Total de visualizações de página

domingo, novembro 20, 2011

Mostra de Saberes da Educação Infantil traz número recorde de participantes



A Mostra de Saberes da Rede Municipal de Ensino contou com a participação recorde de alunos, neste sábado (19), no Centur. Cerca de dois mil estudantes da educação infantil e mais de três mil do ensino fundamental estiverem presentes à programação. No evento, os alunos puderam apresentar os trabalhos desenvolvidos durante o ano, que tiveram como tema: “Belém, cidade educadora”.
Através de dança, música, teatro e exposições, os estudantes puderam se reconhecer enquanto moradores da capital paraense. A Mostra de Saberes acontece há nove anos e este ano, contou com o diferencial de ter o apoio  das secretarias municipais de Meio Ambiente (Semma) e Esporte, Juventude e Lazer (Sejel). A coordenadora da educação infantil, Célia Santos, comemorou o sucesso do evento. “A cada ano que passa, a gente consegue agregar mais. Com o apoio de parcerias, mostramos pra cidade que a educação passa também por outras secretarias”, declarou.
Foram montados mais de 100 estandes distribuídos para cada unidade de ensino da Semec.  A Escola Parque Amazônia trouxe para mostra a “Toca da Matinta” com o objetivo de valorizar as lendas amazônicas. Já a Unidade de Educação Infantil Monte Alegre fez uma roda de contadores de histórias para incentivar as crianças a gostarem ler. Um coral com 45 crianças da Escola Paulo freire entrou no palco principal e emocionou o público cantando o Hino Nacional.
A Mostra de Saberes serviu também para premiar os alunos que foram destaque no simulado para a Prova Brasil. Os testes foram feitos por 838 alunos de 31 escolas da Rede Municipal, como uma das etapas de formação de professores e acompanhamento da aprendizagem dos alunos, realizados pela equipe de formadores de professores  da Semec.
O destaque foi Ivo Mendes, 14 anos, aluno da oitava série do Liceu Mestre Raimundo Cardoso, em Icoaraci. Ivo conseguiu a proeza de fechar as provas de português e matemática e conseguiu assim, o primeiro lugar geral do simulado. Estudante do Liceu há oito anos, Ivo quer se tornar arquiteto e diz que o ensino adquirido na escola faz toda a diferença: “Tudo lá é muito bom, os professores, a estrutura. O que acaba servindo  de incentivo para que eu estude cada vez mais”, destaca. A Escola Municipal Avertano Rocha  foi a ganhadora do simulado.

Texto: Ascom Semec
Fotos: Adriano Magalhães
Postar um comentário

REVISTAS MEDIUNIDADE

JESUS: "Choro por todos os que conhecem o Evangelho, mas não o praticam...”

Ofuscado pela grandeza do momento, começou a chorar. Viu, porém, que Jesus chorava também... E, Eurípedes, falou – Senhor, por que ch...