Total de visualizações de página

segunda-feira, dezembro 12, 2011

Mosqueiro comemora 143ª edição do Círio de Nossa Senhora do Ó






Muita fé e devoção tomaram conta das ruas da Ilha de Mosqueiro na manhã deste domingo, 11, na 143ª edição do Círio de Nossa Senhora do Ó. Cerca de 20 mil fiéis acompanharam a procissão, que teve início às 8h, após a missa celebrada na Capela Sagrado Coração de Jesus, no Chapéu Virado, pelo arcebispo de Belém, Dom Alberto Taveira.
Percorridos cerca de 17 km até a Paróquia de Nossa Senhora do Ó, na Praça Matriz, a imagem peregrina da santa padroeira dos mosqueirenses recebeu várias homenagens de moradores e comércios locais. Entre os nativos da ilha, também estavam presentes várias pessoas de outros municípios, como dona Aldair Lisboa, natural de Viseu e atualmente moradora de Ananindeua.
Em frente ao Hospital Municipal de Mosqueiro, com a queima de fogos em homenagem à Santa, dona Aldair,de 92 anos,aproveitou para agradecer e pedir por sua saúde. “Todos os anos eu venho prestigiar o círio de Mosqueiro, mesmo com minha idade avançada, enquanto eu estiver viva eu venho louvar e agradecer à Nossa Senhora do Ó”, afirma.
Para o genro de dona Aldair, José Nivaldo Silva, nascido na bucólica, o círio é uma tradição. “Sempre vivemos em mosqueiro, sou nascido e criado aqui, por isso em qualquer ocasião especial estamos aqui, porém o círio é mais que especial, pois é um momento de agradecer a mãe de todos nós mosqueirenses” ressalta seu Nivaldo, que também faz uma observação: “Infelizmente acredito que o Plebiscito 2011 impediu muitos visitantes de comparecerem a nossa festa religiosa, este ano temos um número de fiéis menor em comparação aos outros anos”. 
A observação foi comprovada pela coordenadora geral do Círio de Nossa Senhora do Ó, Rai César. “Já estimávamos que o público esse ano seria menor, já que coincidiu com o Plebiscito, mas isso não nos desanimou, pelo contrário, preparamos uma grande festa para os fiéis” explanou Rai.
Neste ano a festa teve novidades, uma delas foi a volta da Barraca da Santa para Praça Matriz.Depois de 12 anos dentro do salão paroquial a solicitação da população foi atendida. De acordo com Rai, esse já era um pedido antigo do povo de Mosqueiro. “No salão paroquial a tradicional Barraca da Santa ficava muito escondida, o que acabava não atraindo muitos visitantes” diz.
 Neste ano a Barraca ficará na Vila e irá receber diversas atrações culturais, entre elas bandas gospel e popular, com a participação de artistas da terra e a atração nacional Cosme, cantor gospel do Rio de Janeiro.
Outra novidade será o I Festival de Prêmios da Paróquia, que irá sortear de um Carro 0km, uma Moto 0km e vários eletrodomésticos. A programação na Barraca da Santa iniciou ontem, 10, e ficará até o próximo domingo, 18, com a realização do sorteio. 
Para o agente Distrital Ivan Santos, este ano a festa foi bastante organizada.Ele ressaltou a colaboração e o apoio de todas as secretarias da Prefeitura de Belém, que trabalharam em conjunto para ajudar na realização da festa, considerada linda e tranquila pelo agente distrital. “Sempre procuramos trabalhar em conjunto com a Paróquia e ajudar de todas as maneiras possíveis para que a festa seja um sucesso”,declarou.
Homens da Guarda Municipal de Belém e da Companhia de Transporte de Belém (CTBel), acompanharam todo o trajeto da santa peregrina, e orientaram os motoristas, garantindo a segurança e tranquilidade dos devotos.

Texto: Izabelle Araújo
Fotos: Elivaldo Pamplona
Postar um comentário

REVISTAS MEDIUNIDADE

JESUS: "Choro por todos os que conhecem o Evangelho, mas não o praticam...”

Ofuscado pela grandeza do momento, começou a chorar. Viu, porém, que Jesus chorava também... E, Eurípedes, falou – Senhor, por que ch...