Total de visualizações de página

quarta-feira, maio 23, 2012

BRT: CTBel avalia que intervenções no trânsito são positivas



A Companhia de Transportes do Município de Belém (CTBel) avalia como positivas as medidas que foram adotadas pelo órgão para tentar minimizar  e desafogar o trânsito de veículos na Avenida Almirante Barroso, no perímetro em que estão sendo realizadas as obras do BRT.  As intervenções foram implementadas no último sábado (19) e na segunda-feira (21), em vias que cruzam a Av. Almirante Barroso.
No dia 19, a medida foi o desvio de veículos que se deslocavam do Aeroporto no sentido da Almirante Barroso e agora têm que acessar obrigatoriamente a  Av. Brigadeiro Protásio, onde ficou proibido pelo órgão de trânsito o cruzamento destes veículos  da Júlio César/Almirante Barroso, sentido Aeroporto/Almirante.
Já na segunda-feira (21) a Av. Tavares Bastos passou a ter sentido único  no perímetro entre a Av. Pedro Álvares Cabral e Almirante Barroso e foi emitida ordem de serviço para todos os ônibus que vinham da Av. Augusto Montenegro/Almirante Barroso,  agora circular pela Av. Pedro Álvares Cabral/Tavares Bastos/Almirante Barroso, a destino.
Para o diretor de Trânsito da CTBel, Elias Jardim, estas medidas se faziam urgentes e necessárias. “Logicamente que as medidas não vão solucionar o transtorno causado pela obra, mas pelo menos vamos tentar minimizar o problema”, disse.
Jardim destaca ainda que é fundamental a compreensão e colaboração de todos."Se fizermos uma  obra em nossa casa, como uma simples pintura, ela vai causar desconforto e transtorno. Imaginem uma obra deste porte, que mexe com a vida de toda uma coletividade. Infelizmente, este é o preço que temos que  pagar  para termos melhorias não só no sistema viário, mas principalmente no transporte coletivo”, declarou.
Elias Jardim recomenda por fim que as pessoas adotem a partir de então novas medidas de comportamento durante o período das obras do BRT. “Todos, as pessoas, os moradores, os motoristas que utilizam a Av. Almirante Barroso em seus deslocamentos diários devem sair um pouco mais cedo de casa, pegar rotas alternativas à via e ter paciência, muita paciência, pois a obra é para o progresso da cidade”, concluiu.

Texto: Ascom CTBel
Fotos: Comus PMB
Postar um comentário

REVISTAS MEDIUNIDADE

JESUS: "Choro por todos os que conhecem o Evangelho, mas não o praticam...”

Ofuscado pela grandeza do momento, começou a chorar. Viu, porém, que Jesus chorava também... E, Eurípedes, falou – Senhor, por que ch...