Total de visualizações de página

terça-feira, novembro 29, 2011

@ REPÓRTER JURUNENSE: Acompanhe as notícias de hoje

Torneio de FUTSAL das
torcidas organizadas das
escolas estaduais do Pará
A União dos estudantes Paraenses promoverá no próximo domingo dia 04, um grande torneio de Futsal masculino e feminino beneficente, que terá inicio às 08 horas da manhã. O objetivo e arrecadar brinquedos e alimentos não perecíveis para distribuição em comunidades carentes.   O torneio de Futsal tem como regra o mata-mata aquele que elimina o time que perder. A organização do evento prevê a participação em torno de 200 atletas das escolas estaduais promovendo a união e a paz, além de incentivar os alunos a praticarem atividades esportivas. O torneio acontecerá no ginásio da NEL – Núcleo de Esporte e Lazer da SEDUC. Localizado na Trav. Don Romualdo de Seixas, entre Diogo Móia e Oliveira Belo. O custo do ingresso será a doação de um brinquedo ou 1 kg de alimento não perecível.
Escolas envolvidas:
Escola Estadual Visconde de Souza Franco
IEEP -    Instituto ensino do estado do Pará
Escola Estadual Magalhães Barata
Escola Estadual Deodoro de Mendonça
Escola Estadual Vilhena Alves
Escola Estadual Paulinho de Brito
Escola Estadual Don Pedro II
Escola Estadual Augusto Montenegro
Escola Estadual Augusto Meira
Escola Estadual Waldemar Henrique
Escola Estadual Mario Barbosa
Escola Estadual Maria Luiza
Escola Estadual Augusto Olímpio
Quantos Jovens estão Envolvidos no evento:
154 atletas Masculinos
40 atletas Femininos 
Premiação
Troféu / Medalhas
 Finalidade do Evento:
União dos Jovens, diminuindo a violência entre os estudantes
Proporcionando atividades físicas e sociais com a doação de brinquedos e alimentos
Valor da Entrada:
1 Brinquedo ou 1 kg de alimento não perecível
Entidades que serão beneficiadas com os alimentos e os brinquedos:
Boa esperança – Terra Firme
Maria Gorete – Cremação
Centro Comunitário do Paracurí – Icoaraci
Centro Comunitário da Caraparú – Guamá
Entre outras...
XXXXX
Nota de Esclarecimento
Esgoto de Mosqueiro
O Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Belém (Saaeb) informa que o sistema de esgoto de Mosqueiro está com suas caixas limpas e drenadas, funcionando normalmente e sem jogar resíduo nas praias. A drenagem das águas da chuva é que está caindo na Praia do Farol, o que é normal.
PMB entrega Ginásio
“Mestre 70” reformado e
ampliado no Guamá
Belém ganha um novo espaço poliesportivo e de lazer, na tarde desta quinta-feira (1º), totalmente reformado e ampliado. O Ginásio “Mestre 70” destinado a prática de atividades desportivas e de lazer da cidade passou por obras de reforma e ampliação.
Segundo o secretário municipal de Esporte (Sejel), João Amaral, as novas instalações do ginásio atenderão melhor a comunidade local oferecendo qualidade de vida e reduzindo a exclusão e o risco social dos moradores do Guamá, Terra Firme, Jurunas, Condor, São Brás, através de atividades esportivas como futsal, vôlei, ginástica, aeróbica, dança, balé clássico, brinquedoteca e livroteca.
O Ginásio “Mestre 70” foi inaugurado em 1999 e nesta primeira reforma que custou mais de R$ 433 mil reais o espaço público recebeu revisão hidráulica e elétrica, troca de piso, nova cobertura e luminária. O local ganhou salas de exames médicos - sob coordenação da Secretaria Municipal de Saúde (Sesma); almoxarifado, administração, Telecentro – serviço gratuito de internet, salas multiuso e dos professores; sala de dança, brinquedoteca e recepção.  As obras de ampliação se deram com a construção de arquibancadas com capacidade para 150 pessoas; vestuário masculino e feminino e palco para apresentações culturais, com sala de camarins e lanchonete.
Durante a inauguração, idosos do Projeto Despertar na Terceira idade farão apresentações de danças folclóricas e alunos do Pelc/Pronasci (programas nacionais de esporte e lazer e de segurança pública) coordenados no município pela SEJEL estarão jogando futsal. Além disso, grafiteiros do Curso de Arte em Grafite estarão pintando o muro do Ginásio.
 “ASSOCIAÇÃO
CARNAVALESCA A
GRANDE FAMILIA”
Presidente: Theo Pérola Negra
Endereço: Rua Curuça, 746 CEP: 66.113-250, Telegrafo Belém-Pa.
“GRANDE ENCONTRO DOS BAMBAS DO SAMBA 60 E 80 NA GRANDE FAMÍLIA”
Dia 04/12/11 ínicio às 16hs
Participação Especial: (Creusa Gomes, Fernando Gogo de Ouro, Ademar Carneiro, Silvinho da Beija Flôr, Theo Pérola Negra, Gonzaguinha do Samba, Betão, Paulo Batucada, Flávio Roberto, Carlinho Dornelle, Antônio Carlos Xaxa, Carlinho Sábia).
Ingressos Individuais: R$2,00
ENSAIO PARA O CARNAVAL 2012: O Maestro de Percussão Pedro Paulo Jr, convoca todos os Ritimistas, de Belém para os ensaios na sede da Grande Família interessados em participar desta grande Família compareçam aos ensaios Terças Quartas e Quintas às 19:30
RODA DE SAMBA: 
Todos os Domingos na Grande Família ínicio às 19hs com o Grupo da Casa e o Cantor Théo Pérola Negra, ingressos há R$2,00.

Cinthia Campos
Assessora de Imprensa da Grande Família
8887.5668
Prefeitura promove Mostra
de Dança da 3ª Idade
Pelo quarto ano consecutivo, a Prefeitura Municipal de Belém, por meio da Fundação Papa João XXIII (Funpapa), promove a Mostra de Dança da 3ª Idade a fim de estabelecer uma melhor qualidade de vida aos idosos através da dança, incentivando-os ao autoconhecimento,além de manter sua vida social ativa.
 A abertura será no Centro de Integração Produtiva (CIP) e terá exposição de experiências e seminário sobre “Atividade Física e seus fundamentos na Expressão da Dança”.
 A programação da Mostra de Dança, que encerra no sábado (3), acontece no Centro de Referência da Assistência Social (Cras) da Cremação e conta com atividades de prática coletiva, Marujada, brinquedos cantados e apresentação de grupos.
 A atividade física da dança é a considerada mais completa, por dar manutenção da força muscular, sustentação, equilíbrio, potência aeróbica, movimentos corporais de total amplitude e mudança de estilo de vida. Acreditando nos bons resultados que são apresentados, a PMB mantém esta atividade com 35 idosos no Grupo de Expressão Corporal.
 O processo terapêutico da dança ainda envolve outros objetivos específicos como: eliminação de preconceito; vivência do envelhecimento de forma consciente; fazer com que o idoso viva de forma mais intensa possível, dentro de suas possibilidades e limitações físicas; e obtenção de saúde e prazer por meio de atividade física.
Data: 30.11.2011
Hora: 9h
Local: Centro Integrado de Produção (CIP)- Av.José Bonifácio, 578, entre Gentil Bittencourt e Magalhães Barata,em São Brás.
Contato: Luana Santos/Ascom Funpapa (8733 2664).
Belém se mobiliza para
o Dia Mundial de
Combate à Aids
Belém já está pronta para mais uma ação de combate à Aids nesta quinta-feira, 1º. Uma programação foi montada para relembrar a data mundial de combate a esta doença que mata cerca de 3 milhões de pessoas por ano, segundo a Organização Mundial da Saúde. Em Belém, cerca de 400 pessoas são soropositivas.
 Um culto ecumênico acontece a partir das 8h na Praça Batista Campos, de onde sai uma caminhada para a Praça da Bandeira. Lá, 10 estandes foram montados para atender a população com orientações sobre a doença e exames rápidos. 
 Shows musicais iniciam às 9h30 e às 11h tem a participação do cantor Eloy Iglesias. Grupos de stret dance e regionais continuam apresentações durante a tarde, entre 13h e 17h.
 No mesmo dia acontece o Cine Positivo, no cinema Olimpia, de 9h até 12h, com exibição de filmes com a temática “AIDS”. No Conjunto Marex, será realizado um passeio ciclístico com distribuição de folderes e preservativos, mostrando a importância de se prevenir e fazer o teste de HIV/Aids. No Shopping Boulevard acontece um desfile de moda com roupas confeccionadas com preservativos, a partir das 10h.
 Onze unidades municipais de saúde vão fazer teste rápido para detectar o vírus da Aids. São elas: Guamá, Marambaia, Paraíso dos Pássaros, Jurunas, Telégrafo, Tapanã, Pratinha, Casa da Mulher e Hospital de Mosqueiro.

Liandro Brito
Jornalista
DRT-PA 1863
Nota Sesma - Ministério
da Saúde cancela
vacinação anti-rábica
A Secretaria Municipal de Saúde (Sesma) informa que no final da tarde de ontem (28), o Ministério da Saúde comunicou ao Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) que foram detectados problemas na vacina destinada a cães e gatos.
Por esse motivo a Sesma suspendeu a campanha de vacinação anti-rábica, que seria realizada no próximo sábado, dia 03 de dezembro. O Ministério da Saúde alegou que os problemas detectados na vacina poderiam ocasionar reações nos animais.
Freqüentadores da
Praça Brasil são alvos
de ação de saúde
Uma ação de saúde promete movimentar, nesta terça-feira (29), a Praça Brasil, bairro do Umarizal, em Belém. Como no final da tarde, o espaço público recebe um grande número de pessoas que praticam exercícios, entre eles a caminhada, ou utilizam os equipamentos da Academia ao Ar Livre, a Coordenação de Saúde e Lazer da Secretaria Municipal de Esporte, Juventude e Lazer (Sejel) promove uma série de serviços, gratuitos, em prol da qualidade de vida dos moradores do bairro e entorno.
Entre os serviços estão: pesagem; verificação da Pressão Arterial (PA); exame de glicose; identificação do Índice de Massa Corpórea (IMC); Orientação Nutricional; além de uma programação cultural com apresentação de Dança do Ventre por bailarinos do Stúdio Expressão e Clube Monte Líbano. Durante a programação de saúde haverá a coleta de um quilo de alimento não perecível que será doado a Campanha de Natal da Igreja São Raimundo Nonato.
A programação de saúde tem o apoio do Laboratório da Beneficente Portuguesa, Casa do Diabético e Secretaria Municipal de Sáude (Sesma).
Governador fala à imprensa
sobre o projeto de
taxação de minérios
O governador Simão Jatene concedeu, na manhã desta segunda-feira, 28, uma série de entrevistas aos telejornais locais para falar sobre o projeto de lei que prevê a criação da Taxa de Controle, Acompanhamento e Fiscalização das Atividades de Pesquisa, Lavra, Exploração e Aproveitamento de Recursos Minerários (TFRM) e o Cadastro Estadual de Controle, Acompanhamento e Fiscalização das Atividades de Pesquisa, Lavra, Exploração e Aproveitamento de Recursos Minerários (CFRM). Durante os programas, o governador respondeu dúvidas de telespectadores e falou sobre outros temas como saúde, educação e segurança.
Sobre o projeto de lei, o governador ressaltou a importância de que todos os paraenses entendam qual o real sentido da taxação. “O estado tem o dever de fiscalizar e acompanhar a exploração de seus recursos e, obviamente, e os minérios fazem parte disso. A taxação tem o objetivo de permitir ao estado a acompanhar o que se extrai, aonde se extrai e para onde vai. É esse o sentido dela, é uma taxa de fiscalização”.
Questionado sobre a inconstitucionalidade da lei, o governador foi enfático. “Está presente no Art.23, inciso 11 da Constituição, que é competência comum - ou seja, competência da União, Estado e município - registrar, acompanhar, fiscalizar as concessões de pesquisa e exploração de recursos minerais e recursos hídricos. É isso que o estado está fazendo, por isso não existe inconstitucionalidade nem ilegalidade. O Estado está definindo mecanismos de administração sobre recursos minerais no estado e isso é importante tanto para o governo quanto para a sociedade”, disse.
Ainda de acordo com o chefe do Executivo Estadual, essa discussão ocorre neste momento por várias razões. “Quando assumimos, na gestão passada, o debate fundamental estava em torno da reforma tributária, então o foco da nossa discussão foi a Lei Kandir. Esse projeto não tem nada  a ver com isso e, é bom que fique claro, não substitui a Lei Kandir. Não queremos criar esta lei para penalizar ninguém. O estado simplesmente irá exercer o poder de polícia, que ele tem e que deve exercer".
A expectativa do governo é que a lei seja aprovada ainda em 2011 e entre em vigor a partir do próximo ano. O projeto já está tramitando na Assembleia Legislativa. A instituição da taxa de controle representará um aumento de 120% na arrecadação da Fazenda Estadual. "Serão R$ 800 milhões a mais para o desenvolvimento paraense. Aposto todas as fichas que o projeto será votado ainda este ano. Primeiro. porque isso é um desejo antigo da sociedade paraense e, segundo, estou certo de que todos os deputados, independente de partido, têm compromisso com essa questão”, afirmou o governador.
Jatene também explicou como funcionará a questão do cadastro mineral que, se aprovado, será obrigatório para pessoas físicas ou jurídicas que sejam autorizadas à pesquisa, lavra, exploração ou aproveitamento dos recursos. “O cadastro dará consistência para a taxação. Por exemplo, as microempresas estão isentas do pagamento da taxa, mas não estão liberadas de se cadastrar porque é importante que o estado compreenda todo o setor: micro, pequena, média e grande empresa. Isso não é dirigido para essa ou aquela empresa, pra esse ou aquele minério. Isso é para a atividade mineral do estado, para que todas as empresas, todos os envolvidos com a atividade mineral possam se cadastrar”, concluiu.
Saúde, educação e segurança – Outros temas recorrentes também foram comentados pelo governador, como a greve dos professores do Estado. Simão Jatene deixou claro que o governo sinalizou que iria pagar aos professores 30% do piso mesmo antes de qualquer ameaça de greve. “Em se tratando da iniciativa privada, na relação capital-trabalho normalmente o trabalhador briga por um melhor salário e isso cria um impacto no lucro do empresário. No caso do governo, não; na hora em que você aumenta o salário está desviando recurso de outras áreas, como a construção de escolas, a manutenção de hospitais, etc. O governador não é dono do dinheiro, ele é um gerente do dinheiro público. O que estamos fazendo agora? Continuamos brigando para melhorar a arrecadação e estamos discutindo isso com o Ministério da Educação, que se dispôs a apoiar os estados que tivessem dificuldade de pagar o piso. E vamos fazer isso durante o ano de 2012”.
Sobre as mortes no campo e a chacina que aconteceu na última semana, o governador afirmou que a orientação dada para a polícia é que se não der para evitar esses fatos, que se puna exemplarmente os culpados.  Segundo ele, os crimes mais violentos estão sendo apurados com rigor e grande parte dos autores ou mandantes tem sido presos. “As estatísticas mostram que os homicídios na Região Metropolitana de Belém caíram 30% nos últimos 10 meses. Quem diz isso não é o governo e sim o Dieese, que é um órgão neutro”.
Saúde – Sobre a questão do impasse entre as secretarias municipal e estadual de Saúde, com relação ao repasse de verbas, o governador afirmou que a quando se fala em saúde não se deve discutir de quem é responsabilidade. “Não se deve discutir se a responsabilidade é do governo, da União, ou do município. O problema tem que ser resolvido. O que não pode é a população ficar prejudicada com isso”, disse. Simão Jatene falou, ainda, sobre a fila de espera de hemodiálise que foi zerada no Pará, sobre o novo Hospital Jean Bittar, que desafogou os atendimentos em pediatria, e os avanços nas obras do Hospital Ophir Loyola. O governador também ressaltou a importância da requalificação dos hospitais municipais.

Texto:
Bruna Campos-Secom
Fone: (91) 3202-0912 / (91) 9191-9426
Abertura oficial marca o
terceiro dia da Feira
Internacional de Futebol
Na manhã desta segunda-feira, 28, houve a solenidade de abertura oficial da Feira Internacional do Futebol (Soccerex), que acontece no Rio de Janeiro e prossegue até a próxima quarta-feira, 30. Durante a cerimônia estiveram presentes autoridades nacionais, como o Ministro dos Esportes, Aldo Rebelo; o governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral e o Secretário de Esporte e Lazer do Pará, Marcos Eiró.
O evento na capital carioca foi marcado por homenagens a personalidades do futebol brasileiro, como o ex-técnico e jogador Zagalo, Zico e Carlos Alberto Torres. “É um momento muito importante para o esporte no Brasil, pois o país irá receber grandes eventos até 2016 e o Pará se faz presente nessa feira internacional, a fim de divulgar não só pelo Brasil, mas ao mundo inteiro, a potencialidade que nosso Estado tem como o esporte, seja no futebol ou até o atletismo”, ressaltou o titular da Seel, Marcos Eiró.
Um dos principais objetivos do governo do Pará, através da Secretaria de Esporte e Lazer, é assegurar Belém como sede do Centro de Treinamento de Seleções (CTS), na Copa do Mundo de 2014, que irá ocorrer no Brasil. No espaço reservado ao órgão na Soccorex é possível conhecer os eventos esportivos realizados no Pará, além de histórias e da paixão da população paraense pelo esporte.
“O Brasil inteiro viu no jogo entre a seleção brasileira e Argentina, no Mangueirão, que nosso povo é apaixonado pelo futebol. Em apenas 10 meses de governo, conseguimos levar de volta ao Pará grandes eventos. E já estão programadas para 2012 outras importantes competições. O Campeonato Sul-Americano de Desportos Aquáticos, o Grand Prix de Atletismo, a fase estadual dos Jogos abertos, os Jogos Indígenas, o vôlei de praia entre outros”, salientou Marcos Eiró.
Também marcaram presença nesta segunda-feira, na Soccerex, pelo Estado do Pará, o presidente e vice-presidente da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos, Coaracy Nunes e Luiz Soares, respectivamente, e o diretor do núcleo jurídico da Seel, José Roberto Charone. Em cinco dias de programações entre conferências que discutem assuntos relacionados ao futebol e o festival do futebol, mais de 20 países do mundo inteiro estão reunidos no evento, com os maiores expositores nacionais e do exterior do ramo esportivo. O público pode conhecer um pouco da história, do amor e dos eventos esportivos no Pará, através do site www.seel.pa.gov.br. Na página institucional da secretaria, é possível assistir a um vídeo que explora a beleza, cultura e a paixão do povo paraense pelo esporte.

Texto:
Bruna Carvalho-Seel
Fone: (91) 3201 2322 / (91) 8011-0555
Licenciamento de carros com
placas entre 70 e 90
acaba nesta sexta, 2
Os veículos com placas de finais entre 70 e 90, os últimos a serem licenciados este ano, de acordo com o calendário anual do Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran/PA), devem ter as taxas pagas até esta sexta-feira, 2 de dezembro. Os proprietários de mais de 11 mil veículos com finais de placa entre 70 e 90 estão obrigados a concluir o pagamento do licenciamento nesta data sem multa.
Os municípios do Estado que têm as maiores frotas com final de placa entre 70 e 90 são Belém, com 3.746 veículos; Ananindeua (990), Santarém (769), Marabá (565), Castanhal (488), Parauapebas (289), Altamira (285), Redenção (258), Capanema (210) e Paragominas (202). No restante dos municípios estão outros 3.806 veículos que deverão ser licenciados até 2 de dezembro.
O licenciamento anual custa 60 UFP (Unidade Fiscal Padrão) ou R$ 129,52.O pagamento feito com 30 dias de atraso implica em multa de R$ 6,48. O atraso de até 60 dias resulta em multa de R$ 12,95. O atraso até 90 dias terá multa de R$ 19,43. Para o pagamento feito com mais de 90 dias de atraso a multa é integral, no valor de R$ 25,90. O pagamento pode ser feito em qualquer agência bancária e os proprietários de veículos que ainda não receberam o boleto podem emiti-lo através do site www.detran.pa.gov.br.

Texto:
Orlando Cardoso-Detran
Fone: (91) 3214-6262 / (91) 8711-9472
Capacitação orienta
atendimentos a crianças
e adolescentes vítimas
de violência
Com o objetivo de treinar um grupo de facilitadores para o atendimento a crianças e adolescentes em situação de violência, a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), por meio da Coordenação Estadual de Saúde da Criança, realizou nesta segunda-feira, 28, em Belém, a capacitação "Linha de Cuidado para a Atenção Integral à Saúde de Crianças, Adolescentes e suas Famílias em Situação de Violência - Orientação para Gestores e Profissionais de Saúde". Ao todo, 40 profissionais da áreae também da assistência social estiveram envolvidos no curso.
A atividade foi conduzida pela coordenadora estadual da Saúde da Criança, médica Ana Cristina Guzzo; pela coordenadora do Centro Integrado de Atenção a Vítimas de Violência Sexual (Pro Paz), assistente social Eugênia Fonseca, e pela facilitadora destacada pelo Ministério da Saúde, Lourdes Magalhães. "A capacitação demanda uma aproximação das diversas instituições que compõem a rede de atenção à criança e ao adolescente para o que o Estado possa, efetivamente, defender os direitos desse público ainda tão vulnerável, mediante a construção de protocolos de atenção às pessoas em situação de violência", explica Ana Guzzo.
A assessora técnica do MS, Lourdes Magalhães, esclarece que a capacitação tem como ponto de partida a utilização da cartilha “Linha de Cuidado para a Atenção Integral à Saúde de Crianças, Adolescentes e suas Famílias em Situação de Violências – Orientação para Gestores e Profissionais de Saúde”. Lançada em janeiro deste ano pelo Ministério da Saúde, a publicação contém um modelo de cuidado e atenção a todos os tipos de violência contra crianças, adolescentes e suas famílias - incluindo o chamado bullyng - , que deve ser seguido por todos os profissionais de saúde do país.
Segundo Lourdes, o documento orienta também os profissionais a detectar sintomas de violência e a traçar um panorama da situação da comunidade onde estão inseridos. A título de recurso pedagógico, o material contem quatro etapas de abordagem: a primeira trata do acolhimento, no sentido de orientar sobre como receber as vítimas; a segunda consiste no diagnóstico, em como fazer o exame físico, a avaliação psicológica e o encaminhamento da vítima para o tratamento adequado; a terceira etapa é a notificação, em que o profissional notifica a ocorrência e a encaminha ao Sistema de Vigilância de Violência e Acidentes, ao Conselho Tutelar e, se for necessário, ao Ministério Público. Já a última etapa é o acompanhamento, que recomenda o planejamento individualizado e o monitoramento dos sintomas até a alta da vítima.
A cartilha trabalhada na capacitação traz, inclusive, uma lista com a descrição de conceitos de violência e das alterações comportamentais que podem surgir nas vítimas que passam por situações de violência. A publicação contém, ainda, orientações para ações nas escolas e aconselhamento familiar na ocorrência de bullying; a diferenciação de violência sexual de jogos sexuais infantis; os sinais de erotização precoce, além de esclarecimentos sobre a legislação brasileira referente à violência, sobretudo cometida às pessoas com idade inferior a 14 anos.
Como explica uma das coordenadoras do Pro Paz, Eugenia Fonseca, os principais desafios dos 40 profissionais que estão sendo capacitados são contar com o apoio da família e manter firme o compromisso de se estabelecer uma rotina de notificação de todos os casos suspeitos e confirmados de violência. "Todos sabemos que o Ministério da Saúde depende dessa parceria com outros órgãos, já que o trabalho de encaminhamento é realizado em rede inter e intrasetorial", explica.
Eugênia lembra que em setembro deste ano o Governo do Estado inaugurou um núcleo do Pro Paz Integrado no Centro de Perícias Científicas Renato Chaves (CPC), no Bengui, destinado para o atendimento de crianças e adolescentes vítimas de violência sexual. "Desde então temos, infelizmente, 113 casos. Nossa missão é mudar esse quadro", lamenta. O Pro Paz integrado no CPC Renato Chaves oferece serviço médico, psicossocial, defesa social e pericial, com o intuito de garantir um atendimento interdisciplinar e de qualidade às vítimas e suas famílias em um só espaço. Trata-se de um trabalho integrado da Polícia Civil, Renato Chaves e Sespa voltado para as crianças e adolescentes vítimas de todo e qualquer tipo de violência.
O Pro Paz Integrado, que também funciona na Fundação Santa Casa de Misericórdia, já recebeu, desde a sua criação, em 2004, cerca de seis mil denúncias. A média de ocorrências fica entre 15 % em meninos e 85% em meninas, o que corresponde a cinco casos/dia. Em 2010, segundo o Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan), o Pará notificou 542 casos dos mais diversos tipos de violência cometidos a crianças até 10 anos de idade.
Serviço: Se as suspeitas produzirem um relato da criança, os pais devem procurar, sem constrangimentos, o atendimento do Pro Paz Integrado da Santa Casa (4009-2268/3223-2412), o Pro Paz Integrado/CPC Renato Chaves (4009-6000), o Conselho Tutelar ou a delegacia de polícia mais próxima. Nesses locais existem profissionais especializados que irão orientar os familiares sobre como devem proceder diante deste tipo de crime. Em casos de denúncia, o cidadão pode entrar em contato com os telefones 100/181.

Texto:
Mozart Lira-Sespa
Fundação Curro Velho
promove curso de
planejamento de oficinas
Iniciou, nesta segunda-feira, 28, na sede da Fundação Curro Velho, no bairro do Telégrafo, o curso Artes Visuais: Programas, métodos e recursos par planejamento de oficinas, ministrado pelo professor de artes visuais e pós-graduado em Estudos Culturais pela Universidade Federal do Pará, Ednaldo Britto.
O curso é voltado para educadores, artistas, artesãos e estudantes universitários. Segundo Ednaldo Britto, a proposta do curso é estudar programas, métodos e recursos para oficinas de artes visuais. “Queremos proporcionar uma reflexão sobre a elaboração de projetos voltados para uma educação não formal”.
No primeiro dia do encontro, os participantes discutiram sobre história, cultura e arte no mundo contemporâneo. “Discutimos hoje, sobre o que pensamos de educação, arte e sociedade”. O curso será realizado até a próxima sexta-feira, 2 de dezembro. No final do evento, cada participante vai elaborar um projeto proposta de oficinas para a Fundação Curro Velho.

Texto:
Andreza Gomes-FCV
Defensoria do Estado
inicia Curso de Pós-Graduação
para Defensores
Na última sexta feira, 25, a Defensoria Pública do Pará fez a abertura do Curso de Pós-Graduação em Direitos Fundamentais, fruto da iniciativa do Centro de Estudos, em parceria com a Universidade Federal do Pará (UFPA). Participaram da abertura os 50 defensores do Estado integrantes da turma e mais alguns defensores aprovados no concurso nº 143/09, além de convidados. Compuseram a mesa o Defensor Público Geral do Estado do Pará, Antônio Roberto Figueiredo Cardoso; o Sub Defensor Geral, Luís Carlos de Aguiar Portela; o Represente da UFPA e Coordenador do Curso de Pós-Graduação da Universidade, Reitor Marcus Allan Gomes; o Coordenador do Programa do Curso Prof. Antonio Maués; e a Diretora do Centro de Estudos, Marialva de Sena Santos.
Na ocasião, houve a manifestação dos representantes das instituições, quanto à importância do evento. Segundo Antônio Maués, o curso é voltado para discutir os direitos fundamentais em todas as áreas do Direito. “Enfatizar a jurisprudência mais atualizada e mais protetiva dos direitos fundamentais é primordial para que esse conhecimento na especialização possa ser utilizado pelos defensores em favor dos hipossuficientes”, afirmou ele.
Para o Defensor Público Geral, Antônio Cardoso, o curso de pós-graduação visa unir o conhecimento teórico com a prática cotidiana articulada com a legislação nacional e internacional, além da interpretação dos tribunais, o que torna o curso um ciclo completo de recepção e produção de conhecimento. “Temos que superar a etapa de recepção do conhecimento para a produção do conhecimento, e isso não se faz de maneira automática, requer tempo, se faz com métodos específicos e executando as parcerias certas. Hoje a Defensoria Pública do Pará tem um destaque nacional na questão de práticas exitosas e elas decorrem não somente da vontade, mas principalmente de um embasamento técnico e teórico dos defensores públicos”, frisou Cardoso.
“É muito importante para a Defensoria enquanto instituição estar investindo na capacitação dos membros da carreira, pois isso irá facilitar tanto a aquisição de novos conhecimentos teóricos para auxiliar na formação do defensor público, quanto para que possa ser aplicado na prática, no dia a dia do defensor. Acredito que nesse sentido foi uma medida muito sensata que a especialização fosse feita em Direitos Fundamentais, pois é a base de todos os outros ramos do Direito e pode ser aplicado, independentemente da área de atuação do Defensor”, esclareceu o Defensor Bruno Braga.
De acordo com a Defensora Paula Denadai, que faz parte dos 50 defensores matriculados na especialização, adquirir conhecimento e trocar experiências a fim de desenvolver um trabalho de excelência à sociedade paraense é fundamental. “A oportunidade de participar desse curso é formidável, visto que é uma chance ímpar que iremos ter de nos aperfeiçoarmos nessa área com tamanha amplitude e ainda é muito importante vermos a Instituição investindo realmente nos defensores, para que se possa desempenhar cada vez com melhor e com qualidade os nossos trabalhos”, ressaltou Denadai.
O Curso de pós-graduação, segundo o Defensor João Bosco Cardoso, veio no momento certo. “Em função do avanço da política educacional, as pessoas estão se libertando e indo em busca dos seus direitos de maneira muito mais intensa. Tomamos por exemplo as mulheres que eram agredidas por seus cônjuges, hoje elas já possuem força e também motivação para ir até ao promotor público, ao defensor, ao juiz, ao delegado de polícia e denunciar seu parceiro, logo, esse curso vem para profissionalizar melhor os defensores públicos, visando atender de forma humanizada toda e qualquer demanda da sociedade”, afirmou João Bosco.
A Diretora do Centro de Estudos, Marialva de Sena Santos, ressaltou que o curso de  pós-graduação em Direitos Fundamentais representa uma conquista e uma realização de mais uma etapa do planejamento estratégico. " Estamos de parabéns, e eu, enquanto diretora, sinto-me honrada em poder contribuir com mais esta conquista e colaborar, de algum modo, com a formação de defensores preparados e capacitados para exercer sua função. È um investimento do Estado e da Defensoria Pública nos membros da carreira da Defensoria Pública”, externou Marialva.
“A mensagem que eu deixo aqui sobre a perspectiva da coordenação do Programa de Pós-graduação de Direitos Humanos é de uma imensa satisfação, por estar podendo dar essa contribuição que serve, indubitavelmente, para consolidar o Estado Democrático de Direito efetivamente consolidado. Eu desejo que os cinquenta defensores públicos que vão se aventurar nessa experiência tenham pleno êxito, e, acima de tudo, torço para que todos possam alcançar o maior sucesso possível nessa iniciativa”, concluiu o Reitor Marcus Allan Gomes.

Texto:
Gilla Aguiar-Defensoria Pública
Secti, Apex Brasil e PCT
Guamá estudam
potencialidades
econômicas do Pará
As possibilidades do Pará avançar no desenvolvimento dos segmentos de biotecnologia (com foco em cosméticos, fármacos e produção de alimentos), tecnologia ambiental e tecnologia da informação e comunicação foram discutidas em reunião que envolveu representantes do Parque de Ciência e Tecnologia Guamá (PCT Guamá), da Diretoria de Apoio ao Comércio Exterior e Atração de Investimentos (DComex), da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), do Centro de Valorização Agroalimentar de Compostos Bioativos da Amazônia (CVACBA) e do Banco Mundial, na tarde da última sexta-feira (25), no Centro de Excelência em Eficiência Energética da Amazônia (Ceamazon).
O encontro fez parte da construção de um estudo, encomendado pela Secti e Associação Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex Brasil) ao Banco Mundial. Paralelamente, estas instituições realizam a capacitação para a Atração de Investimentos Produtivos, visando tornar o Pará um polo para investimentos que agreguem valor ao estado. Com suporte deste levantamento e da capacitação, será realizada a captação de grandes empreendimentos do Brasil e exterior para investir em potencialidades econômicas do estado.
Os segmentos mencionados, que estão entre os focos do PCT Guamá, foram eleitos para serem incluídos no estudo, que também deve conter indicações de empresas inovadoras, que serão convidadas a conhecer os parques tecnológicos do estado, potenciais projetos, os trabalhos de pesquisa desenvolvidos e os recursos humanos, naturais e tecnológicos da região. “Estamos na fase de diagnóstico. Num segundo momento, a estratégia é atrair empresas interessadas em investir na geração de tecnologias voltadas para estes setores. Com infraestrutura pronta e disponível, será mais fácil para o PCT Guamá captar esses empreendimentos”, comentou o consultor Flavio Feferman, do Banco Mundial.
Potenciais
O diretor-presidente do PCT Guamá, Antônio Abelém, colocou-se à disposição para contribuir com a construção do estudo nas áreas listadas, mencionando entre os empreendimentos com potencial de investimento a Biofábrica de Mudas, projeto que está sendo desenvolvido em parceria com a Secti e a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária Amazônia Oriental; e os laboratórios nas áreas de biotecnologia e TIC, em fase de implantação no PCT Guamá. “A criação de uma biofábrica de mudas é estratégica porque potencializaria os setores de fármacos, cosméticos, alimentos e frutas, que são vocações do estado. Já a presença dos laboratórios no PCT Guamá é direcionada para apoiar a transferência de tecnologia e a aplicação no mercado. Portanto, temos interesse em atrair empresas que demandem os serviços destes laboratórios”, argumentou Abelém.
O pesquisador Hervé Rogez, coordenador do CVACBA, acrescentou que o PCT Guamá já começa a envolver os representantes dos laboratórios em treinamentos para garantir a certificação junto à entidade referência, credenciando estes ambientes de pesquisa e desenvolvimento. “É fundamental que estes laboratórios sejam credenciados, tornando-os um diferencial para a região norte”, assinalou.
O secretário adjunto da Secti, Alberto Arruda, mencionou que a área de biotecnologia é prioritária no planejamento da secretaria, construindo um novo modelo econômico para o estado. “Vamos trabalhar os setores de alimentos, cosméticos, fármacos e fitoterápicos, primeiro em municípios próximos de Belém, baseado no modelo simples e eficaz do programa ‘Cultivando Água Boa’, de Itaipu (PR). Depois, vamos implantá-lo na região do Baixo Amazonas”, relatou. Fátima Gonçalves, diretora da Dcomex, ressaltou que o interesse do governo estadual é captar empresas que agreguem valor aos ativos do Pará. “Queremos investimentos em um modelo diferente de desenvolvimento para a região, baseado na inovação”.
O PCT Guamá é resultado de uma parceria entre a Universidade Federal do Pará (UFPA), a Secti e a Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra). Tem gestão da Fundação Guamá, que visa o fomento e a execução de pesquisas, desenvolvimento científico, transferência de tecnologia e o estímulo à sinergia entre empresas que inovam.
Solange Campos - Ascom PCT Guamá

Texto:
Raphael Freire-Secti
Classificados à terceira
etapa da Uepa serão
divulgados em dezembro
Pouco menos de seis mil candidatos faltaram ao segundo dia de provas dos Processos Seletivos 2012 da Universidade do Estado do Pará (Uepa), realizado nesta segunda-feira, 28 de novembro. Os exames foram aplicados aos participantes da segunda etapa do Subprograma XIV do Programa de Ingresso Seriado (Prise) e do Processo Seletivo (ProSel). No dia 12 de dezembro, a Diretoria de Acesso e Avaliação (DAA) divulga a lista de classificados para a terceira etapa do Prosel, no dia 18 do mesmo mês - incluindo somente os vestibulandos que alcançaram pelo menos 40 pontos nas duas primeiras provas. A pontuação do Prise será divulgada apenas no ano que vem.
Ao todo, deixaram de fazer prova 398 inscritos ao Prise XIV (229 na capital e 169 no interior do Estado) e 4.452 do Prosel (3.061 na capital e 2.391 no interior). "Continuamos entendendo que os PS 2012 ocorrem dentro da normalidade. Tivemos alguns candidatos que perderam a hora ou não apresentaram a documentação correta no local de prova, e isso gerou um quantitativo de faltosos. A maioria desses ausentes são mesmo do Prosel, um fato que tem se repetido nos últimos anos, e o nosso percentual de faltosos da segunda etapa do Prise acaba ficando muito menor. Esse ano não passou de 3%", explica a pró-reitora de Graduação da Uepa, professora Ionara Terra.
Da mesma forma como aconteceu no primeiro dia de provas, o gabarito preliminar dos exames será divulgado às 15h desta segunda-feira no site www.uepa.br e nos quadros de aviso afixados nos campi da Universidade. A partir dessa divulgação, a Uepa recebe por até 48 horas recursos relacionados a questões incluídas no certame, e apenas após esse período libera o gabarito oficial. No dia 12 de dezembro, a DAA informa oficialmente os classificados à terceira etapa do Prosel, marcada para o dia 18. Nessa data (18), fazem prova também os participantes da terceira etapa do Prise - Subprograma XII.I
Atendimento especial - Candidatos com deficiência visual e auditiva, assim como na primeira etapa dos Processos Seletivos 2012, continuaram a ser assistidos pela Uepa, que disponibilizou provas em braile e máquina braile para as respostas, provas audíveis (sistema DosVox) e interpretes da Língua Brasileira de Sinais (Libras). Uma candidata de baixa visão teve, além da prova ampliada, o apoio de uma luminária durante a realização do certame, que se estendeu até as 14h para os Portadores de Necessidades Especiais (PNE).
Em Belém, as provas ocorreram no CCBS/Campus II, também no Marco, onde a coordenação dos Atendimentos Especiais registrou dois candidatos faltosos dos 94 inscritos na capital. No total, 107 candidatos estavam habilitados a fazer a segunda etapa do Prise e do Prosel, 13 deles do interior do Estado. O número foi considerado normal, de acordo com a coordenadora Fátima Macedo.
Orientação aos candidatos - Para se submeter aos Processos Seletivos 2012, só poderão entrar no local de prova, os candidatos que estiverem portando algum documento original com foto, conforme os editais do Prise e Prosel. O candidato também deve ficar atento ao horário de realização das provas, que serão aplicadas conforme horário local. De acordo com o edital dos PS 2012, o acesso ao local das provas ocorrerá das 7h às 8h, impreterivelmente. A partir das 8h, os portões serão fechados. Após esse fechamento não será admitido, em hipótese alguma, o ingresso de candidatos.
Também não será permitida a utilização de equipamentos eletrônicos, como o celular e “máquinas calculadoras, agendas eletrônicas, BIP, telefone celular, walkman, receptor, gravador e palmtop”, durante a realização da prova e estão proibidos óculos escuros ou quaisquer acessórios de chapelaria, entre eles, boné ou gorros.
Pontuação - Os candidatos do Prosel que não alcançarem a pontuação mínima de 40 pontos na soma das pontuações da primeira e segunda fase estarão eliminados. Na terceira etapa, será eliminado quem obtiver menos de 12 pontos na prova objetiva e menos de 6 pontos na prova de redação.
Vagas e novos cursos - Neste ano, a Uepa oferta 3.232 vagas, distribuídas em 21 cursos de graduação, nos cinco campi da Uepa na capital e os 15 do interior, entre as áreas de Educação, Saúde e Tecnologia. A divisão das vagas obedece a um critério que envolve as regiões de integração do Estado e a vocação para o desenvolvimento de cada município. Entre as novidades dos Processos Seletivos 2012 da Uepa estão a criação do Curso de Licenciatura em Letras, com habilitação em Língua Brasileira de Sinais (Libras), em Belém, e Biomedicina, em Marabá, no oeste do Estado.
Além disso, a Universidade implanta na capital e em outros seis municípios, seis cursos. São eles: Licenciatura em Filosofia, em Belém; Geografia, em Belém e em Igarapé-Açu; Ciências Naturais, com habilitação em Química, em Altamira e em Salvaterra; Bacharelado em Secretario Executivo Trilingue, em Barcarena; Pedagogia em São Miguel do Guamá e Ciências Naturais, com habilitação em Biologia, em Tucuruí.
Concorrência - Fisioterapia ofertada em Belém é o curso mais concorrido dos Processos Seletivos 2012 da Uepa, dentro da modalidade Prosel. De acordo com o quadro de demandas divulgado pela DAA, a relação entre o número de inscritos (2.028) e o número de vagas ofertadas (20) gerou uma concorrência de nada menos que 101,40, uma das maiores já registradas nos processos seletivos realizados pela Uepa.
Em segundo e em terceiro lugar na lista dos mais concorridos ofertados na capital paraense para o Prosel aparecem, ainda, Engenharia Ambiental (99,30) e Engenharia de Produção (90,80). Medicina (86,60) foi o mais procurado de todos, com 4.330 inscritos.
Já dentro do Programa de Ingresso Seriado - Suprograma XIII (ou seja, realizado apenas pelos estudantes que estão cursando o terceiro ano do Ensino Médio), figuram dentre os concorridos Engenharia de Produção (14,15), Engenharia Ambiental (12,55) e Design - Habilitação em Projeto de Produto (9,35), também para ofertas em Belém. Assim como no Prosel, Medicina também consta dentre os mais procurados no Prise XIII, com 367 inscritos. Por turno, o curso mais concorrido foi Educação Física/1º. semestre/Matutino, tanto no Prosel (106,42) quanto no Prise (10).
Isenções - Em 2011, a Uepa ofertou 11.500 isenções das taxas de inscrição para os Processos Seletivos. Dessas mais de 11 mil isenções, 8.050 foram destinadas ao Prosel, sendo 4.600 integrais e 3.450 parciais. As 3.450 restantes foram divididas igualmente entre integrais e parciais no Prise. O total de isenções ofertadas em 2012 representa um acréscimo de 1.500, em relação ao ano passado, quando foram colocadas a disposição dos candidatos 10 mil isenções, sendo 7 mil para o Prosel e o restante para o Prise.
Atendimento médico e domiciliar - Aqueles que precisarão de tratamento diferenciado nos dias de prova puderam fazer a solicitação em meio ao período de inscrições (4 de agosto a 15 de setembro), em documento especificando as condições e recursos necessários acompanhado de atestado médico justificando esse benefício. Já as solicitações de atendimento domiciliar ou hospitalar deverão ser encaminhadas, no prazo de até 24 (vinte e quatro) horas antes do horário previsto para o início das provas.
Serviço: A lista dos classificados para a terceira etapa dos Processos Seletivos 2012 acontece no dia 12 de dezembro. As provas serão realizadas no dia 18 do mesmo mês. Informações: (91) 3299-2216 ou daa@uepa.br.

Texto:
Ize Sena-Uepa
XXXX
Emater promove
capacitação em
arranjos florais
A partir desta terça-feira, 29, até a próxima sexta-feira, 2 de dezembro, a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater) promove capacitação para a produção de arranjos florais. Participarão 25 pessoas, sendo oito técnicos e 17 agricultores familiares, que exercerão o papel de multiplicadores. A oficina será ministrada pela especialista em designer floral, Wilma Bellotto, com mais de 20 anos de experiência.
Segundo o engenheiro florestal da Emater, Sinval Paiva, coordenador do treinamento, proposto pela presidente da Emater, Cleide Amorim, o objetivo geral é fomentar a produção familiar na floricultura e oferecer noções básicas de beneficiamento, para agregar valor ao produto. “É trabalho da empresa otimizar a produção familiar com proposta de oferecer geração e complementação de renda”, disse.
Para Wilma Bellotto, designer floral, é comum ministrar este curso para um público heterogêneo. Ela afirma que qualquer pessoa pode trabalhar com as flores, sem precisar de uma formação tradicional, bastando apenas ter a criatividade aguçada. “O talento está escondido, precisamos apenas estimular que aflora, literalmente”, comentou.
O conteúdo programático prevê a prática desde o primeiro dia de instrução. Mas ainda para a designer floral, como o produtor familiar já tem proximidade com o produto in natura será um diferencial. “Quando o agricultor conhecer como o produto pode ser beneficiado, ele vai começar até a plantar diferente. Ter técnicos como alunos, também será positivo, pois o público atendido será estimulado a produzir, já que falta mão de obra qualificada no mercado”, revelou.
Mas a professora avisa que vai pegar no pé dos alunos no quesito acabamento. Bellotto afirma que o mercado é cada vez mais exigente. “Flor é sonho, imaginário. O designer floral é uma arte, uma boa embalagem faz a diferença. Vou mostrar que é possível fazer um trabalho belíssimo com produtos comuns, agregando valor ao artesanal e com custo baixo. Temos a proposta de utilizar recursos como sementes, palhas. Só precisamos de criatividade”, reforçou. Outro ponto que Wilma Bellotto ressalta é a oportunidade de trabalhar com plantas e flores tropicais, abundantes no norte do país. No último Frutal Amazônia Flor Pará, sua oitava participação no evento, foi possível fazer até bouquet de noiva com produto típico da região.
Sepaq promove I Fórum
Pesqueiro no Pará
dentro de congresso
Depois da solene abertura no domingo, 27, o XVII Congresso Brasileiro de Engenharia de Pesca, que está sendo realizado em Belém do Pará, teve a abertura, nesta segunda-feira, 28, do I Forum do Setor Pesqueiro Paraense, evento promovido pela Secretaria de Pesca do Estado (Sepaq). Com o tema "Enfraquecimento das classes representativas dos setores pesqueiro e aquicola no âmbito social, econômico, politico e ambiental", o titular da Sepaq, Henrique Sawaki, proclamou aberto o fórum, que, segundo ele, vai debater as causas e dificuldades do setor. "Para que juntos possamos resolver e encontrar as soluções", afirmou.
Sawaki abordou a distribuição dos principais recursos pesqueiros do Brasil, incluindo, em sua palestra, as diversas modalidades de pesca, como a esportiva, a amadora, a recreativa, a ornamental e a científica, para uma plateia atenta, formada por representantes de colônias e zonas de pesca das 12 regiões de integração do Estado.
Sawaki também abordou as principais demandas nacionais da carnicicultura e maricultura, depois de, ao considerar o Fórum instalado, ter feito um pequeno histórico da secretaria, desde sua fundação em 24 de julho de 2007, até os dias de hoje, onde é considerada um órgão modelo para o Brasil. Sawaki falou também de sua missão instituicional e do potencial pesqueiro e aquicola do Pará.
Entre as autoridades presentes e que compuseram a Mesa dos Trabalhos estiveram, alem do secretário Henrique Sawaki, o superintendente da Pesca no Pará, Carlos Alberto Leão; o secretário Adjunto de Estado Ciência Tecnologia e Inovação, Alberto Cardoso Arruda; Dionisio de Sousa Sampaio, presidente da Associação dos Engenheiros de Pesca dos Estados do Pará e Amapá; Victor Uliana, presidente da Associação dos Criadores e Exportadores de Peixe do Pará; e Antonio Melo, chefe do Núcleo de Pesca do Ibama.
A noite de abertura, no domingo, contou com a presença das maiores autoridades so setor pesqueiro do Brasil e o governador do Estado foi representado pelo Secretário Especial de Estado de Desenvolvimento Econômico e Incentivo à Produção, Sidney Rosa.

Texto:
Sérgio Noronha-Sepaq
Sepaq promove I Fórum
Pesqueiro no Pará
dentro de congresso
Depois da solene abertura no domingo, 27, o XVII Congresso Brasileiro de Engenharia de Pesca, que está sendo realizado em Belém do Pará, teve a abertura, nesta segunda-feira, 28, do I Forum do Setor Pesqueiro Paraense, evento promovido pela Secretaria de Pesca do Estado (Sepaq). Com o tema "Enfraquecimento das classes representativas dos setores pesqueiro e aquicola no âmbito social, econômico, politico e ambiental", o titular da Sepaq, Henrique Sawaki, proclamou aberto o fórum, que, segundo ele, vai debater as causas e dificuldades do setor. "Para que juntos possamos resolver e encontrar as soluções", afirmou.
Sawaki abordou a distribuição dos principais recursos pesqueiros do Brasil, incluindo, em sua palestra, as diversas modalidades de pesca, como a esportiva, a amadora, a recreativa, a ornamental e a científica, para uma plateia atenta, formada por representantes de colônias e zonas de pesca das 12 regiões de integração do Estado.
Sawaki também abordou as principais demandas nacionais da carnicicultura e maricultura, depois de, ao considerar o Fórum instalado, ter feito um pequeno histórico da secretaria, desde sua fundação em 24 de julho de 2007, até os dias de hoje, onde é considerada um órgão modelo para o Brasil. Sawaki falou também de sua missão instituicional e do potencial pesqueiro e aquicola do Pará.
Entre as autoridades presentes e que compuseram a Mesa dos Trabalhos estiveram, alem do secretário Henrique Sawaki, o superintendente da Pesca no Pará, Carlos Alberto Leão; o secretário Adjunto de Estado Ciência Tecnologia e Inovação, Alberto Cardoso Arruda; Dionisio de Sousa Sampaio, presidente da Associação dos Engenheiros de Pesca dos Estados do Pará e Amapá; Victor Uliana, presidente da Associação dos Criadores e Exportadores de Peixe do Pará; e Antonio Melo, chefe do Núcleo de Pesca do Ibama.
A noite de abertura, no domingo, contou com a presença das maiores autoridades so setor pesqueiro do Brasil e o governador do Estado foi representado pelo Secretário Especial de Estado de Desenvolvimento Econômico e Incentivo à Produção, Sidney Rosa.

Texto:
Sérgio Noronha – Sepaq
Funtelpa exibe clips
no Noites com Sol
Belém recebe, de hoje até quarta-feira (30), a segunda edição do festival de música e cinema 'Noites com Sol'. A programação será exibida no Teatro Maria Sylvia Nunes, da Estação das Docas, de 8h50 às 23h. Nesta terça (29), acontece a a Sessão Funtelpa, mostra comentada que vai exibir uma série de videoclips produzidos pela TV Cultura do Pará ao longo dos anos. Além dos clips musicais, das 14h às 17h serão exibidos videos que mostram as belezas naturais de diversas cidades paraenses, além de espaços turísticos e manifestações culturais da capital paraense.
O radialista e coordenador da Rádio Cultura, Beto Fares, vai comentar a produção audiovisual da Funtelpa que será exibida no festival. Serão expostos os clips de músicas como 'Batalhão das Estrelas', do Arraial do Pavulagem, 'Sabor Açaí', de Nilson Chaves; 'Eu te Amo Meu Amor' de Franquito Lopes; 'Singela”, de Alcyr Guimarães; 'Ao Pôr do Sol', de Ted Max; 'Flor do Destino' de Nilson Chaves e Vital Lima; 'Xapuri do Amazonas', de Nazaré Pereira; 'Janelas de Belém', do grupo Manga Verde; 'Muruci', de Vital Lima; 'Pássaro cantador', de Pedrinho Cavalero; 'Belém Belém', de Tony Soares; 'Belém Pará Brasil', da banda Mosaico de Ravena e  'Carimbó do Macaco', de Pinduca, entre outros.
A Sessão Funtelpa vai exibir, ainda, clips sobre as mais diversas danças da região como a 'dos Pretinhos', com o grupo de danças do município de Colares, o 'Lundu' do município de Muaná e Soure, a 'Dança do Côco' de Ponta de Pedras, 'Dança da Farinha' de Colares, 'Invernada Marajoara com o grupo Itaquari, e o Bailado Cachoeirense, de Cachoeira do Arari.
No programa serão exibidos, ainda, clips que exaltam as belezas e os atrativos de cidades como Ponta de Pedras, Soure, Bragança, Ajuruteua, Mosqueiro, Cotijuba, Algodoal, São Caetano de Odivelas, Rio Araguaia e também da Cidade das Mangueiras - que tem como atrativos o Theatro da Paz, o Bosque Rodrigues Alves, o Mangal das Garças e a cerâmica marajoara. Para a presidente da Funtelpa, Adelaide Oliveira, é importante fazer circular essa produção audiovisual da TV Cultura para mostrar o trabalho desenvolvido pelos profissionais da emissora e que ao longo dos anos foi sendo acumulado no arquivo da Fundação.
Ronaldo Quadros - Ascom/Funtelpa
Campanha da Fundação
Hemopa tem recorde de
doações de sangue
O Centro de Hemoterapia e Hematologia do Pará (Hemopa) comemora o comparecimento de mais de 3.200 doadores de sangue aos posto de atendimento, da capital e do interior, tornando a campanha nacional para captação de sangue um recorde no Estado. A maior participação de voluntários ocorreu no período de 21 a 26 deste mês, período em que se comemorou o Dia Nacional do Doador de Sangue.
De acordo com a gerente de triagem de doadores da Fundação Hemopa, Dra. Paula Amarantes, das 3.260 pessoas sensibilizadas durante este período, 2.782 puderam doar efetivamente e, ainda assim, o número foi satisfatório para o banco de sangue da Fundação, superando as expectativas. “Esperávamos cerca de 300 doações por dia, mas este número foi bem maior. Chegamos numa média de 460 doações/dia e este recorde se deu, principalmente, pela divulgação nos veículos de comunicação que possibilitaram o aumento pela procura dos doadores”, garantiu Amarantes.
A mobilização foi realizada simultaneamente nos Hemocentros Regionais de Castanhal, Marabá e Santarém; e nos Hemonúcleos de Abaetetuba, Altamira, Tucuruí, Redenção e Capanema e beneficiou centenas de pacientes que precisam de atendimentos de urgência e emergência nos mais de 200 hospitais do Pará.
Foi o caso de Antonino Loureiro Portal, de 50 anos, que recentemente, durante um exame de rotina, recebeu a notícia de que estava com as taxas de hemoglobinas baixas e precisaria fazer uma transfusão de sangue, caso contrário, correria riscos de morte. Imediatamente sua irmã, Jaira Portal Matos, 55, buscou o banco de sangue da Fundação Hemopa e deu entrada nos procedimentos. Ainda debilitado, Antonino não pode conversar, mas sua irmã confessou não saber (até o momento em que precisou) a importância da doação de sangue. “Hoje me tornei uma voluntária. Não imaginava a importância do banco de sangue e acredito que temos que nos unir cada vez mais para fortalecer esta linda campanha. Agradeço a todas as pessoas que doaram sangue”, comemorou a dona de casa.
Para doar sangue o candidato deve estar com boa saúde; ter idade entre 16 anos completos até 67 e peso acima de 50 kg. É necessário portar documento de identidade original e com foto. Não precisa estar em jejum. Com a doação são realizados exames para diversas doenças, entre elas: Aids, Sífilis, Doença de Chagas, Hepatites, HTLV I e II, além de tipagem sangüínea. O homem pode doar a cada dois meses e a mulher a cada três meses. O doador deve estar bem alimentado.
Quem pode fazer cadastro de doação de medula óssea: Homem ou  mulher  saudáveis e com faixa etária de 18 a 55 anos. Necessário portar documento de identidade original e com foto.
Serviço:
O Hemopa funciona na Tv. Pe. Eutíquio, 2109. Funcionamento para coleta: de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 18h, e aos sábados de 7h30 às 17h. Maiores informações pelo fone: 08002808118.
Cora Coralina - Secom

Texto:
Cora Coralina-Secom
Relatório da Sefa aponta
inconsistências no
repasse de
informações fiscais
A Secretaria da Fazenda do Pará (Sefa) encaminhou na semana passada, a 3.500 contribuintes do Imposto sobre operações relativas à circulação de mercadorias e sobre prestações de serviços de transporte interestadual, intermunicipal e de comunicação, (ICMS), correspondência comunicando a existência de inconsistências verificadas no cruzamento de informações fornecidas nos arquivos da Escrituração Fiscal Digital (EFD) e Nota Fiscal Eletrônica(NFe).
O cruzamento de informações feito pela Diretoria de Fiscalização refere-se ao primeiro semestre de 2011. Na primeira etapa foram elencados dois tipos de inconsistências: a existência de NFes não escrituradas e NFes escrituradas, mas com valores divergentes. Na segunda etapa do trabalho haverá a abertura de ordem de serviço para a aplicação de penalidades cabíveis aos contribuintes que não corrigirem essas dissonâncias.
Segundo o secretário da Fazenda do Pará, José Tostes Neto, com esta ação a Sefa objetiva, além do incremento da arrecadação do Estado, a cobrança de cumprimento das obrigações acessórias relativas à EFD, a auditoria em arquivos digitais encaminhados pelos contribuintes ao Fisco e a  implementação de ajustes que se fizerem necessários nos sistemas e controles da Sefa.
Os emails foram encaminhados entre os dias 23 e 25 de novembro. “Cada contribuinte receberá, no máximo, 20 ocorrências de inconsistências, sendo 10 referentes a NFe não escrituradas e 10 relativas a NFe escrituradas com valores divergentes. A listagem completa das informações ficará disponível no Portal de serviços da Sefa na internet, podendo ser consultada pelo contribuinte mediante acesso privativo, ou seja, utilizando login e senha”, informa a diretora de Fiscalização da Sefa, Rute Tostes da Silva.
A coordenadora da Célula de Automação Fiscal, auditora de receitas Hedylamar Beckmann  informa que a partir de 2012 estas informações só serão disponibilizadas aos contribuintes que aderirem ao Domicílio Eletrônico do Contribuinte  (DEC), sistema de comunicação desenvolvido pela Secretaria para facilitar a comunicação entre o Fisco e os contribuintes. “Vamos acompanhar o comportamento fiscal dos contribuintes que apresentaram inconsistências, seja na retificação da EFD, na Declaração de Informações Econômico-fiscais (DIEF) e até o pagamento do imposto, se for o caso”, afirma Beckmann.
Ela alerta, ainda, que o e-mail ao contribuinte não constitui notificação fiscal, e que também não há obrigatoriedade da Sefa em prestar tais informações periodicamente. “Cabe ao sujeito passivo escriturar corretamente os documentos fiscais, portanto podemos iniciar o procedimento de fiscalização a qualquer momento”, exp´lica.
Serviço: Para obter mais informações o contribuinte pode ligar para o call Center da Sefa (0880.725 5533) ou encaminhar e-maii para spedfiscal@sefa.pa.gov.br.
Ana Márcia Pantoja - Ascom/Sefa

Texto:
Ana Márcia-Sefa
Inep realiza prova do
Enem em unidade da Fasepa
As provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para jovens que estão cumprindo medidas socioeducativas estão sendo realizadas no Centro de Internação do Adolescente Masculino (Ciam), no Jardim Sideral, em Belém, onde nove adolescentes masculinos e femininos resolvem as questões de conhecimentos gerais. Nesta terça-feira, 29, os inscritos do sistema socioeducativo fazem a redação, além de outras disciplinas, no segundo dia de provas. A Fundação de Atendimento Socioeducativo do Pará (Fasepa) atende hoje 360 adolescentes em conflitos com a Lei, nas regiões metropolitana de Belém, Santarém e Marabá.
Anajás passa a contar
com serviços bancários
O Banpará inaugurou um posto de serviço em Anajás, na ilha de Marajó, seguindo a estratégia de ampliação de seus serviços ao interior do estado. Dotado de instalações modernas e confortáveis, o Posto de Atendimento de Anajás é vinculado à agência Breves e atenderá também os municipios vizinhos. A entrega da unidade faz parte do conjunto de ações do Banco, que visa expandir em 50%, até 2014, a sua rede de pontos de atendimento no Estado.
Além de ampliar o ranking das cidades que passam a contar com a presença de instituições financeiras, a inauguração do PAA Anajás vai impulsionar a economia local, já que a população não mais precisará se deslocar para outros municípios a fim de efetuar transações bancárias.
O posto está estruturado para oferecer à população local os principais produtos e serviços do Banco, como abertura de contas, concessão de crédito, empréstimo consignado e parcelado, aplicações financeiras e emissão de cheque especial. Além disso, a população poderá usar o Banpará Comunidade, uma linha de crédito destinada a pessoas físicas para o incremento de micro e pequenos negócios.
Serviço: O PAA Anajás está localizado à Rua Manoel Vieira, s/n, bairro Centro. Telefone: (91) 3605-1545.
Yedda Bevilacqua - Ascom/Banpará
XXXX
PIADAS
A IMPORTÂNCIA DO CAFEZINHO
Dois leões fugiram do Jardim Zoológico. Na fuga, cada um tomou um rumo diferente. Um dos leões foi para as matas e o outro foi para o centro da cidade. Procuraram os leões por todo o lado, mas ninguém os encontrou.
Depois de um mês, para surpresa geral, o leão que voltou foi justamente o que fugira para as matas. Voltou magro, faminto, alquebrado. Assim, o leão foi reconduzido a sua jaula.
Passaram-se oito meses e ninguém mais se lembrou do leão que fugira para o centro da cidade, quando um dia, o bicho foi recapturado. E voltou ao Jardim Zoológico gordo, sadio, vendendo saúde.
Mal ficaram juntos de novo, o leão que fugira para a floresta perguntou ao colega:
- Como é que conseguiste ficar na cidade esse tempo todo e ainda voltar com saúde? Eu, que fugi para a mata, tive que voltar, porque quase não encontrava o que comer ... !!!
O outro leão então explicou:
- Enchi-me de coragem e fui esconder-me numa repartição pública. Cada dia comia um funcionário e ninguém dava por falta dele.
- E por que voltaste então para cá? Tinham acabado os funcionários?
- Nada disso. Funcionário público é coisa que nunca se acaba. É que eu cometi um erro gravíssimo. Tinha comido o diretor geral, dois superintendentes, cinco adjuntos, três coordenadores, dez assessores, doze chefes de seção, quinze chefes de divisão, várias secretárias, dezenas de funcionários e ninguém deu por falta deles! Mas, no dia em que eu comi o que servia o cafezinho... Estraguei tudo!!!
 Experimenta tambem comer professor para ver quanta gente vai gritar!!! Não por sentir falta do professor, mas por não ter quem fique com as crianças !!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Basquete Paraense Master
conquista medalha de
bronze no Brasileiro
Mais de 50 atletas paraenses do basquete master, veiculados à Associação Paraense de Basquetebol Master, participaram entre os dias 11 e 19 de novembro do Campeonato Brasileiro, em São Luís, no Maranhão. A equipe do Pará retornou a Belém na última semana, após a conquista de duas medalhas de bronze pela competição. A delegação viajou com o apoio do governo do Estado, por meio da Secretaria de Esporte e Lazer (Seel). O evento teve a a participação de 16 estados brasileiros.
“Tivemos um resultado muito satisfatório. Retornamos com saldo positivo, pois em toda competição nacional traçamos uma meta: ficar entre os quatros primeiros e em 2011, conseguimos atingir essa expectativa em duas categorias, na 30+ e 55+”, ressaltou o presidente da associação paraense de basquetebol master, Paulo Seráfico. O Campeonato Brasileiro é disputado em 10 categorias, através da faixa etária, que varia de 30 a 70 anos, com intervalo de cinco anos entre elas. O Pará marcou presença com cinco equipes, de 10 jogadores cada, que disputaram nas categorias 30+, 35+, 40+, 45+ e 55+.
O time paraense treina toda segunda-feira. Segundo o presidente da APBM, o patrocínio da Seel foi decisivo na ida da equipe ao Maranhão. “Sem ajuda da secretaria seria muito difícil participar do brasileiro. Conseguimos esse resultado pelo nosso esforço, mas também pelo incentivo que a Seel nos proporciona. Sempre estamos presentes nas competições de nível nacional”, lembrou Paulo.
Bruna Carvalho – Ascom Seel
Marapanim recebe
oficinas de turismo
A  Paratur está executando, em parceria com o Instituto de Artes do Pará (IAP), Curro Velho, Abrasel, Abrajet Pará, Secretaria de Turismo de Marapanim e Associação de Carimbó de Marapanim, inúmeras oficinas de qualificação na área de gastronomia, audiovisual, moda carimbó, percussão, fotografia e outras áreas. As parcerias fortalecem o município para o Festival de Carimbó, que deve acontecer em janeiro.
Martinica interessada no Pará
Adenauer Góes, presidente da Companhia Paraense de Turismo (Paratur) recebe na manhã desta terça-feira, dia 29, a visita de  Matilde dos Santos, à frente de delegação da área de cooperação da Martinica. Na pauta, relações internacionais em prol do turismo entre o dois países.
Operação "Eirene" reduz
a criminalidade em Castanhal
Uma ação eficaz contra a criminalidade e maior tranquilidade para a população estão entre os resultados das 24 horas de trabalho policial ininterrupto durante a operação “Eirene” no município de Castanhal, no nordeste do Estado. Iniciada na manhã de sexta-feira (25), a operação foi finalizada com 30 bares vistoriados, sendo oito fechados; 527 motos abordadas e 20 apreendidas; 674 veículos averiguados e nove apreendidos; 196 veículos de aluguel, entre ônibus e vans, 96 bicicletas, 46 caminhões e 12 táxis parados pelos policiais para verificação de documentação e procedência.
A operação mobilizou cerca de 300 servidores públicos de vários órgãos, como Polícia Militar, Polícia Civil, Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Superintendência do Sistema Penitenciário (Susipe), Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) e órgãos da Prefeitura de Castanhal.
A equipe policial também abordou 444 pessoas e apreendeu 120 petecas de cocaína, um quilo de barrilha, 470 mídias falsificadas, 18 máquinas caça-níqueis e uma arma de brinquedo, utilizada na prática de crimes na região. A eficácia da operação foi constatada pelo próprio Sistema de Segurança: nenhum registro de ocorrência de crimes.
Realizada desde o primeiro semestre em diversos bairros da Região Metropolitana de Belém, a operação “Eirene” obteve êxito em todas as etapas realizadas, contribuindo para a imediata redução dos índices de criminalidade.
Esses resultados foram apresentados na reunião do Conselho de Segurança do Meio Norte (Comen), em Teresina (PI) como uma experiência de sucesso no Pará, que agora parte para o processo de interiorização das ações.

Texto:
Leno Carmo-Polícia Militar
Susipe realiza primeiro
batismo no Brasil em
presídio de segurança máxima
Fé e muita emoção marcaram a cerimônia do primeiro batismo realizado no Brasil em uma penitenciária de segurança máxima. No total, 35 internos do Centro de Recuperação do Pará III (CRPP III) no município de Santa Isabel do Pará, nordeste do Estado,se entregaram a uma nova vida. A conquista é fruto do trabalho desenvolvido pela Superintendência do Sistema Penitenciário do Pará (Susipe), através do trabalho missionário das igrejas Assembléia de Deus, Deus é Amor e Igreja do Evangelho Quadrangular que realizam evangelismo nas penitenciárias. Uma vez por semana representantes dessas igrejas estão nos estabelecimentos prisionais levando a palavra de Deus para ressocializar os internos.

FOTO: ASCOM SUSIPE
Governo vai apresentar
proposta para reduzir
impactos da operação
Arco de Fogo

Montar uma agenda de ações e políticas públicas capazes de minimizar os efeitos da Operação Arco de Fogo no município de Tailandia, no nordeste paraense. Essa foi a proposta apresentada nesta terça-feira, 29, pelo Secretário Especial de Infraestrutura e Logística, Sérgio Leão (d), durante reunião com lideranças empresariais, políticas e representantes do setor produtivo e do comércio do município de Tailândia.

FOTO: RODOLFO OLIVEIRA/ AG.PARÁ
Obras de água e esgoto vão
beneficiar mais de 15 mil
pessoas em Marituba

A Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa) está implantando um sistema de abastecimento de água e esgotamento sanitário no residencial Almir Gabriel (conhecido como Che Guevara), no município de Marituba.

FOTO: DIVULGAÇÃO/ASCOM COSANPA
Sead divulga cronogramas
de pagamento do 13º
e do salário de dezembro

A Secretaria de Estado de Administração (Sead) divulgou nesta segunda-feira (28) os cronogramas de pagamento do 13º salário e do salário de dezembro dos mais de 100 mil servidores públicos estaduais. O pagamento do 13º começará no próximo dia 12 (segunda-feira), beneficiando os inativos militares e pensionistas (civis e militares) e prossegue até o dia 16 (sexta-feira), com os servidores da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), da capital e do interior.
Os salários referentes ao mês de dezembro começarão a ser pagos antes do Natal. Já no dia 22 (quinta-feira) serão pagos os inativos militares e pensionistas civis e militares. O cronograma será encerrado no dia 28 (quarta-feira), com os servidores da Seduc.
Só a folha do 13º salário injetará R$ 281 milhões na economia do Estado. Somadas as três´folhas de pagamento (salários de novembro, 13º e salários de dezembro), o valor chega a quase R$ 1 bilhão. “Com isso, estamos honrando o compromisso do governador Simão Jatene de pagar o funcionalismo público em dia, o que foi possível com uma gestão fiscal responsável, que assegura esse pagamento em meio a todas as dificuldades financeiras que o Pará atravessou este ano”, declarou Alice Viana, secretária de Estado de Administração.
Abaixo, os cronogramas de pagamento:
13° SALÁRIO
12/12 (segunda-feira) - inativos militares e pensionistas civis e militares
13/12 (terça-feira) - inativos civis e pensões especiais/Sead
14/12 (quarta-feira) - Auditoria, Casa Civil, Casa Militar, Consultoria Geral, Defensoria, Gabinete da Vice-governadoria, Procuradoria Geral, NAF, Secretarias Especiais, Sepaq, Secti, Sead, Sefa, Sepof, Sagri, Sema, Secult, Seidurb, Seel, Seicom, Sejudh, Seop, Sespa, Seter, Seas, Setran e Secom
15/12 (quinta-feira) – Corpo de Bombeiros, Polícia Civil, Polícia Militar, Segup, Adepará, Arcon, Asipag, CDI, Ceasa, Cohab, CPC “Renato Chaves”, Detran, EGPA, Emater, FCG, FCPTN, FCV, Fasepa, Funtelpa, Fapespa, Hospital de Clínicas, Hospital Ophir Loyola, Fundação Hemopa, IAP, Imep, Iasep, Igeprev, IOE, Iterpa, Jucepa, Paratur, Prodepa, Fundação Santa Casa, Susipe, Uepa, Ideflor, Idesp e Loterpa
16/12 (sexta-feira) – Seduc – capital e interior
SALÁRIO DE DEZEMBRO
22/12 (quinta-feira) - inativos militares e pensionistas civis e militares
23/12 (sexta-feira) - inativos civis e pensões especiais/Sead
26/12 - (segunda-feira) - Auditoria, Casa Civil, Casa Militar, Consultoria Geral, Defensoria, Gabinete da Vice-governadoria, Procuradoria Geral, NAF, Secretarias Especiais, Sepaq, Secti, Sead, Sefa, Sepof, Sagri, Sema, Secult, Seidurb, Seel, Seicom, Sejudh, Seop, Sespa, Seter, Seas, Setran e Secom
27/12 (terça-feira) - Corpo de Bombeiros, Polícia Civil, Polícia Militar, Segup, Adepará, Arcon, Asipag, CDI, Ceasa, Cohab, CPC “Renato Chaves”, Detran, EGPA, Emater, FCG, FCPTN, FCV, Fasepa, Funtelpa, Fapespa, Hospital de Clínicas, Hospital Ophir Loyola, Fundação Hemopa, IAP, Imep, Iasep, Igeprev, IOE, Iterpa, Jucepa, Paratur, Prodepa, Fundação Santa Casa, Susipe, Uepa, Ideflor, Idesp e Loterpa

28/12 (quarta-feira) - Seduc – capital e interior

Texto:
Renan Malato – Sead
Postar um comentário

REVISTAS MEDIUNIDADE

JESUS: "Choro por todos os que conhecem o Evangelho, mas não o praticam...”

Ofuscado pela grandeza do momento, começou a chorar. Viu, porém, que Jesus chorava também... E, Eurípedes, falou – Senhor, por que ch...