Total de visualizações de página

sábado, novembro 12, 2011

@... ESPORTES @

Competição de xadrez é
destaque no Super JEP's


A partida de futsal, válida pelos Jogos Estudantis Paraenses (Super JEP's), agitou o público no Núcleo de Esporte e Lazer (NEL), na manhã desta sexta-feira (11). Mas entre as modalidades disputadas nos Jogos, uma vem chamando a atenção dos alunos: o xadrez.. Inserido nas disputas de campeonatos entre escolas públicas e particulares, o xadrez surgiu de maneira tímida, e hoje já completa sua quarta participação na 53ª edição dos JEPs.
No primeiro dia de competições, o xadrez reuniu atletas de 10 escolas públicas e particulares de vários municípios paraenses, divididos nas categorias A e B, masculino e feminino. Entre os destaques estão os alunos Bruce Kenneth e Rafael Félix, que representam os municípios de Parauapebas (no sudeste do Pará) e Castanhal (no nordeste), respectivamente.
Bruce Kenneth tenta o bicampeonato na categoria B e é apontado pelo presidente da Federação Paraense de Xadrez e árbitro nacional, Clauber Martins, como uma das grandes promessas no esporte. Segundo ele, a competição exige muita concentração e treinamento, com dedicação diária de 2 horas. “O sucesso para quem quer se dedicar a este esporte é ter equilíbrio, concentração e treinamento, mas os dois primeiros são consequência deste último”, explicou.
Campeonato Brasileiro - O árbitro informou que o Pará ficou em 4º lugar na categoria A feminino, e em 12º lugar no masculino, ambos com alunos da cidade de Parauapebas, que disputaram o Campeonato Brasileiro de Xadrez. Segundo ele, o grande crescimento do esporte se deu em função de o xadrez não ser mais visto apenas como brincadeira. “Agora, ele vem ganhando força de desporto e isto é muito bom, já que contribui para o desenvolvimento integral dos alunos”, disse ele.
A estudante Maíra Andrade, 15 anos, da Escola Estadual Teodora Bentes, é bicampeã estadual na categoria B. Há três anos, quando começou a praticar xadrez, ela constatou um avanço em suas notas escolares e na compreensão das matérias estudadas. “Melhorei muito como estudante e como pessoa. Hoje sou mais atenciosa, concentrada e até comportada. Passei a ter mais respeito pelo próximo e a entender que todos temos diferenças. Hoje, treino várias horas por dia e até ensinei meu pai, para ele jogar comigo”, contou.
Para a coordenadora do NEL, Ana Glória Guerreiro, o xadrez complementa as práticas desportivas, representando um ponto de equilíbrio e concentração dos alunos, inclusive contribuindo para a diminuição de conflitos e atos violentos. “Este esporte faz com que os atletas se acalmem, se concentrem e melhorem em todos os aspectos. O xadrez está entrando para ganhar força e ocupar os espaços pedagógicos”, reiterou a coordenadora. A participação do xadrez no Super Jep's encerra neste sábado (12), com a premiação dos vencedores.
Fabianna Batista – Seduc
Programação especial marca
última etapa do Campeonato
Paraense de Remo em
Belém no Ver-o-Rio
Uma vasta programação cultural e de lazer marca, neste domingo (13), a 5ª Regata do Campeonato Paraense, última disputa do ano. O Projeto Brinca Belém é um deles. Os brinquedos, como a cama elástica e a piscina de bolinha, assim como oficinas de pintura em papel e de rosto estarão à disposição da criançada que for acompanhar a competição náutica.
Outra atração será a apresentação de um coral com 120 crianças da empresa mineradora Vale. Para incentivar a popularização do remo e torná-lo inclusive como atividade de inclusão social, a Federação Paraense de Remo (Fepar) estará colocando a disposição do público, o Remo Indoor, equipamento que simula todos os movimentos e técnicas de remar em um aparelho chamado “remoergômetro”.
Mais de 100 atletas devem participar diretamente da regata. O Clube do Remo lidera a competição, com 27 provas e 109 pontos. A Tuna Luso Brasileira é a 2ª colocada com 23 provas e 90 pontos. Enquanto que o Paysandu ocupa a 3ª posição com 14 provas e 68 pontos. O clube campeão receberá o troféu “Inclusão Social”. Cerca de mil pessoas são esperadas no evento.


Postar um comentário

REVISTAS MEDIUNIDADE

JESUS: "Choro por todos os que conhecem o Evangelho, mas não o praticam...”

Ofuscado pela grandeza do momento, começou a chorar. Viu, porém, que Jesus chorava também... E, Eurípedes, falou – Senhor, por que ch...