Total de visualizações de página

segunda-feira, novembro 07, 2011

Curso de gestão é ministrado na Susipe


Oferecer oportunidades de formação e crescimento profissional para os servidores é uma das prioridades da Superintendência do Sistema Penitenciário do Pará (Susipe). Pensando nisso, a Escola de Administração Penitenciária (EAP) realiza de 7 a 11 de novembro o curso de Capacitação em Gestão Estratégica. A abertura aconteceu nesta segunda-feira, 7, com o coordenador geral da Susipe Coronel André Cunha.
O coordenador André Cunha falou aos participantes da importância do curso e sugeriu aos participantes para aproveitarem o momento para conhecer um pouco mais sobre gestão. “Está é uma grande oportunidade para se capacitar e crescer profissionalmente”, destacou. O coronel André também falou um pouco de sua vida profissional, como militar e também de sua atuação no sistema penitenciário paraense e brasileiro. Ele que já foi membro do Departamento Penitenciário Nacional.
Segundo a gerente da EAP, Soliane Fernandes, essa é uma forma de aperfeiçoar o trabalho dos servidores e prepará-los para os desafios do dia a dia nas casas penais. “Queremos ajudar estes servidores a melhorar o desempenho na gestão das unidades prisionais”, disse.
Para a Diretora Centro de Recuperação Regional de Tomé-Açu, Selma Nascimento, “é essencial promover cursos para poder aprimorar conhecimentos de gestão penitenciária”. O curso terá 46 horas aula, que acontecerão nos turnos matutinos e vespertinos, direcionadas para diretores, vices diretores e chefes de segurança. Os participantes terão que ter 75% de presença para receber o certificado.
Este ano, mais de dois mil servidores participaram dos cursos de capacitação oferecidos pela Susipe através da EAP, em diversos setores que compõem o sistema. As temáticas dos cursos oferecidos são escolhidas através de pesquisa e levantamento de necessidades dos servidores.
Anterno Filho - Ascom Susipe
Postar um comentário

REVISTAS MEDIUNIDADE

JESUS: "Choro por todos os que conhecem o Evangelho, mas não o praticam...”

Ofuscado pela grandeza do momento, começou a chorar. Viu, porém, que Jesus chorava também... E, Eurípedes, falou – Senhor, por que ch...