Total de visualizações de página

sexta-feira, novembro 18, 2011

BO – BOLETIM DE OCORRÊNCIA

Operação da PM apreende
40 quilos de maconha no Moju
Uma grande operação policial militar coordenada pelo Major PM Silva Junior, comandante da 3ª Companhia Independente PM e pelo Capitão PM Hilton, com apoio do Grupamento Tático Operaciona e do destacamento da PM de Moju; conseguiu fazer a apreensão de mais de 40 quilos de maconha, além de armas e dinheiro que tinham como destino a região do Baixo Tocantins.
A droga era comercializada por uma quadrilha que já vinha sendo monitorada pela PM também em virtude de denúncias de roubo de cargas de veículos na rodovia PA-150. À altura do Km 50 os policiais localizaram um dos criminosos, que saía de uma estrada vicinal com uma mochila às costas. Durante a abordagem da guarnição, foram encontrados 10 "tijolos” de maconha. Questionado sobre a posse da droga, o acusado revelou o nome de outras pessoas também envolvidas no crime e sua possível localização.
De posse das informações, os policiais foram até local mencionado e conseguiram prender mais um integrante do bando, que revelou onde estava o restante da droga e ainda onde era feita a plantação e comercialização do produto no município de Moju. Depois de caminhar por dentro de uma área de mata, os militares chegaram ao local indicado, onde foram recebidos a tiros pelo terceiro criminoso, que protegia o terreno. Desarmado, o homem foi preso e que ainda informou que a droga destinava-se a abastecer o comércio de entorpecentes de vários municípios do Baixo Tocantins, principalmente Moju, Barcarena, Abaetetuba, Igarapé-Miri e Cametá.
Além dos 40 kg de maconha prensada, os policiais ainda apreenderam cerca de 2.700 pés de maconha, divididos em quatro canteiros de plantações; duas armas de fogo com vários cartuchos; três aparelhos de telefone celular e R$ 1.185,00 em espécie. Todo o material foi apresentando à Depol, para o registro e o encaminhamento devido.
Major Leno Carmo - Ascom/PMPA
CPC Renato Chaves fará
manutenção em câmaras
frigoríficas do IML
Até o final dessa semana o Centro de Perícias Científicas Renato Chaves fará manutenção em cinco câmaras frigoríficas do Instituto Médico Legal (IML), onde são armazenados os cadáveres sem identificação. Para que este serviço seja realizado, as máquinas serão desligadas e um caminhão frigorífico será instalado na área externa do Centro, sediado na Rodovia Transmangueirão, em Belém, com temperatura e espaço adequados para conservar os corpos.
O serviço de recuperação das câmaras frigoríficas do CPC Renato Chaves tem previsão para durar cerca de dois meses e assim que forem concluídos, os cadáveres retornarão ao espaço de conservação devido, nas dependências da instituição, e seguirão os procedimentos de liberação aos familiares, caso haja identificação, ou para sepultamento, como não identificados.
Essa será a primeira vez, em cinco anos, que as câmaras do IML receberão manutenção desse porte e com uma logística específica, o que garante um salto de qualidade nas ações de perícia, nas áreas de Medicina Legal e Criminalística, desenvolvidas pelo órgão.
Formado pelo Instituto de Criminalística e pelo Instituto Médico Legal, o CPC Renato Chaves atende usuários do sistema de Segurança Pública, Ministério Público, Poder Judiciário e sociedade em geral. É responsável pela perícia oficial do Estado do Pará e tem como finalidade coordenar, disciplinar e executar a perícia cível e criminal.
Com um corpo técnico formado por cerca de 290 peritos criminais e 80 médicos legistas, o Centro atende hoje a Região Metropolitana de Belém e o interior do Estado através das Unidades Regionais de Castanhal, Santarém, Marabá e Altamira, além dos Núcleos Avançados de Bragança, Abaetetuba, Parauapebas e Tucuruí. Futuramente, mais um núcleo será inaugurado em Paragominas.
Nil Muniz - Ascom/CPC Renato Chaves
Policiais detêm em
Tucumã acusados de
assaltar bancos
Policiais civis e militares do município de Tucumã, sudeste do Pará, prenderam cinco homens e apreenderam um adolescente acusados de envolvimento em formação de quadrilha e em crimes na região. A ação policial foi coordenada pelo primeiro tenente Edinei Gomes, comandante do Destacamento Policial Militar. A prisão foi feitas na casa nº 205, rua Capanema, setor rodoviário da cidade.
No momento da prisão, o grupo, que é acusado de envolvimento em tentativa de roubo a banco no município de Rio Maria, nordeste paraense, estava reunido com materiais que seriam usados para arrombar caixas eletrônicos nos municípios de Tucumã e Ourilândia do Norte. Segundo informações dos policiais, buscas ainda estão sendo feitas. O levantamento de informações de forma conjunta continua, pois há a suspeita do envolvimento de outras pessoas no bando.
Para isso, segundo o tenente Edinei, a integração das forças policiais e a participação da comunidade é muito importante no fornecimento de informações e denúncias que levem à identificação e localização de mais envolvidos. Para o registro oficial da prisão e apreensão dos suspeitos e dos objetos está sendo feito o deslocamento de um delegado de Polícia Civil, que vai de São Félix do Xingu ou de Redenção para os devidos procedimentos.
Policiais militares do 8º Batalhão da PM, com sede em Soure, flagraram em Ponta de Pedras, na ilha do Marajó, um homem com 17 petecas de cocaína. Eles receberam uma denúncia anônima sobre a suposta venda do entorpecente no bairro da “Estrada”, onde a guarnição da PM encontrou uma pessoa com as mesmas características apontadas na denúncia. O acusado foi abordado e, em seguida, encaminhado para a delegacia local, onde foi registrado o flagrante.
Leno Carmo – Polícia Militar
Policiais prendem idosa
acusada de tráfico
de drogas
Foi presa por policiais militares da 8ª Zona de Policiamento (Zpol) da Capital, no bairro da Ponta Grossa, na invasão Pedro Carneiro, em Icoaraci, a anciã conhecida como “Vovó do tráfico”. Na casa dela, foram encontradas 60 petecas de cocaína. O imóvel servia também como ponto de venda da droga, onde a mulher se prevalecia da sua avançada idade para vender o entorpecente sem levantar suspeita. Para a prisão da idosa e a apreensão da droga, foi necessário o trabalho de investigação do serviço de inteligência do 10º Batalhão da PM, que contribuiu para que a guarnição policial militar, comandada pelo tenente PM Jerônimo, oficial Interativo da 8ª Zpol, chegasse ao local com segurança e conseguisse obter êxito no flagrante.
Leno Carmo – Polícia Militar
Guarda Municipal coíbe
crime no Parque Ambiental
Rondas frequentes feitas pela Guarda Municipal de Belém nas dependências do Parque Ambiental, localizado na avenida Centenário (antiga Independência), no bairro de Val-de-Cans, apreenderam nesta terça-feira (15), sete gaiolas e três bicicletas. Ninguém foi detido.
As aves e as bicicletas foram abandonadas no local pelos infratores, que fugiram ao perceber a chegada dos guardas, sob o comando do inspetor Fayal. De acordo com o chefe da Divisão de Operações da GMB, inspetor R. Carlos, há três meses que a corporação vem realizando um trabalho de orientação junto aos moradores da áera, alertando para a proibição da prática criminosa naquele parque.
O alerta lembra que é proibido capturar passarinhos e outros animais silvestres no Parque Ambiental, crime previsto em lei. Mesmo sabendo das consequências as pessoas insistem em correr o risco de serem presas. O material abandonado é apreendido e o infrator pode vir a responder por crime ambiental. Desde agosto que a Guarda Municipal realiza as rondas diárias para coibir a prática.
Texto: Ascom GMB
Guarda Municipal de Belém
integra esquema de
segurança internacional
 A convite da Marinha do Brasil, o grupamento de Ronda Metropolitana da Capital (Rondac) da Guarda Municipal de Belém fez, por quatro dias, a segurança e escolta do Chefe Maior do Estado da Marinha da República Dominicana, o vice-almirante Nicolás Cabrera Arias. O trabalho foi realizado junto com o grupamento motorizado da Rotam, da Polícia Militar do Pará.
A Guarda Municipal utilizou-se de 18 motocicletas e 3 viaturas durante os dias da visita do vice-almirante, que esteve em Belém à convite da Marinha do Brasil para conhecer as instalações da Força Armada Marítima no norte do país, especificamente na capital paraense. O oficial aproveitou para conhecer também vários pontos turísticos da cidade e o navio de Guerra da Marinha. As honras foram retribuídas pelos anfitriões da casa ao visitarem o navio de Guerra da República Dominicana, aportado em Belém. Oficiais e alunos aspirantes a oficiais do país da América Central formavam a tripulação da embarcação.
De acordo com o chefe do Rondac, inspetor Adonai do Socorro, o vice-almirante Nicolás Cabrera Arias demonstrou muita simpatia e cordialidade durante sua estadia no solo paraense. Foi assim até o momento de embarque no avião, na manhã desta quarta-feira (16). “No momento das honras militares, o vice-almirante dirigiu-se até nós (Rondac) e fez questão de nos cumprimentar pessoalmente. Foi de grande gentileza da parte dele", elogiou o chefe do Rondac.
A Guarda Municipal de Belém, nos últimos anos, especialmente através do Rondac, tem feito escolta e segurança de grandes autoridades e chefes de Estado. Já prestou seus serviços durante as visitas do presidente da Venezuela, Hugo Chavéz, e de Luiz Inácio Lula da Silva, na sua última vinda a Belém, quando até então era presidente do Brasil. Todos os anos acompanha a Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Nazaré em todas as romarias. No último jogo da Seleção Brasileira em Belém, a GMB participou maciçamente do forte esquema de segurança montado para guarnecer a delegação.
Texto: Ascom GMB
Policiais da 9ª Zpol frustram assalto
No feriado da última terça-feira (15), policiais militares da 9ª Zona de Policiamento (Mosqueiro) sob comando do Tenente PM Jofre, foram acionados para atender ocorrência de tentativa de roubo em uma casa na Ilha. O imóvel, pertencente a um Juiz, estava sendo monitorado por um grupo de criminosos que esperava o melhor momento para invadi-lo.
Ao chegar às proximidades da residência, os militares depararam com três homens em atitude suspeita, os quais foram abordados. Com os mesmos foram encontradas duas armas de fogo e duas armas brancas. Os infratores foram presos e encaminhados, juntamente com o material apreendido, para a Seccional de Mosqueiro, para a adoção dos procedimentos legais.
PM prende acusados
de roubo em Icoaraci
Policiais Militares da 8ª Zona de Policiamento (Icoaraci); Cabos PM Wagner e Edenilson, fizeram a prisão de uma dupla acusada de diversos roubos na região. A prisão aconteceu logo após os acusados atacarem o gerente de uma empresa localizada na “estrada velha do Outeiro”, na tentativa de roubar do cidadão uma grande quantidade em dinheiro que estava sendo levada pelo mesmo para o pagamento de funcionários.
Ao desconfiar de uma moto que o seguia, o gerente acionou a Polícia Militar e informou as características dos suspeitos, o que levou a prisão dos mesmos. Com os acusados foi encontrada uma pistola calibre .40 pertencente à Polícia Civil, além da moto usada para realizar o assalto. Um dos presos foi reconhecido como sendo um procurado “matador de aluguel” que prestava seus serviços para traficantes da área de Icoaraci.


Postar um comentário

REVISTAS MEDIUNIDADE

JESUS: "Choro por todos os que conhecem o Evangelho, mas não o praticam...”

Ofuscado pela grandeza do momento, começou a chorar. Viu, porém, que Jesus chorava também... E, Eurípedes, falou – Senhor, por que ch...