Total de visualizações de página

quarta-feira, novembro 30, 2011

@ REPÓRTER JURUNENSE: Confira as primeiras deste 1º de dezembro


1º DE DEZEMBRO, DIA DE
REFLEXÃO NÃO SÓ HOJE,
MAS TODOS OS DIAS, TODOS OS MOMENTOS PARA
EVITAR TAL DOENÇA
XXX
Alunos da Escola General
Gurjão simulam plebiscito
Os alunos da escola estadual “General Gurjão” participarão nesta quinta-feira (1º) do projeto "Exercício da Cidadania”. A simulação de votação para o plebiscito 2011 visa despertar nos 796 alunos a participação no processo de discussão da proposta de divisão territorial do Estado do Pará. A simulação será possível graças à parceria firmada entre a direção da escola e o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que cedeu o modelo original de cédulas, que foram reproduzidas para dar mais veracidade à votação.
Uma urna confeccionada em papelão receberá os votos dos alunos, a partir da 1ª série do ensino fundamental e do ensino médio, em dois turnos, a partir das 8h. A votação, que será na sala da coordenação, terminará às 17h.
Pará leva cultura e tradição
esportiva para feira do futebol
Após sediar grandes eventos esportivos nacionais e internacionais, como o jogo entre as seleções de futebol do Brasil e da Argentina, o Campeonato Brasileiro de Ginástica Rítmica e a volta do Grand Prix de Atletismo, o Pará foi destaque na Feira Internacional de Negócios do Futebol (Soccerex), que aconteceu pela primeira vez no Brasil, na cidade do Rio de Janeiro.
Nesta quarta-feira (30), último dia do evento, o estande do Governo do Pará, montado pela Secretaria de Esporte e Lazer (Seel), recebeu centenas de visitantes, que conheceram a história e a tradição do esporte paraense, e ainda a cultura e a culinária do Pará.
A feira reuniu mais de 20 países expositores e importantes associações e personalidades do futebol. “Foi um sucesso a participação do Pará na Soccerex. Tivemos a chance de ficar mais perto dos grandes atletas do futebol, de nível nacional e internacional”, disse o secretário de Estado de Esporte e Lazer, Marcos Eiró.
Durante a feira, a Seel representou o Pará divulgando a importância do esporte paraense, em particular do futebol. O principal objetivo da Secretaria é garantir que Belém seja a sede do Centro de Treinamento de Seleções, na Copa do Mundo de 2014. “Viemos até aqui mostrar ao mundo que o Pará tem competência e disponibilidade para sediar grandes eventos esportivos, além de incentivar atletas que estejam iniciando ou com uma longa carreira. Nós levantamos a bandeira do esporte, que tem por finalidade garantir lazer, saúde e inclusão social a crianças, jovens e adultos”, ressaltou Marcos Eiró.

Texto:
Bruna Carvalho-Seel
Professores serão qualificados
para atender alunos superdotados
Nos dias 1º e 2 de dezembro (quinta e sexta-feira), 50 professores e técnicos da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) serão capacitados para prestar atendimento especializado a alunos com altas habilidades e superdotação. A capacitação acontecerá no auditório do Núcleo de Esporte e Lazer da Seduc.
Nos dois dias, os profissionais que atuam nas unidades de Ensino de Educação Especial receberão informações teóricas e colocarão em prática o aprendizado. O objetivo da Coordenadoria de Educação Especial é melhorar as atividades dos alunos com altas habilidades e superdotados, proporcionando-lhes mais atenção no aprendizado. O curso terá 12 horas e as atividades serão distribuídas em duas categorias: palestras e oficinas.
Serviço: Formação Continuada de Servidores da Educação para Identificação e Atendimento de Alunos com Altas Habilidades/Superdotação, no Núcleo de Esporte e Lazer (Travessa D. Romualdo de Seixas, 1215) , nos dias 1º e 2 de dezembro, das 9 às 12h e das 14h às 18h.

Texto:
Sergio Chene-Seduc
Recadastramento do "Bolsa
Trabalho" começa
em 5 de dezembro
No período de 5 a 16 de dezembro, os beneficiários do programa Bolsa Trabalho nos municípios de Belém e Marituba, deverão se recadastrar no Banco do Estado do Pará (Banpará), na agência localizada na Avenida Senador Lemos, n° 321 (bairro da Sacramenta), para atualização dos dados cadastrais e recebimento do benefício.
A partir desta quinta-feira (1º), a relação dos nomes dos bolsistas convocados estará disponível no endereço www.seter.pa.gov.br. Para realizar o processo, os beneficiários deverão apresentar cópias e originais dos seguintes documentos: RG, CPF e comprovante de residência. Os bolsistas que não efetuarem o recadastramento terão sua participação excluída do programa e, consequentemente, não estarão mais aptos a receber o recurso.
Coordenado pelo governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Trabalho, Emprego e Renda (Seter), o programa atende 26 mil pessoas, de 18 a 29 anos, em todo o Pará. Destes, 15.778 mil estão na Região Metropolitana de Belém. Segundo o titular da Seter, Júnior Hage, a medida visa garantir o controle e o monitoramento dos bolsistas. “Fazemos o acompanhamento e controle desses bolsistas por todo o Estado. Mas na Região Metropolitana, pelo volume de bolsistas que é elevado e pela inconsistência dos dados que encontramos, o recadastramento se tornou necessário”, explicou.
Precisão - Segundo Júnior Hage, a medida também fortalecerá a atuação do programa. “Hoje, o Estado não pode dar dados precisos à sociedade paraense de quantos bolsistas já passaram pelo programa e entraram no mercado de trabalho, ou ainda se a qualificação foi de qualidade. Isso porque o acompanhamento não foi feito como devia em outros momentos. Agora, com um acompanhamento mais preciso, nós vamos poder atender aos critérios do próprio Ministério do Trabalho, que prevê a inserção de 30%, no mínimo, dos jovens participantes no mercado de trabalho formal, além da inserção no mercado de trabalho de uma forma geral”, destacou o secretário.
Criado pela Lei Estadual nº 7.036, de 14 de setembro de 2007, o Programa Bolsa Trabalho tem por objetivo qualificar, para o mercado de trabalho, jovens na faixa etária de 18 a 29 anos, pertencentes a famílias de baixa renda, que não exerçam atividade remunerada ou que estejam desempregados. O valor do benefício mensal, R$ 70,00, é concedido a apenas um membro de cada família cadastrada. “Já existe um projeto tramitando Assembleia Legislativa que visa o aprimoramento do programa, inclusive aumentando o valor do benefício”, adiantou o secretário.

Texto:
Amanda Engelke-Secom

Postar um comentário

REVISTAS MEDIUNIDADE

JESUS: "Choro por todos os que conhecem o Evangelho, mas não o praticam...”

Ofuscado pela grandeza do momento, começou a chorar. Viu, porém, que Jesus chorava também... E, Eurípedes, falou – Senhor, por que ch...