, de segunda a sexta-feira, de 8 horas ao meio-dia e de 14 às 18 horas, no site www.compraspara.pa.gov.br ou pelo e-mail consultoria@ngpr.pa.gov.br.
As manifestações de interesse devem ser entregues no Núcleo de Gerenciamento do Pará Rural, na Rua dos Mundurucus, 2.313, em Batista Campos, Belém, Pará (CEP 66035-360), ou pelo e-mail consultoria@ngpr.pa.gov.br até o dia 22 deste mês. Mais informações estão disponíveis pelo telefone (91) 3222-9520 e pelo fax (91) 3230-4368.

Texto:
Káthia Oliveira-Sema
Fone: (91) 3184-3341 / (91) 8896-3106 (Oi)

II Mostra de Talentos da Fasepa
reúne trabalhos artesanais da
comunidade socioeducativa
A Fundação de Atendimento Socioeducativo do Pará (Fasepa) promove pelo segundo ano consecutivo a II Mostra de Talentos, exposição reúne os trabalhos artesanais produzidos pelos servidores, socioeducandos e seus familiares, desde segunda até está quarta-feira (03), na sede administrativa da Fasepa, em Belém. A mostra é uma iniciativa do Núcleo de Gestão de Pessoas (NGP) da Fasepa, com objetivo de promover maior integração, participação e o envolvimento de toda a comunidade socioeducativa.
Barracas decoradas e ornamentadas com os mais diversos objetos, produtos e adereços. Todos feitos com muita criatividade e empregando as mais diversas técnicas. Bonecas de pano, comidas e guloseimas, brinquedos em madeira, pintura em pano, decoupage, foram apenas alguns dos produtos expostos e comercializados durante o encontro.
A coordenadora do NGP, Célia Matos, explica que em função da grande procura por barracas, não seria possível atender a todos os interessados. No entanto, ela diz que o critério adotado para a ocupação das barracas, era apenas fazer a inscrição e participar da reunião prévia que ocorreu no auditório da instituição, para assim dirimir algumas dúvidas e fazer os últimos ajustes.
Entre os expositores, um rapaz que cumpre medida socioeducativa há um ano e dois meses, fala da necessidade e a importância de desenvolver trabalhos artísticos nas Unidades de atendimento socioeducativo (Uases). “Tudo aquilo que aprendemos aqui, pode ser usado como uma maneira de nós termos uma fonte de renda e mantermos as nossas famílias. A gente quer participar de cursos e oficinas, mas não apenas para ajudar a passar o tempo, mas sair daqui de cabeça erguida e aprender um ofício”, avalia o jovem.
Ainda que o Serviço de Atendimento Social (SAS), da Fasepa, tenha uma dinâmica diferenciada em relação às demais Uases, na qual o jovem fica em uma “janela de espera” de no máximo 72h, ele não deixa de ser assistido conforme o que preconiza o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).
A psicóloga do SAS, que também desenvolve esse trabalho artesanal, Arlene Moraes, ressalta que o material exposto durante os dois dias, foi produzido pelos jovens. E chama a atenção para os ganhos e benefícios que a atividade proporciona. “É uma forma de nós tirarmos à ansiedade e fazer com que eles desenvolvam a concentração e as suas habilidades. E consequentemente, eles expressem seus sentimentos e emoções por meio da arte; e naturalmente deixam fluir o seu potencial criativo”, frisa Arelene, que classifica o seu trabalho como arteterapia.

Texto:
Alberto Passos-Fasepa
Fone: (91) 3204-0240 / (91) 8121-3493

Oficinas do Navegapará recebem
mais de 180 participantes na Feira do Livro
Blogs, Google, educação à distância, criação de avatar e livro digital. Esses foram os principais assuntos abordados nas oficinas de inclusão digital ofertadas pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), por meio do Programa Navegapará, durante a realização da XVI Feira Pan-Amazônica do Livro. Ao todo, foram mais de 180 participantes nas 18 oficinas voltadas a educadores, estudantes e monitores de infocentros de todo o estado.
Com uma programação bastante variada, o objetivo da capacitação foi explorar o potencial das tecnologias de informação e comunicação no processo de ensino-aprendizagem. Para Rosyane Rodrigues, coordenadora do Programa Navegapará/Infocentros, a procura pelas oficinas foi surpreendente. “Isso confirma a carência por atividades de capacitação gratuitas e mostra que o Navegapará pode suprir essa demanda. Foram 18 oficinas realizadas durante todo o período da Feira”, comemora. Além das atividades nos dois turnos, o Navegapará ofertou horários específicos para o acesso livre, mantendo a tradição das edições anteriores.

Além do acesso livre à internet, os infocentros do Navegapará também promovem momentos de capacitação aos monitores responsáveis pelos espaços de inclusão digital. A eles foram ofertadas oficinas de “Linux Básico”, “Internet básica”, “Desenvolvimento Web e Joomla” e “Educação a Distância (EaD)”. A estudante Suanne Luz, monitora do infocentro Acharys, no bairro do Julia Seffer, em Ananindeua, participou de várias oficinas e afirma que o conhecimento que adquiriu servirá para a vida toda. “Essa é uma ótima oportunidade de aprendizado. Além de me ajudar como monitora, essas oficinas vai incrementar meu currículo e terei mais chances de conseguir um emprego”,  acredita.

As oficinas foram ministradas por facilitadores do curso de Engenharia da Computação da Universidade Federal do Pará (UFPA), Centro de Capacitação da UFPA (CAPACIT) e Centro de Tecnologia de Informação e Comunicação (CTIC/UFPA).

Texto:
Raphael Freire-Secti
Fone: (91) 4009-2514 / (91) 8146-6642

Cine Líbero Luxardo exibe filmes
de Glauber Rocha no mês de outubro
Glauber Rocha marcou era no cinema brasileiro e internacional por suas frases e atitudes polêmicas, filmes politicamente engajados e estética diferenciada. Independente, o cineasta começou a produzir os próprios filmes ainda na década de 50. De personalidade forte e crítico contumaz em suas obras cinematográficas, Glauber era visto pela ditadura militar como subversivo.
Para homenagear o “subversivo” Glauber Rocha, o Cine Líbero Luxardo da Fundação Tancredo Neves preparou uma mostra de filmes do diretor baiano. As sessões acontecem de 4 a 6 de outubro e de 18 a 20 de outubro, às 19h, na Fonoteca Satyro de Mello, no 4º andar do Centur. A entrada é franca.
A programação faz parte do projeto “Plano Sequência”, que possibilita sessões cinematográficas na Fonoteca enquanto ocorre a reforma do Cine Líbero Luxardo, com o término previsto para o final deste ano.
Serão exibidos os longas “Deus e o Diabo na Terra do Sol”, “Terra em Transe”, “O Dragão da Maldade Contra o Santo Guerreiro”, além de três curtas metragens sobre o diretor: “Memória de Deus e do Diabo em Monte Santo e Cocorobó” de Agnaldo Siri Azevedo, “A Voz do Morto” de Sérgio Zeigler e Vitor Angelo e “A Degola Fatal” de Clóvis Molinari e Ricardo Favilla.
A mostra Glauber Rocha marca a parceria do Cine Líbero Luxardo com a Programadora Brasil e a Cinemateca Brasileira. A Programadora Brasil é um programa da Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura realizado pela Sociedade Amigos da Cinemateca, sob a coordenação da Cinemateca Brasileira.
O objetivo primordial da Programadora é ampliar o acesso às produções recentes e aos filmes representativos da nossa cinematografia, promovendo o encontro do público com o cinema brasileiro, além de formar platéias e fomentar o pensamento crítico em torno da produção nacional.
Serviço - Mostra “Glauber Rocha” de 4 a 6 de outubro e de 18 a 20 de outubro, às 19h, na Fonoteca Satyro de Mello, no 4º andar do Centur. A entrada é franca.

Texto:
Luiz Flávio-FCPTN
Fone: (91) 3202-4391 / (91) 8814-3364/9144-4225
Email: lfmcosta@gmail.com

Corregedoria da Polícia Civil indiciará
delegado envolvido em acidente de trânsito
A Corregedoria-Geral da Polícia Civil, por meio da Divisão de Crimes Funcionais (Decrif), informa que o delegado Carlos Alberto do Nascimento Ferreira foi autuado em flagrante, na noite da última terça-feira, 2, com base nos artigos 303, 304 e 306, do Código Nacional de Trânsito, por lesão corporal culposa na direção de veículo, ao deixar de prestar socorro imediato a uma vítima de acidente de trânsito e por conduzir veículo sob efeito de bebida alcoólica. Carlos Alberto, 76 anos, atropelou o músico Ícaro Suzuki Silva, em uma rua do conjunto Marex, por volta das 21 horas.
Como cabe, por lei, arbitramento de fiança pela autoridade policial, o delegado Roberto Machado, plantonista da Decrif, procedeu à fiança e, depois de autuar o acusado, como determina o código penal, o liberou para responder ao processo criminal. A Decrif procedeu o encaminhamento para perícia de dosagem alcoólica, no Centro de Perícias Científicas Renato Chaves, porém o autuado recusou-se a ser submetido ao exame, direito também previsto em lei.
O delegado Carlos Alberto está afastado das atividades profissionais desde 2008, aguardando pela aposentadoria compulsória. Ícaro Suzuki, que integra a banda Madame Sataan, foi encaminhado para exames periciais no Centro de Perícias Científicas Renato Chaves e será ouvido em depoimento na Decrif assim que for liberado pelo médico que o acompanha.
Dois familiares, que estavam junto da vítima no momento do acidente, foram ouvidos como testemunhas. Eles relataram que caminhavam por uma rua do Conjunto Marex, no bairro de Val de Cães, quando a vítima, que vinha no acostamento, foi atropelada pelo delegado. O condutor não parou para prestar socorro. Cerca de 100 metros à frente do local do acidente ele foi parado por uma guarnição da Polícia Militar e conduzido à Decrif para os procedimentos cabíveis.

Texto:
Walrimar Santos-Polícia Civil
Fone: (91) 4006-9036 / (91) 9941-3490

Pará discute Cadastro Ambiental
Rural com demais Estados da Amazônia Legal
Representantes dos nove estados da Amazônia Legal participaram do 2º Seminário Técnico "O Cadastro Ambiental Rural (CAR) e o Programa de Regularização Ambiental (PRA) frente à Lei 12.651/12", promovido pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA), por meio da Secretaria de Extrativismo e Desenvolvimento Rural Sustentável, em Brasília, de 25 a 27 de setembro. A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) representou o Estado do Pará no evento.
O engenheiro agrônomo da Diretoria de Planejamento Ambiental (Diplam), Luiz Cardoso, e o geógrafo da Gerência de Geotecnologias (Geotec), Carlos Eduardo Tamasauskas, ambos da Sema, apresentaram as experiências do Pará obtidas junto ao CAR. O Estado é um dos que possui esse instrumento de regularização fundiária e ambiental mais consolidado no País - mais de 60 mil propriedades já foram cadastradas em todo o Pará.
Durante o seminário, o secretário de Extrativismo e Desenvolvimento Rural Sustentável do MMA, Paulo Cabral, destacou a importância das parcerias estaduais no processo de implantação do CAR. “Apoiaremos, com a tecnologia e infraestrutura necessárias, os órgãos estaduais de Meio Ambiente para a realização do cadastro junto aos agricultores locais”, afirma. Ele citou, ainda, o trabalho do Ministério em conjunto com o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) como forma de fortalecer e acelerar o cadastramento.
Cabral disse que já foi verificada a possibilidade de integração do Sistema de Cadastro Ambiental Rural com o Sistema Nacional de Cadastro Rural, ferramenta do Incra que controla assentamentos em todo o país. “Dessa forma, pretendemos modernizar os sistemas, integrando-os, utilizando as informações ambientais do MMA e o georreferenciamento do Incra”, explica.
Outro ponto apresentado e discutido na ocasião foi o Programa de Regularização Ambiental (PRA), onde os representantes do Pará, Acre, Amapá, Amazonas, Rondônia, Roraima, Maranhão, Mato Grosso e Tocantins fizeram sugestões e apontaram as melhores estratégias de implantação do programa nos seus respectivos Estados. No encerramento, as informações foram sistematizadas em relatório para consolidação junto aos órgãos estaduais de Meio Ambiente.

Texto:
Káthia Oliveira-Sema
Fone: (91) 3184-3341 / (91) 8896-3106 (Oi)

Terruá Pará estreia em São Paulo nesta sexta-feira












Gaby Amarantos, Felipe Cordeiro, Lia Sophia, Mestre Vieira, Dona Onete, Paulo André Barata, Gang do Eletro, Nilson Chaves, Sebastião Tapajós e muitos outros representantes da música brasileira produzida no Pará estão reunidos no show Terruá Pará, que será apresentado em São Paulo, no Auditório Ibirapuera, nos dias 5, 6 e 7. O show marca o lançamento dos CDs e DVDs das edições anteriores, apresentadas em 2006 e 2011, também no Ibirapuera.
Realizado pelo Governo do Estado do Pará, por meio da Cultura Rede de Comunicação e da Secretaria de Estado de Comunicação (Secom), o Terruá Pará integra a política pública de difusão e circulação da música paraense. As duas primeiras edições reuniram 99 artistas de diversos gêneros musicais, da lambada ao carimbó, do boi-bumbá ao eletromelody, mostrando ao Brasil a diversidade da música original da Amazônia.
Indicado ao 7° Prêmio Bravo! Bradesco Prime, um dos mais importantes da cultura brasileira, o Terruá Pará deu enorme visibilidade à música paraense, chamando a atenção da mídia para a diversidade sonora que só se encontra no Pará. Os CDs e DVDs ganharam lançamento nacional em Belém, em temporada de shows no Theatro da Paz, no início do mês de agosto, com entrada franca. Cerca de 20 jornalistas especializados e críticos musicais estiveram na capital paraense especialmente para prestigiar o evento. O público compareceu em peso e todas as apresentações tiveram casa cheia, com os ingressos esgotados em 40 minutos.
Além da temporada no Ibirapuera, o elenco do Terruá se reveza em eventos paralelos e entrevistas para a imprensa. Nesta quarta-feira, 3, haverá um pocket show na Livraria Cultura (Shopping Bourbon Pompeia), e na quinta-feira, dia 4, na FNAC Pinheiros. O projeto também apresenta uma exposição da fotógrafa Walda Marques e do artista plástico Júnior Lopes. No ano passado o Terruá promoveu em São Paulo um evento gastronômico com o premiado chef paraense Thiago Castanho.
Depois da temporada em terras paulistanas, o show volta a Belém, para uma grande apresentação ao ar livre, no próximo dia 10, quarta-feira, na semana que antecede o Círio de Nazaré, período em que a capital paraense recebe milhares de pessoas para uma das maiores romarias do Brasil.
Registro
Com o lançamento dos CDs e DVDs do Terruá Pará, o público finalmente pode ter um registro inédito da música paraense contemporânea. Cada show foi transformado em DVD e CD duplo, compondo um box com design e projeto gráfico de Bina Jares. Mas também é possível adquirir os produtos separadamente. A distribuição nacional será feita pela Tratore.
No primeiro show, gravado no Auditório Ibirapuera, em março de 2006, estão Dona Onete, Mestres da Guitarrada, Nilson Chaves, Lucinnha Bastos, Grupo de Tubas da Amazônia, Arraial do Pavulagem, Toni Soares, Almirzinho Gabriel, Trio Manari, La Pupuña, Metaleiras da Amazônia, Gaby Amarantos, DJ Iran, Mestre Laurentino, Fafá de Belém, Boi Veludinho, Vovô, Pio Lobato, MG Calibre e Luiz Pardal.
No segundo show, gravado também no Auditório Ibirapuera, em junho de 2011, estão Conjunto de Carimbó Uirapuru, Trio Manari, Sebastião Tapajós, O Charme do Choro, Dona Onete, Pio Lobato, Paulo André Barata, Orquestra de Violoncelistas da Amazônia, Lia Sophia, Solano, Felipe Cordeiro, Manoel Cordeiro, Luê Soares, DJ Waldo Squash, Gang do Eletro, Edilson Morenno, Gaby Amarantos, MG Calibre, Luiz Pardal, Luiz Félix Robatto, Adriano Sousa e Esdras de Sousa.
Visibilidade
O lançamento dos CDs e DVDs em São Paulo garante visibilidade ao projeto, diz Adelaide Oliveira, presidente da Cultura Rede de Comunicação. "Além disso, estamos lançando estes produtos na mesma casa que nos recebeu nas duas edições anteriores, com um show que reúne artistas dessas duas edições. É uma oportunidade para quem ainda não assistiu ao Terruá".
O show celebra o ótimo momento da música paraense no cenário nacional, ao mesmo tempo em que cria expectativa para as próximas edições. "Estamos fechando um ciclo, comemorando a repercussão do Terruá e os desdobramentos positivos desse show na carreira dos artistas. Mas também queremos aguçar a curiosidade do público para o show do ano que vem, que será totalmente reformulado, com novos artistas", antecipa.
Com direção musical e artística de Carlos Eduardo Miranda e Cyz Zamorano, a edição deste ano traz ao palco artistas que participaram das duas primeiras edições: Conjunto de Carimbó Uirapuru, Sebastião Tapajós, Trio Manari, Orquestra de Violoncelistas da Amazônia, Paulo André Barata, Pio Lobato, Mestre Vieira, Mestre Curica, Dona Onete, Toni Soares, Luê Soares, Almirzinho Gabriel, Felipe Cordeiro, Manoel Cordeiro, Nilson Chaves, Lia Sophia, Mestre Solano, Gang do Eletro, Mestre Laurentino, Gaby Amarantos e Metaleiras da Amazônia, formada pelos músicos Manezinho do Sax, Pantoja e Pipira do Trombone.
Serviço:
Terruá Pará 2012. Show de lançamento dos CDs e DVDs das edições de 2006 e 2011. Dias 5, 6 e 7 de outubro, no Auditório Ibirapuera, São Paulo. Ingressos: http://www.auditorioibirapuera.com.br


Planejamento integrado de operações
garante segurança nas eleições 2012
Representantes das forças de segurança estadual e federal se reuniram na manhã desta quarta-feira, 3, na sede da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social para apresentar à imprensa o plano integrado elaborado para garantir a tranquilidade durante as eleições municipais de 2012. Quinze mil agentes, sendo mais de doze mil da Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros, estarão distribuídos nos 143 municípios paraenses. Esse planejamento conjunto entre as duas esferas de governo é o grande diferencial das ações deste ano.
Luiz Fernandes Rocha, secretário estadual de Segurança Pública, destacou a importância da organização integrada das atividades e da antecedência no planejamento como os métodos mais eficazes para evitar transtornos no período eleitoral. “O planejamento para as eleições começaram em julho, mobilizando, além das forças estaduais e federais, o Ministério Público e o Tribunal Regional Eleitoral. Em Belém e nas 15 unidades regionais da Segup no interior trabalharemos juntos em um mesmo espaço físico, que na capital funcionará na sede do TRE-PA, de onde acompanharemos as denúncias e os trabalhos dos agentes de segurança. Em todos os municípios paraenses onde não houver postos da Polícia Federal, caberá aos delegados de Polícia Civil encaminhar qualquer ocorrência aos órgãos responsáveis”, explica o secretário.
O Coronel Correia Lima, que representou o Exército na coletiva, também avaliou positivamente a parceria entre as forças de segurança. “o Exército destacou um efetivo de três mil homens para atuar em 73 municípios. Nosso trabalho está sendo feito em parceria com o Estado, que este ano, com a realização do planejamento integrado, se tornou bem mais fácil, pois sabemos onde cada órgão vai atuar, qual seu efetivo nos locais e o direcionamento das ações”, destaca oficial. O chefe da seção de segurança do TRE, Jorge Monteiro, também está otimista com os resultados: “Este ano o trabalho deverá fluir melhor que nos anos anteriores, pois os agentes de segurança estão melhor distribuídos e cientes do papel de cada órgão”, aguarda.
Do gabinete integrado será possível monitorar todo o efetivo de segurança distribuído no território paraense. A Segup desenvolveu um programa capaz de acompanhar a localização dos agentes, viaturas e aeronaves por meio de georreferenciamento. Segundo Coronel Mário Solano, secretário adjunto operacional da Segup, este mecanismo facilita a tomada de decisão em caso de necessidade. “O programa nos permite ter uma ampla visão do planejamento. Com ele é possível acompanhar, no mapa, a movimentação das forças de segurança em cada localidade do Estado”, enfatiza.
Polícia Militar – A PM vai trabalhar com um efetivo de mais de nove mil agentes, sendo que deste total mais de mil homens e mulheres serão enviados como reforço a 122 municípios do interior. O Coronel Walci Queiroz, comandante operacional da PM, explicou que os outros 22 municípios contarão com o efetivo local, inclusive dos policiais que possam estar de folga no final de semana das eleições. Já o Comando de Policiamento da Capital funcionará com o efetivo completo. “Não haverá prejuízo nenhum de efetivo na capital, que trabalhará integralmente. Mesmo os policiais que teriam folga no dia 7, se for preciso for, serão destacados para trabalhar nas eleições para garantir que tudo transcorra sem maiores problemas”, afirma.
Lei Seca – As eleições municipais de 2012 acontecem no próximo domingo, dia 7 de outubro. Nilton Atayde, delegado geral da Polícia Civil lembra que a partir da meia noite do sábado, 6, será proibida a venda e o consumo de bebida alcoólica em estabelecimentos comerciais como bares, restaurantes e supermercados. “Em casode descumprimento dessa determinação os proprietários poderão ter seus estabelecimentos fechados e serão autuados administrativamente e criminalmente, se preciso. Trabalharemos com mais de dois mil agentes e vamos fiscalizar o movimento nesses locais até as 18 horas do dia 7”, ressalta Nilton Atayde.

Texto:
Julia Garcia-Secom
Fone: (91) 3202-0912 / (91) 8847-2281
Email: juliagarcia@agenciapara.com.br

Procon fiscaliza hotéis em decorrência da Operação Círio 2012
A Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh) por meio do da Diretoria de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon), em parceria com a Vigilância Sanitária Municipal de Belém (Visa), iniciou nesta quarta-feira (3) a operação Círio 2012. Durante a operação os agentes do órgão verificam a ocorrência de infrações como a falta da devida de informação de preços (precificação), cobrança de valores diferentes para compras em dinheiro e cartão de crédito e débito, estipulação de valor mínimo para compra no cartão de crédito ou débito, disponibilização do exemplar de Código de Defesa do Consumidor (CDC) para livre consulta, entre outras.
O chefe de Fiscalização do Procon/PA Jadson Sanches, falou sobre “a importância de monitorar as relações de consumo para que os serviços sejam sempre agradáveis para os turistas, buscando sempre informar o consumidor sobre os seus direitos. O acesso a essas informações deve ocorrer de forma clara e objetiva”. A ação ocorreu pela parte da manhã e foram fiscalizados quatro hotéis, sendo eles: Hotel Grão Pará, Hotel Hilton, Machado’s Plaza Hotel e Hotel Le Massilia. Foram realizados monitoramentos nas melhorias das instalações e os hotéis vem se adequando com as normas do Procon e da Vigilância Sanitária.

Emater assina o paisagismo da Praça Santuário no Círio 2012
Em pouco menos de duas semanas de trabalho técnico da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater) a Praça do Santuário, onde fica a Basílica Santuário de Nazaré, na capital paraense, já começa a ganhar um novo aspecto. Madrinha paisagística do espaço, a Emater trabalha em dois turnos, de tarde e de madrugada, para deixar tudo pronto até o dia 9, quando acontece a abertura oficial da maior manifestação religiosa do Brasil, o Círio de Nazaré. A Emater foi a primeira instituição governamental a firmar parceria com a diretoria da festa de Nazaré para a realização do paisagismo e manutenção do trabalho, que teve início no dia 14 de setembro.
De acordo com a equipe, uma das maiores dificuldades do trabalho foi a retirada do grande volume de lixo jogado no espaço, que recebe durante o Círio milhares de devotos de Nossa Senhora de Nazaré. As árvores e plantas que existem na praça receberam poda e tratamento emergencial. As saumeiras, por exemplo, receberam grama preta e preenchimento dos espaços com copo de leite. De excelente efeito paisagístico, o copo de leite tem flores firmes e duráveis.
Ao redor das palmeiras ao centro da praça, as cercas vivas formadas por gardênias que estavam danificadas pela ação do tempo estão sendo repostas. Os monumentos que existem na praça também ganharam uma nova paisagem. O do manto ganhou lantanas rasteiras amarelas. As flores aromáticas florescem quase o ano inteiro. Ao redor da concha acústica, foram colocadas alpíneas vermelhas e rosas. O espaço também recebeu o aromático jasmim. O altar santuário que acolhe a imagem peregrina para a visitação dos fiéis durante todo o ano ganhou paisagismo novo com helicônias. As brácteas são de coloração vermelho vivo com bordas de cor amarelo e verde.
Segundo Guilherme Saldanha, engenheiro agrônomo da Emater, nesse primeiro momento a ação precisou ser emergencial, devido a isso, a praça ainda conserva muito do projeto paisagístico anterior, mas a ideia da Emater é tornar o ambiente mais alegre e o mais tropical possível, com a continuidade da parceria que prossegue por um tempo maior. “As tropicais são adaptadas ao clima e têm harmonia com o motivo amazônico”, disse Saldanha.
A equipe técnica já trabalha em um novo projeto visando o Natal. A manutenção do espaço vai utilizar a mão de obra de egressos do sistema penal que integram o projeto “Cultivando Flores e Vidas”, do programa Articulação e Cidadania da Casa Civil da governadoria, executado pela Emater.

Texto:
Iolanda Lopes-Emater
Fone: null / (91) 9168-0535
Email: ascomematerpara@gmail.com

Estudantes da Educação Especial
lançam exposição sobre os 
mantos da Virgem de Nazaré
Iniciou nesta terça-feira, 2, a exposição dos mantos de Nossa Senhora de Nazaré confeccionados pelos alunos, professores e técnicos da Educação Especial. A iniciativa da Secretaria Estado de Educação (Seduc) faz parte das comemorações pelos 40 anos da Coordenação de Educação Especial (Coees), que na ocasião realizou também o lançamento oficial da marca relativa à data. A exposição segue até o dia 15 na praça central do Shopping Castanheira.
Com o título “Símbolos e Objetos da Fé” e com o subtítulo “Somos todos iguais como nas Diferenças”, a mostra tem como objetivo valorizar as ações desenvolvidas pelos alunos e profissionais da educação especial em comemoração aos 40 anos de atuação da coordenação. Participaram do evento sete Unidades de Referência que estão vinculadas aos projetos da Coees. O projeto "Arte na Diversidade" apresentou confecções de mantos de cada unidade especializada e contou com uma enorme participação e interesse do público.
Segundo o coordenador dos projetos e programas da educação especializada, Edmilson Lima, os visitantes ficaram muito interessados na exposição dos alunos. As escolas de Educação Especial Astério de Campos e Alvares de Azevedo apresentaram uma música em Libras chamada “Ave Maria Com as Mãos”. A exposição é a primeira das programações que acontecerão em comemoração aos 40 anos da Coees. A programação segue até o dia 15 de novembro com as apresentações e exposições dos trabalhos na Estacão das Docas, Estação Gasômetro e no Hangar Centro de Convenções da Amazônia.

Texto:
Danielly Gomes-Seduc
Fone: (91) 3201-5181 / (91) 9902-1475
Email: danielly.gomes@seduc.pa.gov.br

Prédio do Ministério da Fazenda
ganhará proteção especial no Círio
O prédio sede do Ministério da Fazenda em Belém, situado na rua Gaspar Viana, na esquina com a avenida Presidente Vargas, no bairro da Campina, que sofreu um grande incêndio no final do mês de agosto, receberá uma proteção especial durante as procissões do Círio de Nazaré. Será colocada em todo o prédio uma grande tela de proteção em estrutura metálica.
Parte da calçada do entorno do prédio, que toma também as ruas Municipalidade e a travessa Frei Gil de Vila Nova, será isolada para evitar a aglomeração de pessoas nas proximidades do local. “Tapumes já estão sendo colocados nas calçadas para evitar que o público fique muito próximo do prédio, por esse motivo, os espaços das ruas serão encurtados. A recomendação que estamos dando é que as pessoas evitem ficar nas áreas próximas ao prédio e que deixem o espaço mais livre para a circulação de profissionais que irão atuar na segurança, como a Cruz Vermelha, Bombeiros e Polícia Militar”, afirma o coronel Daniel Rosa, do Corpo de Bombeiros.
A decisão foi tomada durante uma reunião entre Corpo de Bombeiros e representantes da Superintendência de Administração do Ministério da Fazenda. “Uma empresa contratada pelo Ministério da Fazenda irá ‘encamisar’ o prédio para que não haja risco de que algum resquício do incêndio, como entulhos e estilhaços das janelas, atinjam os fiéis que passarão pelo local”, explica o coronel. Ainda de acordo com ele o prédio não corre o risco de desabar, porém, a medida foi tomada por precaução. “Como existe uma concentração muito grande de pessoas que passam por aquele local durante as procissões, nós, em conjunto com a superintendência administrativa do Ministério, resolvemos proteger a área”, completou.
A perícia feita no prédio do Ministério da Fazenda iniciou no dia 27 de agosto e encerrou no dia 23 de setembro. O laudo final apontando as causas do incêndio deverá ser concluído dentro de uma semana. Segundo o coronel Daniel Rosa, até agora, todas as avaliações mostram que o prédio não corre risco de desabar e que não há necessidade de implosão da estrutura.

Texto:
Bruna Campos-Secom
Fone: (91) 3202-0923 / (91) 9306-0990
Email: brunacampos@agenciapara.com.br

Greve de anestesiologistas e
acidentes de trânsito sobre
carregam Hospital Metropolitano
A greve dos anestesiologistas, o aumento considerável no número de acidentes envolvendo motociclistas e a falta de atendimento adequado da rede básica de saúde dos municípios sobrecarregam o Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE). O secretário estadual de Saúde, Helio Franco, fez um balanço da situação do hospital nesta quarta-feira, 3, durante coletiva. Antes de conversar com a imprensa, o secretário reuniu-se com os funcionários do HMUE e escutou as reinvindicações dos servidores em relação às condições de trabalho, uma vez que há excesso de pacientes.
“Na área de urgência, por exemplo, existem hoje 90 pacientes internados, que deveriam estar em leitos ou serem transferidos para hospitais de retaguarda”, explicou Helio Franco. O secretário falou também das demandas de pacientes que deveriam ser atendidos pelas unidades de saúde de Belém, Ananindeua e Marituba. No último mês, por exemplo, 35% do atendimento no HMUE foi direcionado para pacientes da capital.
Outro problema grave, segundo o secretário de saúde, é que a atenção primária nos municípios está fraca, não funciona. “A hipertensão e o diabetes não controlados, por exemplo, vão se desdobrar no acidente vascular cerebral, derrame, infarto, a insuficiência renal. Temos mais de três mil pessoas no Estado fazendo hemodiálise e, desse total, cerca de 90% são em decorrência de hipertensão e diabetes não controlado”, falou. Como exemplo, o secretário informou que até hoje o município de Belém não instalou no Pronto Socorro Mário Pinotti as seis máquinas de hemodiálise para atendimento de casos agudos de insuficiência renal, fazendo com que pacientes com esse problema tenham sempre que ser transferidos para outros hospitais, que dispõem desses equipamentos.
Além de melhorar o atendimento nos Prontos Socorros, segundo Helio Franco, são necessárias ações conjuntas na área de prevenção de acidentes de trânsito, principalmente de motocicletas, ressaltando que a maioria dos pacientes internados no Metropolitano é vítima desses acidentes. “Se não houver mudança nesse sentido, nunca haverá número suficiente de hospitais para atender aos acidentados”, alertou. Segundo o secretário de saúde do Estado é preciso estruturar a rede e os municípios fazerem a sua parte. “Os anestesistas dos prontos-socorros da capital estavam em greve e isso gerou a sobrecarga no Hospital Metropolitano, principalmente em pacientes que precisam de intervenção cirúrgica”, destaca Dr. Hélio.
O diretor geral do HMUE, Pedro Anaisse, falou sobre o número de leitos no hospital. “O HMUE tem 165 leitos de internação e está atendendo acima da média, principalmente na área da urgência, onde há 90 pacientes internados. Cerca de 40% desses pacientes poderiam ser atendidos em outras unidades de saúde, pois são casos de baixa complexidade. E, uma vez atendidos aqui no HMUE, deveriam ser encaminhados para leitos de retaguarda, mas não há vagas no município e ficamos com essa sobrecarga, gerando demora no atendimento, atrasos em cirurgias e outras complicações”, explicou.

Texto:
Ana Claudia-Hospital Metropolitano
Fone: (91) 30733713 / (91) 8112-7034
Email: anaclaudia@web.hmue.org.br

Sérgio Guerra rebate
declarações
de Dirceu e reafirma
apoio a José Serra

O presidente nacional do PSDB, deputado Sérgio Guerra (PE), rebateu nesta quarta-feira as insinuações feitas pelo ex-ministro José Dirceu - identificado pela Procuradoria Geral da República como o chefe da quadrilha do mensalão e que deverá começar a ser julgado hoje pelo Supremo Tribunal Federal - de que o candidato tucano José Serra teria sido abandonado pelo próprio partido às vésperas do primeiro turno da eleição para a prefeitura de São Paulo.

"Não sei onde José Dirceu vai estar. Nada sei sobre o seu futuro. Mas o PSDB esteve, está e sempre estará ao lado de José Serra", afirmou Guerra.


Escolas paraenses que participam do Projeto Jovem de Futuro são avaliadas
Diretores, professores e técnicos pedagógicos que atuam nas 25 Escolas de Tratamento inseridas no Programa Ensino Médio Inovador / Projeto Jovem de Futuro (PJF) se reuniram no auditório da Universidade do Estado do Pará (Uepa) para debater os resultados da Avaliação Diagnóstica, realizada no primeiro semestre letivo com alunos do 1º ano do Ensino Médio de 132 escolas estaduais.

A avaliação faz parte das ações do Sistema Paraense de Avaliação Educacional (Sipave), instituído em 2011, que tem como objetivo acompanhar e analisar o desenvolvimento do PJF na rede estadual de ensino. Em dois dias, os participantes analisaram planilhas, debateram e trocaram experiências com uma equipe do Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação (Caed), da Universidade Federal de Juiz de Fora (MG).
Segundo o coordenador do Ensino Médio, professor Cláudio Trindade, os resultados obtidos servirão como parâmetro para todas as escolas inseridas no PJF no Estado. “Esta avaliação servirá para traçar ações definidas, todas visando a melhoria na proficiência das provas de Língua Portuguesa e Matemática, que irão compor a nota do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), além de diminuir a evasão escolar”.
Na opinião do professor de Matemática Nehemias Monteiro, o problema está na dificuldade de percepção e compreensão dos alunos. “Eles tem dificuldades em compreender que estas duas disciplinas (Matemática e Português) estão no dia a dia deles. A Matemática está em toda parte, basta prestarmos atenção. Na compra da padaria, no trajeto para casa, na brincadeira do parque... Se eles tivessem este discernimento, estas disciplinas seriam melhor compreendida e as notas certamente seriam mais altas”.

Texto:
Fabiana Batista-Seduc
Fone: (91) 3201-5181 / (91) 8802-0325
Email: inezfabianabatista@gmail.com

Praça Waldemar Henrique recebe a Feira do Círio e Miriti
Como já é tradição todo ano no período do Círio de Nazaré, será realizada de 10 a 14 de outubro, na praça Waldemar Henrique, em Belém, a Feira do Círio e Miriti. A feira, que é uma realização do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Pará (Sebrae no Pará), traz um pouco do artesanato paraense, com peças confeccionadas a partir do miriti, uma palmeira típica da região. Na cerimônia de abertura, que acontece no próximo dia 10, às 19h, haverá o Rito da Benção, com a presença do Arcebispo Metropolitano de Belém, Dom Alberto Taveira. O horário de funcionamento será das 9h às 22h. Quem quiser mais informações pode ligar para 08005700800


Seter e Pro Paz certificam 140 alunos em cursos profissionalizantes
O Núcleo de Qualificação Pro Paz Jovem Trabalhador, inaugurado em agosto, já certificou quatro turmas dos cursos de Culinária Regional, Técnicas em Vendas, Cabeleireira e Secretariado. No total foram 140 alunos beneficiados neste primeiro momento. Até o final do ano, mais de 700 jovens serão qualificados e encaminhados ao mercado de trabalho. O Núcleo de Qualificação é vinculado à Secretaria de Estado de Trabalho Emprego e Renda e atua em parceria com o programa de governo Pro Paz.
Uma cerimônia marcou a entrega de certificados, em solenidade realizada no auditório do Núcleo. O projeto é direcionado aos jovens entre 18 e 29 anos, porém 30% das vagas são reservadas aos familiares desses jovens. Além dos cursos que foram concluídos, ainda serão ofertadas qualificações em Panificação e Confeitaria, Maquiagem e Penteados, Assistente Administrativo, Auxiliar de Escritório, Culinária de Doces e Salgados, Operador de Caixa e Contabilidade Básica.
Para a concluinte do curso de Secretariado, Vanile Cristina Silva, as aulas lhe deram novas perspectivas. “Eu gostei muito do curso e agora acredito que estou preparada para  entrar no mercado de trabalho. A instrutora também foi ótima e nos ensinou coisas que levaremos para a vida inteira”, relata. Marineide Rocha fez o curso de Cabeleireira e já pensa em abrir o próprio negócio. “Aproveitei bastante o curso. Eu já fazia algumas coisas em casa, mas agora eu domino a técnica. O próximo passo agora é abrir o meu próprio salão”, afirma.
São promovidos cinco cursos por cada turno, com carga de cinco horas diárias, e todos os alunos são cadastrados no Sistema Nacional de Emprego (Sine). Segundo o titular da Seter, Celso Sabino, o crescimento dos postos de trabalho no Pará são um indicativo de que esse é o momento para investir nesses jovens. “Com certeza, esses alunos que estão concluindo nossos cursos estão preparados para atender às exigências do mercado. Para nós, os depoimentos agradecidos que eles deixam ao final de cada formação são a melhor recompensa. Estamos certos de que esse é o melhor investimento que podemos fazer no futuro desses jovens”, avalia.

Texto:
Gabriela Azevedo-Seter
Fone: (91) 3194-1743 / (91) 8896-4442 / 8300-0103
Email: gabipazevedo@gmail.com / seterascom@gmail.com

Imetropará fiscaliza brinquedos e bicicletas infantis
O Instituto de Metrologia do Pará (Imetropará) realiza, em todo o Estado, a Operação Dia das Crianças, iniciada na segunda-feira, 1º, e que segue até esta sexta-feira, 5. A operação tem como foco brinquedos e bicicletas infantis. É observado se estes produtos têm o selo de qualidade do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) e se o mesmo é verdadeiro. No ano passado, as equipes visitaram 25 municípios, fiscalizaram 252 estabelecimentos e aplicaram 82 autos de infração.
O objetivo da operação é garantir que os produtos foram fabricados seguindo os requisitos mínimos de segurança, diminuindo a probabilidade de acidentes. Levantamento do Inmetro sobre acidentes de consumo mostra que os artigos infantis lideram o ranking, concentrando 14% dos casos. "A operação é realizada em todo o país e visa garantir a segurança de nossas crianças. Os pais têm papel fundamental nesse processo ao observar a presença do selo do Inmetro no brinquedo", disse Luiziel Guedes, presidente do Imetropará.
Os brinquedos devem ter um selo amarelo, com a palavra “segurança” no meio, além de um código. Se o consumidor desconfiar que o selo é falso ou perceber que ele não existe, deve entrar em contato com a ouvidoria do Imetropará. O telefone é 0800-280-1919.
O chefe da Divisão de Fiscalização e Verificação da Conformidade (Divec) do Inmetro, Marcelo Monteiro, explica que diversos testes são feitos antes dos brinquedos receberem a certificação, como, por exemplo, saber se o brinquedo pode ferir ou cortar a pele. É feita também uma simulação para identificar se o tamanho do produto impede que seja engolido por uma criança. Outro teste é o de inflamabilidade, para constatar se o brinquedo não propaga a chama. Há ainda o ensaio químico, que identifica componentes tóxicos que podem causar problemas à saúde.
Conforme a Lei 9.933/99, as empresas que descumprirem as determinações podem ter os produtos apreendidos com a autuação dos responsáveis, além da aplicação de multas que variam de R$100 a R$ 1,5 milhão.
* Com informações da Agência Brasil

Texto:
Adaucto Couto-Imetropará
Fone: (91) 3246-2404 / 3246-2554 / (91) 8134-9373
Email: adaucto.couto@imetropara.pa.gov.br

Defensoria leva Mutirão de
Reconhecimento Extrajudicial
de Paternidade a Barcarena
Passados quase 20 anos da promulgação da Lei Federal 8.069/90, ainda é grande o número de crianças e adolescentes que ainda não têm seus direitos básicos respeitados, como o de ter o nome do pai em seus registros de nascimento. O município de Barcarena, no nordeste do Estado, recebeu na segunda quinzena de setembro um mutirão da Defensoria Pública do Estado destinado a promover o recohecimento extrajudicial de parternidade. A ação visa justamente reduzir o índice de casos desa natureza, considerado alto naquela localidade, muitos deles identificados como de omissão paternal e outros por falta de informações dos genitores.
O projeto 'Pai Legal', mantido pela Defensoria, foi criado para garantir o direito da paternidade a crianças e adolescentes. Profissionais que integram a equipe estiveram em Vila do Conde para prestar orientação jurídica a mães, convocadas previamente, com o objetivo de esclarecê-las quanto à necessidade de seus filhos em ter a participação jurídica e também afetiva do pai em suas vidas, e dos próprios genitores, chamados a fazer esse reconhecimento.
Aos pais que ainda tinham dúvidas quanto à paternidade foi oferecido exame de DNA gratuito. Já aqueles que não compareceram à convocação ou não se propuseram ao reconhecimento espontâneo responderam a uma ação litigiosa ajuizada no mesmo ato. O mutirão começou pelas escolas municipais “Wandick Gutierres”, “Professor Roberto Carlos”, “Professora Lindalva” e “Professor Francisco Conceição”.
Por constituir-se em um polo industrial, Barcarena apresenta uma característica peculiar, pois recebe pessoas de vários Estados e até de outros países. Muitos deles acabam por se envolver com mulheres da região e, ao retornarem pra os seus locais de origem perdem o contato com as mesmas, ficando mesmo sem saber da existência de filhos gerados a partir dessas relações. Diante da inexistência de informações até mesmo do nome ou localização do genitor, bem como da relação socioafetiva com os filhos, a Defensoria Pública optou por promover adoções unilaterais pelos atuais companheiros dessas mulheres.
Foram realizados nesta edição do mutirão 32 atendimentos, entre reconhecimentos espontâneos, guarda e processos de adoção. “O que nos chamou atenção foi o grande numero de adoções unilaterais, quando uma parte adota o filho do cônjuge (companheiro ou companheira), revelando a importância do vínculo afetivo decisivo neste tipo de ação”, afirmou a pedagoga do Núcleo de Atendimento Especializado a Criança e Adolescente - NAECA, Maria José Silva. O defensor público e idealizador da ação de cidadania, Silvio Grotto, ressaltou que “o reconhecimento de paternidade interfere na autoestima desses menores e, consequentemente, no processo de formação destes jovens enquanto cidadãos. Por isso a importância de iniciativas como estas”.
Este foi um dos vários mutirões planejados para acontecer ainda este ano, com vistas a regularizar o reconhecimento de paternidade no município de Barcarena. O próximo bairro a receber a ação da Defensoria será a Vila dos Cabanos.

Texto:
Gilla Aguiar-Defensoria Pública
Fone:  (91) 3201-2656 /
Email: gilparente@hotmail.com

Pôr-do-Som especial homenageia
Círio de Nazaré nesta sexta
Outubro chega e traz a Belém o encanto da maior festa católica do Norte: o Círio de Nazaré. Para comemorar o tradicional “Natal dos paraenses”, o projeto Pôr-do-Som especial apresenta o grupo Frutos do Pará, com o espetáculo “Amazônia Lendária”. O espetáculo, que faz parte da programação “Nazaré em Todo Canto”, da Secretaria Estadual de Cultural (Secult) será realizado nesta sexta-feira (5), a partir das 18h, na orla do Armazém 3, da Estação das Docas.
A partir de performances de teatro, canto, dança e música, o grupo Frutos do Pará vai narrar a história do Auto do Círio, por meio de seus ícones: corda, berlinda, promesseiros e os tradicionais brinquedos de miriti. As danças tradicionais do folclore paraense, lundu, siriá, carimbó e as lendas amazônicas do Boto, Iara, Cobra-grande e Matinta Perera estão no roteiro do espetáculo.
Do bairro do Telégrafo, em Belém, o grupo que comemora em 2012, 20 anos de história, participou neste semestre de vários festivais folclóricos pelo Brasil. Em turnê pelas regiões Sul e Sudeste, o grupo Frutos do Pará mostrou o espetáculo “Amazônia Lendária” que encantou o público. Segundo a coreógrafa Nazaré Azevedo, “quem nos assistiu ficou impressionado com a performance que apresentamos, onde os promesseiros caminham de joelhos. Foi muito bonito ver a comoção no rosto do público”, comenta.
O grupo Frutos do Pará realiza no município de Acará, no nordeste paraense, o projeto “Colhendo Frutos”. Ao longo do ano, foram ministradas oficinas de música e dança, voltadas para crianças. Nesta sexta-feira, 5, o resultado desse projeto será apresentado por um grupo de 30 crianças, que estarão em Belém para participar do espetáculo “Amazônia Lendária”.
O grupo Frutos do Pará leva à orla do Armazém 3, da Estação das Docas, cerca de 40 integrantes, distribuídos entre dançarinos e músicos para o espetáculo. “Esperamos que o público presente na Estação, seja paraense ou turista, sinta o encanto da maior festa dos belenenses: o Círio. Além disso, vamos fazer uma grande roda de carimbó para ninguém ficar parado”, promete Nazaré Azevedo.
Serviço:
Pôr-do-Som Especial “Amazônia Lendária”, com o grupo Frutos do Pará
Nesta sexta-feira (5), a partir das 18h, na orla do Armazém 3, na Estação das Docas (Av. Boulevard Castilhos França, s/n° - Campina)
Informações: (91) 3212.5660
Entrada gratuita

Texto:
Camila Barros-Pará 2000
Fone: (91) 3212-5660 / (91) 8896-4318
Email: comunicacao@estacaodasdocas.com.br

Jornalistas alemães cobrem o Círio
A presidente da Companhia Paraense de Turismo (Paratur), Socorro Costa, está fazendo os últimos ajustes para as atividades que a equipe realiza durante o Círio 2012. Este ano a imagem peregrina visita a sede da Paratur no dia 8 e será recebida com homenagens e um coquetel especial. A novidade do barco da Romaria Fluvial é que este ano é compartilhado entre convidados da Paratur e da Setur, a maioria familiares dos servidores e membros do trade turístico do Estado, além da imprensa convidada.
Só de fora do estado estão credenciados 18 jornalistas, entre documentaristas, cineastas alemães, revistas de bordo de companhias aéreas, entre outros. Todas as estratégias visam dar visibilidade ao Pará a partir da nova marca turística e do slogan "Pará, a obra-prima da Amazônia". O maior desafio da equipe vai ser apoiar o receptivo dos 600 turistas alemães que desembarcam em Belém em plena Romaria Fluvial e vão visitar, guiados pela Amazon Icomining Service, alguns pontos turísticos da cidade, como Museu Goeldi e Basílica de Nazaré. Socorro tem participado de reuniões com diversos dirigentes de órgãos, empresas e outros para que tudo seja impecável, já que o Círio vai trazer nada mais, nada menos que 76 mil turistas ao Pará, como afirma o Dieese.

Feira do Miriti e do Círio
Como já é tradição todo ano no período do Círio de Nazaré, será realizada de 10 a 14 de outubro, na praça Waldemar Henrique, em Belém, a Feira do Círio e a Feira do Miriti. As duas feiras, que são uma realização do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Pará (Sebrae-PA), trazem um pouco do artesanato paraense, com peças confeccionadas a partir do miriti, uma palmeira típica da região. Na cerimônia de abertura, que acontece no próximo dia 10, às 19h, haverá o Rito da Benção, com a presença do Arcebispo Metropolitano de Belém, Dom Alberto Taveira. O horário de funcionamento será das 9h às 22h.

Recital de fagote e piano no
Conservatório Carlos Gomes
O Conservatório Carlos Gomes realizou nesta quarta-feira (4) recital de fagote e piano com Osvanilson de Castro Ferreira e Humberto Azulay, que executarão um repertório composto de obras para esse duo, com peças de Eugene Bourdieu, Alexandre Tansman, Gabriel Pierné e Camile Saint-Sain. O recital, com entrada franca, terá início às 19h na Sala Ettore Bósio.

Imprensa Oficial entrega
mais um Espaço de Leitura
Uma banda de música regida pelo músico Luiz Cláudio Santa Rosa e composta por alunos do projeto Escola da Vida (PEV), do 3º Grupamento Bombeiro Militar, em Ananindeua, recepcionou com a música Aquarela do Brasil, de Ari Barroso, os convidados que participaram da inauguração do Espaço de Leitura Livro Solidário. A área de 110 metros quadrados abriga o terceiro espaço entregue pela Imprensa Oficial do Estado, dentro do Projeto Livro Solidário. Ele vai beneficiar militares daquele grupamento, bem como os cerca de 450 alunos que fazem parte do PEV.
Durante a inauguração, o presidente da Imprensa Oficial destacou a importância dos livros para o estímulo à criatividade e imaginação. “O homem é o único animal capaz de registrar sua própria história através da escrita; daí os livros serem peças fundamentais para esse desenvolvimento pessoal e social”, observou. O sub-comandante do Corpo de Bombeiros Militar, coronel Mário da Conceição Morais, que representou o comandante geral da corporação, reforçou a necessidade de replicar a ideia de criação de Espaços de Leitura em mais unidades do PEV, e destacou a Bíblia como “o mais importante livro de todos os tempos para a humanidade”. Na ocasião, o comandante do 3º GBM e coordenador do PEV/ Ananindeua, major Ananias de Albuquerque, destacou que os livros representam “portas que se abrem para vários mundos; que criam, ensinam e doutrinam homens e mulheres para o bem”.
Formalização
Um Termo de Doação e Compromisso contendo os direitos e deveres das instituições envolvidas com o Livro Solidário foi assinado entre Imprensa Oficial e Corpo de Bombeiros. Também foi entregue a lista do acervo de 800 livros didáticos e paradidáticos doados para o espaço, devidamente catalogados e selecionados a partir da demanda encaminhada à coordenação do Projeto Livro Solidário.
Para a aluna e monitora do PEV, Victória Nascimento, 15 anos, o espaço entregue não representa apenas um lugar de leitura, mas uma fonte de sabedoria. “Não adianta ter apenas computadores se não tivermos livros para ler”. Ela coordenou a Guarda de Honra dos alunos do PEV que executaram evoluções de ordem unida durante o evento.
Ao destacar a frase de Bill Gates que compõe o Espaço de Leitura, onde há um parâmetro entre livros e computadores, o comandante adjunto do PEV, coronel Nahum Fernandes da Silva, também afirmou que a tecnologia é importante no mundo globalizado, mas que sem livros, não somos capazes de reviver nossa própria história, pois “eles nos conduzem para mais resultados”.
Durante a cerimônia, a subchefe da Casa Civil, Lucila Serique, representou a primeira-dama do Estado, Ana Jatene, e elogiou mais essa etapa alcançada pelo projeto Livro Solidário. E parabenizou a equipe pelo cuidado e organização do Espaço. Familiares das crianças atendidas pelo PEV também participaram da inauguração.
O Projeto
O projeto "Livro Solidário" iniciou em 2004, coordenado pelo Núcleo de Articulação e Cidadania do Governo do Estado, tendo à frente a primeira-dama Ana Jatene e tem como principal objetivo o estímulo à doação de livros para comunidades com maior vulnerabilidade social da Região Metropolitana de Belém. Nesta segunda edição, o projeto é coordenado pela Imprensa Oficial do Estado (IOE), que também conta com o apoio da primeira-dama.
A partir da doação de livros novos ou usado, a IOE procura atender à comunidade com a implantação de Espaços de Leitura. É uma oportunidade para a autarquia colaborar com bibliotecas comunitárias existentes nos bairros beneficiados com o projeto, bem como estimular a criação de outros espaços da mesma natureza, que funcionem como centros de leitura. Também pretende incentivar o acesso e o hábito da leitura, com vistas a contribuir para o crescimento e desenvolvimento do cidadão, bem como para sua inclusão social; e fortalecimento de valores como cidadania, solidariedade, igualdade e dignidade entre os participantes e beneficiários diretos do projeto.
Parceiros do projeto Livro Solidário:
1.      Secretaria de Estado de Educação
2.      Secretaria de Estado de Planejamento, Orçamento e Finanças
3.      Secretaria de Estado de Obras Públicas
4.      Fundação Paraense de Radiodifusão - Funtelpa
5.      Banco do Estado do Pará
6.      Sociedade Bíblica do Brasil
7.      Hospital Ophir Loyola
8.      Hospital Santa Casa de Misericórdia do Pará
9.       Superintendência do Sistema Penal

Texto:
Carmen Palheta-IOE
Fone: (91) 4009-7805 / (91) 88956880
Email: carmenpalheta@ioe.pa.gov.br

Postar um comentário

REVISTAS MEDIUNIDADE

JESUS: "Choro por todos os que conhecem o Evangelho, mas não o praticam...”

Ofuscado pela grandeza do momento, começou a chorar. Viu, porém, que Jesus chorava também... E, Eurípedes, falou – Senhor, por que ch...