Total de visualizações de página

sexta-feira, janeiro 13, 2012

Artistas prestigiam aniversário do programa Conexão Cultura

                O estúdio Edgar Proença ficou pequeno para receber todos os convidados que prestigiaram o primeiro ano do programa Conexão Cultura ao Vivo, comemorado nesta sexta-feira, 13, que contou com a participação dos músicos e cantores Dona Onete, Aila, Felipe Cordeiro, Pio Lobato, Vovô, Felix Robatto, Adriano Souza, Diego Pires, Marhco Monteiro, Edilson Moreno e ainda do secretário de Comunicação do Estado, Ney Messias Jr., um dos ex-apresentadores do programa quando ainda se chamava Cultura In Concert.
O titular da Secom deu uma boa notícias para os músicos locais. Ele anunciou a vinda a Belém do músico Charles Gavin, integrante do grupo Titãs, que vai gravar cinco programas para o Canal Brasil fazendo um mapeamento da cena musical paraense.
Ney Messias anunciou ainda, que está produzindo junto com o músico Felipe Cordeiro e Beto Fares, um programa que será veiculado pela TV, Rádio e Portal Cultura, onde os artistas poderão fazer experimentações sonoras. Um dos que já foram gravados reúne Edilson Moreno, o DJ Pro-Efex e a orquestra de Percussão da Fundação Carlos Gomes. Para o secretário, o Conexão Cultura ao Vivo tem que funcionar como um laboratório para que os artistas possam fazer experiências sonoras que depois sejam acrescidas às suas carreiras. “Isso (o programa) não pode parar nunca”, decretou.
Bety Dopazo saudou a presença do público, que teve que se reversar para caber no estúdio, e dos artistas “crias do programa”. Marhco Monteiro relembrou sua participação no programa, que já teve várias denominações, quando era veiculado somente pela Rádio Cultura. “Eu lembro que vim fazer a divulgação do meu CD solo”, contou. Pelo telefone, o cantor Nilson Chaves relembrou que foi o primeiro artista a se apresentar no programa, em janeiro de 2003, quando ainda se chamava Cultura In Concert.
A cantora Lia Shopia lembrou que foi por meio do programa que passou a ser conhecida pelo público paraense. “A Cultura faz parte da minha história. Foi aqui que eu lancei os meus CDs”, disse, acrescentado que está trabalhando na pré-produção do seu quarto CD e que está relançando a coletânea de brega 'Amor Amor'. Aíla, que está finalizando seu primeiro CD intitulado 'Trelêlê', previsto para ser lançado em fevereiro, fez um dueto com Dona Onete na música 'proposta indecente', que faz parte desse trabalho. Dona Onete botou todo mundo pra dançar com a hit 'Jamburana', que cantou na noite de quinta-feira junto com Fafá de Belém, na programação de aniversário da capital paraense.

Texto:
Ronaldo Quadros-Funtelpa
Postar um comentário

REVISTAS MEDIUNIDADE

JESUS: "Choro por todos os que conhecem o Evangelho, mas não o praticam...”

Ofuscado pela grandeza do momento, começou a chorar. Viu, porém, que Jesus chorava também... E, Eurípedes, falou – Senhor, por que ch...