Total de visualizações de página

domingo, dezembro 04, 2011

@ REPÓRTER JURUNENSE: O que aconteceu no domingo e o que reserva no início de semana

Hospital Ophir Loyola
tem reunião importante
de diretorias às 9 hora
desta segunda-feira
O Hospital Ophir Loyola após uma ano de jornada de trabalho que trouxeram grandes melhorias institucionais promoverá na próxima segunda-feira, 05 de dezembro, às 9h, a I Reunião de Resultados do HOL. Durante o evento, serão apresentadas diversas  conquistas durante  o ano de 2011, tais como aquisição de equipamentos importantes,  revitalização do HOL, implementação de comissões, Nova Unidade de Atendimento Imediato , reativação do Serviço de Atendimento Domiciliar paras pacientes oncológicos Fora da Possibilidade Terapêuticas Atuais , entre outros assuntos relevantes. As  apresentações serão feitas pelas cinco diretorias; Diretoria Técnica, Diretoria Clínica, Diretoria de Ensino e Pesquisa, Diretoria de Administração e Finanças e Diretoria Geral.

O Evento conscide com o Dia Internacional do Voluntariado e será encerrado com uma homenagem da cantora Juliana Sinimbú aos profissionais de Saúde.
 Diretorias:
Diretora -Presidente: Drª Graça Jacob
Diretoria Técnica: Dr° Amilcar Carvalho
Diretoria Clínica:  Drª Izabel  Campos
Diretoria de Administração e Finanças: Socorro Brito
Diretoria de Ensino e Pesquisa: Drº Luiz Cláudio Chaves

Órgãos do governo oferecem
bibliotecas com
acervo diferenciado
Um espaço democrático onde se tem informação e oportunidades de aprendizagem gratuitamente. Assim são as diversas bibliotecas espalhadas nos órgãos públicos do estado. Além da maior biblioteca pública do Pará, Artur Viana, que contém o maior acervo de literatura paraense, quase todas as instituições do estado oferecem para seus funcionários e também para a população bibliotecas completas, inclusive com acervo exclusivo e raro.
É o caso da biblioteca “Leonor Macedo”, do conservatório da Fundação Carlos Gomes. Lá é possível encontrar muitas obras sobre música, partituras, CDs, DVDs e discos de vinil. É a única biblioteca do Brasil que possui raridades como o livro “Musique Vocale”, de Emile Chevé, do ano de 1873. “Temos raridades musicais e culturais que só podem ser encontradas aqui. Nossa biblioteca é uma verdadeira riqueza musical”, diz a bibliotecária Luci Moía. Partituras de Chopin Beethoven também são encontradas com maior facilidade no local. Já os vinis, são em sua maioria de ópera, música internacional.
Os alunos do conservatório aprovam a biblioteca e contam que as raridades encontradas em seu acervo são fundamentais para aperfeiçoar os estudos. “È difícil encontrar partituras para o instrumento que eu toco, o fagote. Na biblioteca do conservatório eu encontro muita coisa interessante e acabo aprendendo técnicas novas”, ressalta o estudante Alex Andrade, bacharelado em música.
Outra biblioteca que chama atenção pela diversidade literária é a biblioteca “Irmãos Guimarães” do Departamento Estadual de Trânsito do Pará (Detran/PA). O nome do espaço foi dado em homenagem a dois jovens irmãos que foram vítimas de acidentes de trânsito na Avenida Almirante Barroso em 1999.
A maior parte do acervo é formado por obras com a temática trânsito. A biblioteca recebe com muita freqüência a visita de estudantes e moradores das áreas que ficam no entorno do Detran. Além isso, os funcionários do órgão e o público podem utilizar o espaço para a leitura e internet. O aposentado Antônio Corrêa, mora próximo ao Detran e freqüenta a biblioteca do órgão diariamente. “Como eu não tive muito estudo, eu aproveito este espaço para me informar sobre tudo que está acontecendo no mundo. Venho para cá, leio os jornais, as revistas e saio daqui bem mais informado e com a certeza de que estou pronto para debater os mais diversos assuntos”, diz.
Arte - A Biblioteca Carmen Souza da Fundação Curro Velho é detentora de um vasto acervo de arte e atende à oficineiros, instrutores da Fundação e a comunidade próxima. A Biblioteca está de portas abertas para a consulta e como a sua especialidade são as artes em geral, o espaço possui também exemplares de todos os campos da Ciência. A grande procura, como afirma a bibliotecária Simone Rabelo, que trabalha na Biblioteca há um ano, é por parte das crianças da comunidade Vila da Barca, que vêm à Fundação procurar cultura e entretenimento e ocupam a Biblioteca por causa dos livros infanto-juvenis. “Crianças da comunidade vem muito aqui e praticam pintura e desenhos na nossa Biblioteca, além de aproveitarem o acervo da literatura infanto-juvenil”, ressalta Simone Rabelo.
O espaço tem frequentadores assíduos, como é o caso de Naiara, Ester e Beatriz, que procuram o local para apreciar a literatura infantil e passam tardes à fio praticando pintura e lendo. Há também procura por parte de estudantes que fazem pesquisas de escola aqui mesmo na Fundação.
Quadro de bibliotecas
em órgãos públicos
SEMA - A Biblioteca da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) está localizada no Edifício Itacaiúnas, na travessa Lomas Valentinas, 2717, bairro do Marco. O horário de atendimento ao público externo é de 8h às 14h e prolonga-se até 17h para o público interno. Publicações voltadas a questões ambientais em livros, folhetos, revistas e no site www.sema.pa.gov.br, no link Biblioteca,  podem ser encontradas no catálogo online e na estante virtual, mapas, imagens de satélite, CDs, DVDs, periódicos e outros produtos e serviços direcionados ao meio ambiente.
Hospital Gaspar Viana - A Fundação Pública Estadual Hospital de Clínicas “Gaspar Vianna” implantou sua biblioteca no ano de 2000 para dar suporte informacional bibliográfico às atividades de assistência, ensino e pesquisa desenvolvidos pela instituição. Ela faz parte da Gerência de Ensino e Pesquisa – GEP, situada no 2º andar do prédio administrativo. Destina-se a atender a clientela interna e externa, oferecendo um acervo relevante na área da saúde mais especificamente em psiquiatria, cardiologia e nefrologia. Seu horário de funcionamento é de 7 às 18 horas, de segunda a sexta-feira.
UEPA
Campus I - Centro de Ciências Sociais e Educação. (CCSE) Biblioteca Paulo Freire. Funcionamento: 8h às 22h.
Endereço: Travessa Djalma Dutra, s/n - Bairro do Telégrafo.
Campus II - Centro de Ciências Biológicas e da Saúde. (CCBS)
Biblioteca Professora Iracema Alves de Almeida.
Funcionamento: 8h às 19h
Endereço: Travessa Perebebuí, 2623 - Bairro do Marco.
Campus III - Curso de Educação Física.
Biblioteca Jonathan Pontes Athias.
Funcionamento: 8h às 21h.
Endereço: Avenida João Paulo II, 817 - Bairro do Marco.
Planetário do Pará Sebastião da Gama.
Biblioteca do Planetário
Funcionamento: 8h - 18h
Endereço: Avenida Augusto Montenegro, s/n - Bairro Nova Marambaia.
Escola de Governo - A Biblioteca Irmã Dorothy funciona nas dependências da Escola de Governo do Estado do Pará (EGPA) e disponibiliza o empréstimo domiciliar de livros, periódicos, materiais multimídia e outros títulos a toda rede de servidores efetivos do Estado. A Biblioteca fica na EGPA, situada na avenida Almirante Barroso, 4314. O telefone para contato é (91) 3214-6820 (Ramal 6862) e E-mail: biblioteca@egpa.pa.gov.br. O funcionamento regular é de segunda à sexta-feira, no horário de 08h às 17h.
Cosanpa - Biblioteca Alcionides Siqueira, localizada em São Braz, e funciona ao público no período das 8h às 12h e das 14h às 18h.
Emater - O espaço chama-se "Lucivaldo Coelho". Horário de funcionamento: 8h às 12h e das 13h às 16h, de segunda a sexta.
Sefa - na biblioteca da Sefa a maior parte do acervo são livros e revistas sobre temas fiscais e tributários, e funciona na  Av. Visconde de Souza Franco, 110, térreo. Atende público externo das 8 às 14h, de segunda a sexta-feira, somente para consulta.
Biblioteca do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves
Endereço: CPC Renato Chaves - Rod. Transmangueirão, s/n. Bairro do Bengui, Cep 66.640-000. Horário: 8h às 14h. O acervo está voltado principalmente à área pericial.
Defensoria Pública - É apenas para o uso de defensores e servidores do órgão. A biblioteca fica localizada no 4º andar do prédio-sede da Instituição, na Tv. Pe, Prudêncio, 174 - Campina.
Sepof - Dispõe de uma biblioteca que funciona no horário das 8h às 17h, de segunda a sexta, na coordenadoria da bibliotecária Nazaré Mendonça.
Idesp - A biblioteca do Idesp fica na sede do órgão, na Rua Municipalidade, 1461, esquina com Trav. Dom Pedro, no horário de 8h às 12h e de 13h às 17h. O espaço contém livros, monografias, dissertações, teses e material áudio-visual na área social, ambiental e, principalmente, econômica.

Texto:
Bruna Campos-Secom
Operação policial apreende
quase 100 kg de maconha em Moju
Policiais Militares do Destacamento de Moju prenderam, durante a operação “Saturação” na localidade de Serrana, perceberam dois homens em atitude suspeita a bordo de uma bicicleta. Ao avistar os policiais, a dupla rapidamente empreendeu fuga pela mata, abandonando uma mochila com 7,3 kg de maconha prensada. Os militares fizeram buscas na região e conseguiram localizar, escondidas em uma trincheira, aproximadamente 90 kg de maconha, pronta para ser prensada e comercializada; além de três sementeiras; material que foi encaminhado, juntamente com um dos fugitivos capturados, para a Depol local.
O Major PM Silva Junior, comandante da 3ª Companhia Independente, enfatizou que as ações preventivas e de enfrentamento estão sendo desenvolvidas com muita frequência e os resultados tem sido positivos, contribuindo para diminuir significativamente, os índices de criminalidade na área de atuação do Comando de Policiamento Regional IX,                                       
Ainda em Mojú, Policiais Militares do DPM local; 1º Sargento PM Pires, Cabos PM Barbosa, Barcelos e Ronaldo e Soldados PM Anderson, Serrão e Farias, apresentaram na Depol do município, mais dois homens, também acusados de tráfico de entorpecentes e associação ao tráfico de drogas.
Na casa onde a dupla foi localizada, havia 28 “petecas” de cocaína, uma espingarda, calibre .28, três vidros de plástico com pólvora e chumbo, várias espoletas, duas tesouras, sacolas plásticas; em geral, utilizadas para embalar a droga, 17 chip’s de várias operadoras e dinheiro em espécie. Apresentados na condição de flagrante, a dupla está à disposição da justiça.
Major PM Leno Carmo - Ascom/PMPA

Texto:
Leno Carmo-Polícia Militar
Iinfrator é reconhecido e
preso pela PMA em Salvaterra
 O 8º Batalhão de Polícia Militat de Salvaterra;  foi averiguar denúncia anônima de tráfico de entorpecentes por parte de um homem, residente na Vila de Joanes, zona rural do município de Salvaterra. Chegando na localidade, os policiais abordaram um suspeito cujas características se assemelhavam às da denúncia recebida e com ele encontraram nove petecas da pasta base da cocaína, além duas "trouxinhas" de maconha e dinheiro em espécie. Reconhecido como de “alta periculosidade”, sendo acusado de outros delitos na referida vila como: estupro, furtos e outros, o homem foi conduzido imediatamente à Delegacia de Polícia Civil de Salvaterra, onde foi autuado em flagrante delito por tráfico de entorpecente e colocado à disposição da justiça.

Texto:
Leno Carmo-Polícia Militar
Ator não teve mochila
roubada em Altamira
A respeito da notícia de título "Sérgio Marone tem mochila roubada no Pará" divulgada em diversos sites nacionais, a Polícia Civil do Pará esclarece que, na verdade, não houve roubo e,sim, o ator esqueceu a mochila em via pública, junto a um poste de iluminação pública, perto da instituição conhecida como "Casa do Índio", no cais do porto da cidade de Altamira, na tarde de sábado. Sérgio Marone teria deixado a sua produtora encarregada de reparar a bolsa, enquanto registrava fotos na instituição indígena. Na mochila, havia documentos e um computador portátil, entre outros objetos. Após saírem do local, o ator e a produtora foram até um balneário no município, mas esqueceram de levar a mochila, que ficou no local.
Eles se lembraram da bolsa já pela noite no balneário. De acordo com o delegado Cristiano Nascimento, superintendente da Polícia Civil na região do Xingu, um investigador está prestando apoio ao ator na região. Marone e a produtora, após se lembrarem da mochila, retornaram ao cais do porto para tentar localizá-la, mas a bolsa já não estava mais no local. O ator foi orientado a registrar boletim de ocorrência da perda da mochila ainda neste domingo. Ele teria oferecido, por meio de uma rádio local, recompensa de mil reais a quem lhe devolver a bolsa.

Texto:
Walrimar Santos-Polícia Civil

Belém sedia encontro da
 
Comissão de
Gestão Fazendária
Entre os próximos dias 06 e 09 (terça à sexta-feira) Belém sediará a 14ª reunião da Comissão de Gestão Fazendária (Cogef), integrada por técnicos das secretarias estaduais de Fazenda, responsáveis pelo gerenciamento dos programas de modernização da gestão fiscal. A Secretaria de Estado de Fazenda do Pará  (Sefa) é a anfitriã do encontro, que acontecerá no Hotel Sagres, com apresentação dos resultados de projetos para melhorar o desempenho da fiscalização e da arrecadação dos Estados brasileiros, e das ações de cooperação com os órgãos parceiros na administração fiscal do país.
A Cogef  coordena os aspectos técnicos dos programas de modernização das gestões fiscais dos Estados e do Distrito Federal, além de promover o intercâmbio e a integração. Nos dois primeiros dias haverá curso de atualização, e a partir do dia 8 (quinta-feira) começará a reunião técnica, com representantes de instituições federais, como  Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Escola de Administração Fazendária (Esaf), Ministério da Fazenda e Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Os projetos estaduais de modernização da administração tributária têm financiamento de linha de crédito do BID e do BNDES.

Texto:
Ana Márcia-Sefa
Seminário enfatiza
importância da
educação fiscal
Disseminar informações e conceitos sobre gestão fiscal, favorecendo a compreensão e intensificando a participação da sociedade nos processos de geração, aplicação e fiscalização dos recursos públicos, foi um dos objetivos do Seminário Estadual de Educação Fiscal, realizado na manhã de sexta-feira (2), no auditório do Convento dos Mercedários.
Participaram do evento, professores, técnicos e diretores de escolas estaduais e municipais da capital e do interior do Estado, que integram o Programa Nacional de Educação Fiscal (PNEF); além do secretário de Estado da Fazenda, José Tostes Neto; da coordenadora do Grupo Estadual de Educação Fiscal, Zilda Benjamin; do auditor fiscal da Receita Federal em Belém, Marcus Aurélio Antunes; do diretor geral da Escola de Administração Fazendária, Alexandre Motta, e do gerente do Programa Nacional de Educação Fiscal, Eugênio Gonçalves. A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) foi representada pelo diretor de Ensino Médio e Profissionalizante, José Roberto Alves.
Os participantes assistiram a palestras ministradas pelo diretor Alexandre Motta, sobre o tema “Educação Fiscal e a Qualidade do Gasto Público”, enfatizando a “importância da difusão dos temas pertinentes à educação fiscal, considerando a margem do desperdício em todo o país”, e do gerente Eugênio Gonçalves, que abordou a questão da “Educação Fiscal para a Cidadania”.
Gonçalves destacou a necessidade de priorizar a educação. “A educação é o caminho para melhorias em todos os sentidos, inclusive para a ascensão social, e deve integrar três palavras chaves: conhecimento, habilidade e atitude. Atualmente, 7% do Produto Interno Bruto (PIB) são utilizados na educação, e este valor deve aumentar”, informou. Antes das palestras, o professor Cleber Couto, da Secretaria Municipal de Educação (Semec), apresentou o Hino Nacional na Linguagem Brasileira de Sinais (Libras).
Premiação - Como forma de incentivar a participação dos alunos nos debates sobre Educação Fiscal, o grupo de educação realizou no último mês de outubro o 2º Concurso de Redação. Com o tema “Patrimônio Público: a responsabilidade também é sua”, o concurso recebeu as inscrições de centenas de alunos dos ensinos fundamental e médio das escolas públicas. Em cada escola, duas redações foram selecionadas, uma de cada nível, e enviadas ao Grupo de Educação Fiscal, que selecionou os vencedores.
Na categoria I, do Ensino Fundamental, ficou em segundo lugar a aluna da 4ª etapa, Adrielle Paiva, da Escola Estadual “Profª Ida Oliveira”. O primeiro lugar foi conquistado pelo aluno da 8ª série, Renivan Alves, da Escola Estadual “Sementinha do Saber”, do município de Bragança (nordeste do Pará).
Na categoria II, do Ensino Médio, o segundo lugar coube à aluna do 1º ano, Talissa dos Reis, da Escola Estadual “Profª Isabel Amazonas”, e o primeiro lugar à aluna da Escola Estadual Deodoro de Mendonça, Karolyne de Melo. Os vencedores foram premiados com notebooks, bicicleta e Playstation. Seus professores-orientadores receberam livros e pen drives.
A professora Marlúcia Martins, que orientou o trabalho da aluna Karolyne de Melo, agradeceu a oportunidade, ressaltando os benefícios para todos os estudantes. “É uma ação maravilhosa, que desperta o interesse pela cidadania e ética. São temas de absoluta relevância para toda a sociedade. Estamos muito felizes em participar”, declarou.
Para Socorro Montalvão, que integra o Grupo de Educação Fiscal da Seduc, o grupo é importante porque desenvolve as ações de programas que são fundamentais e beneficiam escolas nos âmbitos estadual, municipal e federal. “Para isto é necessário disseminar e criar mais Grupos de Educação Fiscal. Atualmente, possuímos, além do de Belém, mais cinco grupos nos municípios de Conceição do Araguaia, Belterra, Santarém, Bragança e Paragominas”, informou.

Texto:
Danielly Gomes-Seduc
Susipe promove Festa de
Natal para filhos de
internos e egressos



Espetáculo de mágica, brincadeiras, animação com Mamãe Noel, distribuição de cestas básicas e presentes pelo Papai Noel fizeram parte da programação da Festa de Natal promovida pela Superintendência do Sistema Penitenciário do Pará (Susipe) para os filhos de internos e egressos. A festa aconteceu na tarde de sexta-feira (2), na sede do Serviço Social do Comércio (Sesc), em Belém, e contou com a participação de mais de 100 crianças.
Entre a garotada, a entrega dos presentes foi o momento mais esperado. “Queria ganhar uma boneca”, disse Gabriela Cordeiro, 4 anos. “Aqui é muito legal. A gente está brincando, estou gostando de tudo", completou Davi Nogueira, 6 anos. “A importância desse evento é maior para a família. Reunir a família do egresso é uma responsabilidade social que temos”, afirmou o diretor do Núcleo de Reinserção Social da Susipe, Ivaldo Capeloni, que ressaltou também a importante participação dos servidores no evento.
Segundo Silvina Cunha, gerente da Divisão de Assistência Integrada da Susipe, as atividades recreativas garantem o acesso às brincadeiras e promovem inclusão, interação e integração. “Tivemos grandes colaboradores para a realização da festa. Conseguimos sensibilizar várias empresas e instituições”, informou.
Para Viviane Nogueira Cardias Silva, 26 anos, a festa foi uma oportunidade muito boa de lazer. “Meus filhos têm a oportunidade de se divertir, brincar e ganhar um brinquedo de Natal, pois nesse ano eu não sabia se teria condições de comprar presentes para eles”, contou.
A festa de Natal teve ainda a colaboração da Panificadora Umarizal, das empresas Hiléia, Pantera, Bella Bijoux, refrigerantes Fly, Albano, Igrejas Assembleia de Deus, Deus é Amor, Universal do Reino de Deus, da Pastoral Carcerária, do Serviço Social do Comércio (Sesc) e dos servidores da Susipe, que doaram  brinquedos para as crianças.

Texto:
Antenor Filho-Susipe
Sespa oferece teste
rápido de HIV na
Praça Batista Campos
A programação alusiva ao Dia Mundial de Luta contra a Aids será encerrada em Belém neste domingo (4), na Praça Batista Campos, onde quatro Unidades Móveis da Sespa (Secretaria de Estado de Saúde Púbica) vão disponibilizar consultas médicas, atendimento odontológico, coleta de exames para Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs/Aids), hepatites virais e testes rápidos para detecção do vírus HIV. A organização é da Coordenação Estadual de DST/Aids.
Mostra de Dança revela
talentos da rede
estadual de ensino
Antes do horário previsto para o início da IX Mostra de Dança dos alunos da rede estadual de ensino, realizada neste sábado (3), no teatro Margarida Schivasappa (no Centur), mães e outros responsáveis já aguardavam ansiosos para entrar nas dependências do teatro e assistir ao espetáculo. A Mostra é uma iniciativa da Secretaria Especial de Promoção Social e Secretaria de Estado de Educação (Seduc), por meio do Núcleo de Esporte e Lazer (NEL). O evento é a culminância de todo o trabalho desenvolvido pelos professores de Educação Física no treinamento desportivo nas escolas, informou a gerente do NEL, Ana Glória Guerreiro.
“É o meu sonho sendo realizado por meio da minha filha”, disse Lizandra Oliveira de Freitas, mãe da aluna Mariane Oliveira, da Escola “ Brigadeiro Fontenelle”, localizada no bairro da Terra Firme, em Belém. A menina integra a turma de balé clássico do projeto Polo Esportivo, da Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra).
No projeto, segundo Elene Pinheiro, professora de Educação Física do NEL, cerca de 160 alunos fazem parte, há três anos, das turmas de balé clássico. O talento dos alunos para a dança tem sido reconhecido e vem alcançando bons resultados. Nesses exemplos de sucesso estão as alunas Aline Ayane, Verônica Daniele, Yasmim Braga, Paula Cohen e Laís Freitas, que foram selecionadas para o curso de verão, com duração de duas semanas, que acontecerá em julho de 2012, na Maiami City Bale School (EUA).
Bolshoi - Outra demonstração de que talentos estão sendo descobertos no ensino público vem da escola em regime de convênio com a Seduc, “Instituto Bom Pastor”, onde estuda Bianca Palheta, 15 anos, aluna da 8ª série, selecionada para a Escola de Teatro Bolshoi. Ela participou da audição em Santa Catarina, concorrendo com mais de 400 candidatos do Brasil e do exterior. No teste, apenas nove candidatos foram selecionados. “Desde criança ela tem a linha do balé clássico”, frisou a professora Edith Marques.
O resultado das muitas horas de exercícios se traduz na mudança de endereço que Bianca terá a partir de janeiro de 2012. Ela passará a morar em Joinville (SC),para aprimorar os conhecimentos sobre a dança. Aos 15 anos, a experiência de Bianca Palheta no balé já está sendo dividida com outros jovens que participam do programa Pro Paz, no Campus III da Universidade Federal do Pará (UFPA). Segundo ela, no início os meninos rejeitaram as aulas de balé, mas agora Bianca já percebe uma mudança de comportamento entre eles.

Texto:
Danielly Gomes-Seduc
Vigilância Sanitária
combate o
tabagismo em Belém
 Nesta sexta-feira (02), o Departamento de Vigilância Sanitária de Belém (Devisa) levou às ruas da capital a “Operação Traga Saúde”, fiscalizando o cumprimento das leis municipal e federal contra o tabagismo.
 Bares, lanchonetes, lojas de conveniência e postos de gasolinas foras fiscalizados pelas equipes do Devisa, que é ligado à Secretaria Municipal de Saúde (Sesma). De acordo com Patrícia Pina, diretora do Devisa/Sesma a fiscalização tem como principal objetivo atestar se os comerciantes estão seguindo as recomendações da lei municipal 8713 de 2009 contra o tabagismo em locais públicos.
 “Nossas fiscalizações relacionadas ao tabagismo acontecem semanalmente nos mais diversos pontos de Belém. Sempre orientamos que o dono de cada estabelecimento deva conversar e pedir que os seus clientes não fumem no local. Ele deve ser o primeiro a fiscal, pois se alguém for flagrado fumando em local proibido, será o dono do estabelecimento que será autuado e multado”, afirmou a diretora do Devisa/Sesma.
 No inicio da operação os fiscais do Devisa visitaram bares na Rua Euclides da Cunha no Km 1 da BR-316, para realizar orientações educacionais sobre o tabagismo, mas na entrada da mesma Rua, os profissionais da Vigilância Sanitária observaram que em duas lanchonetes em um posto de gasolina na BR, clientes fumavam dentro dos ambientes fechados e em todos os ambientes não constavam os avisos obrigatórios de proibido fumar.
 Segundo os fiscais do Devisa, nenhum responsável pelo posto de gasolina não encontrado no local naquele momento para prestar esclarecimento. Intimados a comparecer à Vigilância e preencher documentação de autuação e pagar multa, os responsáveis pelas lanchonetes não quiseram conversar com a reportagem.
 Já na Avenida João Paulo Segundo, os fiscais foram ao bar Copa 70, que antes já havia recebido outras duas fiscalizações do Devisa, quando recebeu orientações e sinalizações de proibido fumar. Nesta ultima visita, clientes foram flagrados fumando em local inadequado e parte da sinalização não estava visível. “Sempre fazemos a nossa parte, mas boa parte da população não colabora. Vou falar com nossa equipe de atendimento e cobrar maior colaboração de nossos clientes”, concluiu Marcos Araújo, proprietário do estabelecimento, que foi autuado e pagará multa.

Texto: Fernando Rodrigo Diniz - Ascom Sesma
Fotos: Elivaldo Pamplona
Imetropara apreende
patins e roupas na
operação "Papai Noel"









Fiscais do Instituto de Metrologia do Pará (Imetropara) apreenderam na manhã deste sábado (3) dois lotes de patins sem o selo de segurança do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia), em uma loja de departamentos, em Belém. A ação faz parte da operação "Papai Noel", realizada em um shopping da cidade. As equipes também verificaram, e aprovaram, quatro balanças de três estabelecimentos. Durante a próxima semana serão fiscalizadas as balanças da praça de alimentação.
Os fiscais recolheram, ainda, nove itens de vestuário (sendo seis peças íntimas e três camisolas), que serão enviadas para análise em um laboratório, no Rio de Janeiro. O objetivo é verificar se a composição dessas peças está de acordo com o informado nas etiquetas. A fiscalização verificou se panetones e barras de chocolates estavam com o peso indicado nas embalagens, mas nenhuma irregularidade foi encontrada. Outros dois shoppings e estabelecimentos também serão fiscalizados pela equipe do Imetropara.

Texto:
Adaucto Couto-Imetropará
Concerto reúne grande
público no encerramento
do X Festival de Ópera do TP












A noite deste sábado, 3, foi especial para centenas de paraenses que assistiram ao concerto de encerramento do Festival de Ópera do Theatro da Paz, em Belém. O espetáculo, que aconteceu em um palco montado em frente ao teatro, ao ar livre, foi totalmente gratuito e atraiu centenas de pessoas das mais diversas idades. Famílias inteiras puderam conferir um pouco de tudo que foi apresentado durante a programação do festival deste ano. Grandioso, o concerto de encerramento reuniu mais de 300 profissionais, entre músicos, cantores, bailarinos e técnicos. Muitos deles, inclusive, talentos da terra, que brilharam em diversos momentos do evento.
O concerto foi aberto pela ária “Ó Fortuna”, da cantata cênica “Carmina Burana”, de Carl Orff, com a interpretação do Coral Lírico do Festival de Ópera. Ao todo foram onze árias, quatro delas do compositor italiano Giácomo Puccini. A soprano paraense Patrícia Oliveira cantou uma delas, “Vissi d’art”, da ópera “Tosca”, que esta décima edição abriu o Festival. Outra paraense, Ione Carvalho também empregou seu talento à interpetação em “Quando m’em vo”, da ópera “La Boheme”.
Além de “Carmina Burana” e “Tosca”, o concerto de encerramento reuniu outras peças tradicionais do repertório operístico e que já estiveram presentes em edições anteriores do festival, atraindo um grande público. O tenor Tiago Costa interpretou “Serenata”, da ópera “Pagliacci”, de Ruggero Leoncavallo, que integrou o Festival de Ópera em 2003. A soprano Lyz Nardoto também cantou “Der Holle rache”, de Mozart, obra que esteve presente na edição 2006 do evento.
O espetáculo ao ar livre também levou ao palco o balé Ana Unger, presente na programação deste ano, com o espetáculo “Dança na Ópera”. Para o encantamento da platéia, foram apresentados três balés: “Danza delle Ore”, da ópera “La Gioconda”, de Ponchielli, “Bachanalle”, da ópera “Sansão e Dalila”, de Camille Saint-Saëns, e “Ballo”, da ópera “O Guarani”, de Carlos Gomes. A ária “O Trutina”, também da cantata “Carmina Burana” encerrou o concerto em grande estilo, com duo do tenor Federico Sanguinetti e da soprano Lys Nardoto.
O público acompanhou atentamente cada momento do concerto. Muitos aproveitaram para fazer fotos e filmagens das apresentações. Mas a recordação maior ficará na memória de cada um. A aposentada Maria Eulália Guedes, de 58 anos, disse que jamais tinha assistido um espetáculo de ópera, e gostou bastante do que viu. “É a coisa mais linda que eu já presenciei. Quero vir todos os anos agora. Faz bem para a alma da gente ouvir e ver tanta beleza feita por esses artistas maravilhosos”, declarou, impressionada.
O casal Roberta e Júnior Sodré foram com os dois filhos ao concerto e, assim como a aposentada Maria, a família se encantou com as apresentações. “É muito bonito tudo isso. Vimos as edições anteriores do Festival, mas este ano está ainda melhor. Valeu muito a pena prestigiar os artistas neste espetáculo”, disse Roberta, que levou cadeiras e bancos para a Praça da República e acomodou-se com a família afim de acompanhar cada detalhe do concerto.
O governador do Pará, Simão Jatene também prestigiou o Festival. Junto com a primeira dama, Ana Jatene, aplaudiu entusiasmado cada apresentação. “Isto representa a desmistificação de que o povo não aprecia a música erudita. Precisamos fazer com que a arte chegue à população, incluindo todos os tipos de música, isso é o mais importante”, destacou Jatene, ressaltando a participação de artistas paraenses no Festival para exemplificar que o Estado cultiva muitos talentos para as artes.
“É muito bom saber que muitos dos artistas que vimos nesta apresentação são paraenses. Cantores, músicos, bailarinos, todos eles dão um significado ainda mais especial a este evento, incentivando a todos os que estão assistindo, despertando o interesse de crianças e jovens pela arte em toda a sua extensão”, acrescentou o governador.
Sucesso de público
A 10ª edição do Festival de Ópera do Theatro da Paz foi um grande sucesso de público. Desde o dia 8 de novembro, quando a programação foi aberta com “Tosca”, de Puccini, o TP esteve lotado em todas as apresentações e, além de “Tosca,” abrigou um espetáculo de dança na ópera e a cantata cênica “Carmina Burana”, que de tanto procurada teve uma récita extra colocada à disposição do público. O festival ainda contou com oficinas e recitais, igualmente prestigiados pelo público em geral. “O Festival este ano realmente teve a participação maciça do público paraense. A prova disto é que tivemos em todos os espetáculos realizados no teatro a lotação máxima. Os ingressos se esgotavam em poucos dias. Para Carmina Burana, por exemplo, fomos obrigados a disponibilizar um dia extra de apresentação”, acrescentou o diretor artístico Mauro Wrona.

Texto:
Thiago Melo-Secom
Megaoperação resulta
em prisões e apreensões
de drogas em Mocajuba




O município de Mocajuba, localizado a cerca de 173 quilômetros da capital, no nordeste do Pará, foi palco de uma megaoperação policial de repressão ao tráfico de drogas na madrugada deste sábado, 3. Denominada de "Mocajuba Sem Drogas", a ação policial resultou em três pessoas presas em flagrante por tráfico de entorpecentes e na apreensão de cerca de 70 petecas de pasta de cocaína e uma arma de fogo. No total, quase 40 policiais civis de oito municípios participaram da operação para dar cumprimento a seis mandados de busca e apreensão em imóveis identificados como pontos de tráfico de drogas. As ordens judiciais foram expedidas com base em três meses de investigações presididas pelo delegado Francisco Armando de Sales, titular da Delegacia de Mocajuba.
A operação foi coordenada pela Superintendência Regional do Baixo Tocantins, sob comando do delegado Délcio Santos. Os presos são o casal Anderson da Silva Gomes, 23 anos, e Gisele Queiroz Meireles, 36, e outra mulher de nome Fátima Rocha. Na casa de Anderson e Gisele foram apreendidos um revólver calibre 38 com cinco projéteis, R$ 300 em dinheiro e 53 petecas de pasta de cocaína. Ainda durante abordagem ao imóvel, um motor de rabeta, dois televisores, dois aparelhos de DVD, um aparelho de som e uma moto Honda Bros, de placa JUF 6117 foram encontrados. Já na casa de Fátima, os policiais apreenderam uma muca de maconha no formato prensado com cerca de 100 gramas; R$ 387 em dinheiro; 16 petecas de cocaína e uma moto, além de produtos eletrônicos.
Todos os objetos e os presos foram levados para a unidade policial local. Do total de policiais civis envolvidos na operação, havia cinco delegados, 24 investigadores e cinco escrivães das Delegacias de Abaetetuba, Barcarena, Vila dos Cabanos, Moju, Baião, Igarapé-Miri, Cametá e Limoeiro do Ajuru. De acordo com o delegado Délcio, além da equipe da Delegacia de Mocajuba, as investigações contaram com apoio da Secretaria Municipal de Cidadania e Segurança da Prefeitura.

Texto:
Walrimar Santos-Polícia Civil
Comissão de Gestão
Fazendária se
reúne em Belém
Entre os dias  6 e 9 de dezembro Belém vai sediar a  14ª reunião da Comissão de Gestão Fazendária (Cogef), que reúne técnicos das secretarias estaduais de Fazenda responsáveis pelo gerenciamento dos programas de modernização da gestão fiscal. É a Cogef que coordena os aspectos técnicos dos programas de modernização das gestões fiscais dos estados e do Distrito Federal. A Secretaria de Fazenda do Pará (Sefa) é a anfitriã do encontro, que será no Hotel Sagres e onde serão apresentados resultados de projetos destinados a melhorar o desempenho da fiscalização e da arrecadação dos estados brasileiros.
Nos dois primeiros dias ahverá cursos de atualização dos técnicos e a partir do dia 8 começa a reunião propriamente dita. Nela, estarão presentes representantes de instituições federais como o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Escola de Administração Fazendária (ESAF) e Ministério da Fazenda, além do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Os projetos estaduais de modernização da administração tributária tem o financiamento de linha de crédito do BID e do BNDES, por isso a participação dessas entidades no debate.
Aberta as inscrições para
o Carnaval de Belém 2012
 Agremiações carnavalescas de Belém e seus distritos, além dos candidatos ao Concurso de Emblemáticos do Carnaval 2012, poderão fazer suas inscrições no certame a partir desta segunda-feira (05), na sede da Fundação Cultural do Município de Belém (Fumbel). As inscrições ocorrerão até 14 de dezembro.
 Após várias reuniões com representantes das agremiações carnavalescas que participaram do Carnaval de Belém deste ano para conversar sobre diretrizes, regulamentos e fazer uma avaliação do evento, a Fumbel lança nesta segunda, o edital dos concursos do Carnaval 2012.
 Escolas de samba, blocos carnavalescos, e os candidatos aos títulos de “Rei Momo do Carnaval de Belém”, “Musa do Carnaval de Belém”; “Rainha das Rainhas de Bateria das Agremiações Carnavalescas de Belém” e “Rainha Gay do Carnaval de Belém” terão dez dias para se inscrever e apresentar os documentos obrigatórios no ato da inscrição.
 Para as agremiações, além do preenchimento da “Ficha de Inscrição”, elas deverão apresentar suas Atas de Fundação; o Estatuto Social; a Ata de aprovação do Estatuto; a Ata de Eleição da atual diretoria da agremiação; Cartão válido do CNPJ; Cédula de Identidade e CPF do representante legal da agremiação; letra do samba em via impressa e em arquivo magnético (CD); autorização firmada pelo (s) compositor (es) do samba autorizando a veiculação do Samba pela agremiação; histórico da agremiação em via impressa e em arquivo magnético (CD); sinopse do enredo, quando couber, em via impressa e em arquivo magnético (CD); dados bancários da conta-corrente da agremiação e fotografia 3X4 dos representantes das agremiações.
 Para o Concurso de Personalidades Emblemáticas do Carnaval 2012, os candidatos deverão preencher a “Ficha de Inscrição” disponibilizada pela Fumbel, apresentando, obrigatoriamente, no ato da inscrição, cópias da Carteira de identidade; do CPF; comprovante de residência e o número de PIS/PASEP.

Texto: Vanda Duarte – Ascom Fumbel
Agentes de Controle de
Endemias recebem
certificados pela Sesma
Cerca de 250 Agentes de Controle de Endemias recebem, na manhã desta segunda-feira (05), certificados de conclusão do curso de combate à endemias realizado pela Secretaria Municipal de Saúde - Sesma. Eles se juntam com outros 400 agentes, totalizando mais de 600 homens e mulheres que atuam nas ruas de Belém combatendo a dengue e outras endemias.
Estes agentes foram aprovados em um processo seletivo realizado pela secretaria no início do ano. O curso que durou duas semanas contando com treinamento prático e teórico, aconteceu em outubro passado.
Na teoria, abordaram temas como controle do vetor e educação em saúde. Em seguida, foram a campo realizar treinamento orientado por instrutores do Departamento de Vigilância em Saúde (Devs) da Sesma. No evento acontece a entrega simbólica de 5 kits contendo materiais de trabalho para os agentes. Todos já receberam e estão e já estão em campo trabalhando.
Prosseguem buscas por
bando de assaltantes
no sudeste do Pará
Armas, munição, colete à prova de balas, máscara balaclava, roupas camufladas, ferramentas e explosivos foram apreendidos em uma caminhonete usada pela quadrilha que assaltou um banco em Jacundá, na última sexta-feira. Neste domingo, 4, uma equipe de policiais civis coordenada pelo delegado Alberto Henrique Teixeira de Barros, superintendente regional do sudeste do Pará, divulgou que as buscas prosseguem pela quadrilha na região. Os artefatos recolhidos foram utilizados pelo bando no crime. Após o roubo, os criminosos entraram em uma estrada vicinal conhecida como “Pitinga”, que dá acesso a várias cidades do Pará e do Maranhão. Na fuga, o bando foi perseguido por policiais civis e militares da região. Os criminosos foram cercados na cidade de Abel Figueiredo durante a noite de sexta-feira, quando houve intensa troca de tiros. Um dos bandidos foi atingido.
Na tentativa de fuga, os assaltantes fizeram reféns para dificultar a ação policial. A quadrilha usou um veículo Toyota Hilux,que foi abandonado pelo grupo e encontrado avariado após ter sido atingido por tiros. Já a pé, os bandidos embrenharam-se pela pastagem e chegaram até à sede de uma fazenda. De lá, eles roubaram outro veículo do tipo Gol, que também foi abandonado em uma propriedade rural já no Estado do Maranhão.
Os policiais conseguiram apreender um fuzil modelo AR–15 municiado, uma espingarda calibre 12, vasta quantidade de munição, material explosivo, brocas e furadeira de grande porte. "Tudo seria utilizado para arrombamento do cofre da agência bancária", apurou o delegado. Também foram apreendidos capuzes, coletes e luvas. Segundo Alberto Teixeira, os equipamentos apreendidos já foram utilizados em outros crimes. Com a apreensão do material, a quadrilha perde parte de seu potencial ofensivo. Para o delegado, os bandidos não contavam com a ação policial tão rápida e somente conseguiram escapar do cerco por causa dos reféns, já que os policiais primaram pela vida das pessoas. As investigações apontam que os criminosos estão refugiados na mata. "Temos uma grande equipe policial empenhada em prendê-los", asseverou Alberto Teixeira.

Texto:
Walrimar Santos-Polícia Civil

Postar um comentário

REVISTAS MEDIUNIDADE

JESUS: "Choro por todos os que conhecem o Evangelho, mas não o praticam...”

Ofuscado pela grandeza do momento, começou a chorar. Viu, porém, que Jesus chorava também... E, Eurípedes, falou – Senhor, por que ch...